Fórmula 1 GP da Itália

F1 'desconvida' Massa do GP da Itália e desmente censura à faixa em apoio a brasileiro exibida por torcida ferrarista em Monza

Brasileiro faria sua primeira aparição no paddock desde o início da judicialização do resultado da temporada de 2008

Felipe Massa

Felipe Massa não estará mais presente no GP da Itália deste fim de semana. Originalmente, o brasileiro estaria acompanhando de perto a ação da etapa de Monza, mas precisou mudar de planos após receber um pedido da própria Fórmula 1 para que não comparecesse ao autódromo, de acordo com a apuração do Motorsport.com com pessoas do staff do brasileiro.

A categoria posteriormente informou que Massa não está 'banido', mas que poderá comparecer a um GP como qualquer outra pessoa, mas sem as atribuições de embaixador da F1. 

Esta seria a primeira vez que Massa circularia pelo paddock da categoria desde o início do processo de judicialização do resultado da temporada 2008, iniciado após as declarações de Bernie Ecclestone dadas em março deste ano. Segundo o ex-chefão da F1, ele e o então presidente da FIA, Max Mosley, estavam cientes da manipulação do GP de Singapura, mas optaram por não fazer nada.

Leia também:

A informação do pedido para que Massa não fosse a Monza foi confirmada pela equipe de Felipe ao Motorsport.com. O piloto sequer embarcou para a Itália, permanecendo em São Paulo.

Além disso, a direção da F1 exigiu a remoção da faixa colocada na quinta-feira na reta principal do circuito de Monza com os dizeres "Felipe Massa - Campeão do Mundo de 2008". O banner foi colocado pela Scuderia Ferrari Club Caprino Bergamasco, um dos vários fã-clubes de tifosi que marcam a presença no GP deste fim de semana.

Segundo a categoria, o motivo para a remoção da faixa é que ela atrapalharia a visão do público, embora a manifestação tenha sido originalmente colocada rente ao chão. Ou seja, a F1 desmente que tenha censurado o conteúdo dos dizeres da faixa, conforme veiculado mais cedo nas redes.

Entenda o caso

A história em torno do campeonato de 2008 voltou à tona no começo de 2023 graças a Ecclestone. Em entrevista ao site F1-Insider, o ex-chefão da F1 disse que ele e Mosley sabiam da situação “durante a temporada de 2008”.

Ele acrescentou: “Decidimos não fazer nada. Queríamos proteger o esporte e salvá-lo de um grande escândalo. Por isso usei 'línguas angelicais' para persuadir meu ex-piloto Nelson Piquet a manter a calma".

“Naquela época, havia uma regra de que uma classificação ao campeonato mundial após a cerimônia de premiação da FIA no final do ano era intocável. Então Hamilton foi presenteado com o troféu e estava tudo bem".

Pouco depois, foi a vez do Motorsport.com trazer à tona uma série de entrevistas que revelavam que Mosley e o então diretor de provas da F1, Charlie Whiting, foram informados sobre o Crashgate durante o fim de semana do GP do Brasil de 2008, com ambos optando por não agir.

Dias depois, durante a estreia da temporada 2023 da Stock Car, Massa revelou com exclusividade ao Motorsport.com que pretendia judicializar o resultado da temporada 2008 com base nas declarações que vieram à público, adotando posteriormente uma estratégia silenciosa por orientação de seus advogados.

Recentemente, Motorsport.com Brasil foi um dos poucos veículos no mundo a ter acesso à carta feita pelo corpo jurídico de Massa endereçada à FIA e à F1, um primeiro passo no processo jurídico segundo as leis britânicas, acusando Ecclestone e Mosley de "conspiração" e de "violarem as regras do esporte".

Na carta, era cobrada uma resposta substancial em um período de 14 dias mas, conforme reportado pelo Motorsport.com na última quarta-feira (31), o pedido de extensão desse prazo não caiu bem com Massa, que deve dar sequência ao processo.

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #245 - Novidades sobre Massa-2008 e Drugo na Sauber: Brasil nos holofotes!

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Verstappen lidera o primeiro treino livre para o GP da Itália; Drugovich é 18º
Próximo artigo F3: Bortoleto alcança feito digno de Piastri e Russell, e futuro parece promissor com patrocínios e parcerias rumo à F1

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil