Fórmula 1 GP de Abu Dhabi

F1: Chefes de equipes dizem que é tarde demais investigar batida de Pérez em Mônaco

Comandantes da Ferrari, McLaren e Mercedes não acreditam que seja bom para o esporte uma investigação agora

Sergio Perez, Red Bull Racing RB18

Os chefes de equipes de Fórmula 1 dizem que é tarde demais para a FIA investigar o acidente de Sergio Pérez durante o Q3 em Mônaco, apesar da oferta do presidente Mohammed Ben Sulayem de realizá-la.

O incidente em Monte Carlo trouxe uma bandeira vermelha e acabou com as chances de Max Verstappen conseguir a pole position.

Leia também:

Depois que Verstappen se recusou a ajudar Pérez, entregando-lhe o sexto lugar e pontos extras na última volta no Brasil, várias fontes sugeriram que Mônaco era a causa raiz de sua frustração, embora o holandês, Pérez e a Red Bull tenham se recusado a confirmar isso.

A história ganhou força nos últimos dias e, na sexta-feira, Ben Sulayem indicou que iniciaria uma investigação da FIA se alguma equipe rival reclamasse.

No entanto, até mesmo a Ferrari, cujo carro foi danificado no incidente, impactando assim o gasto máximo da equipe, se recusou a levar o assunto à FIA.

"O que aconteceu em Mônaco foi muito difícil para nós julgarmos de fora", disse o chefe da equipe Mattia Binotto quando questionado pelo Motorsport.com. "Acho que não podemos julgar, e não cabe a nós também fazer isso, depende da FIA.

“Tenho certeza de que eles olharam para o tempo e precisamos seguir em frente e pensar que as coisas estão avançando.”

“Acho que o incidente de Pérez foi há algum tempo”, disse Zak Brown, da McLaren. “Então, acho que precisamos, como esporte, se virmos algo que precisa ser investigado, agir mais rapidamente. Acho que o trem já saiu da estação.”

Toto Wolff, Team Principal and CEO, Mercedes AMG

Toto Wolff, Team Principal and CEO, Mercedes AMG

Photo by: Steve Etherington / Motorsport Images

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, questionou por que Pérez correria o risco de bater deliberadamente e indicou que uma investigação não seria boa para o esporte.

“Conheço Sergio há muito tempo”, disse o austríaco. “Um piloto realmente colocaria o carro no muro e arriscaria a caixa de câmbio da maneira como foi feito?

“Você poderia estar indo para o final do grid com esse incidente. Então, para mim, se você quiser estacionar seu carro, você o faz de uma maneira diferente.

“Já tivemos crises de relações públicas suficientes nas últimas semanas em torno dessa equipe e acho que não precisamos de outra.”

Embora não tenha abordado diretamente se o acidente pode ter sido deliberado ou não, o chefe da Red Bull, Christian Horner, admitiu que a equipe não estava feliz com o carro danificado.

"Qualquer acidente, especialmente em um ambiente de limite de custos, é desastroso", disse Horner. "É caro e principalmente em um circuito de rua.

“Obviamente, poderia ter danificado a caixa de câmbio também, um incidente como esse e, claro, incorreu em muitos danos, é claro, com Carlos Sainz.

“Felizmente, este ano, esse provavelmente foi o maior acidente que tivemos com base no custo, o que tem um efeito individual no desenvolvimento de seu desempenho, porque você tem que escolher se vai economizar peças de desenvolvimento.

“Felizmente, os pilotos fizeram um ótimo trabalho depois disso, conseguindo não bater. E, na verdade, temos provavelmente a menor quantidade de danos por acidente no ano em comparação com qualquer outra equipe”.

SEXTA-LIVRE: Veja debate das sessões práticas inaugurais em Abu Dhabi

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate 'treta' entre Verstappen e Pérez no GP de São Paulo

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Pérez lidera dobradinha da Red Bull no TL3 para o GP de Abu Dhabi
Próximo artigo F1: Horner fala sobre as chances de Ricciardo em retorno à Red Bull no próximo ano

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil