Fórmula 1 GP da Bélgica

F1: Domenicali diz que Spa pode permanecer no calendário em 2023

CEO da F1 reiterou que nunca descartou circuito belga e que discussões sobre acordo contratual estão em andamento

Track overview

O CEO da Fórmula 1, Stefano Domenicali, deu a entender que o GP da Bélgica ainda pode manter seu lugar no calendário em 2023.

Embora o acordo atual com o local termine este ano e não tenha lugar no calendário de 24 corridas ainda a ser publicado para a próxima temporada, Spa é a primeira corrida reserva - aguardando notícias sobre outros eventos.

Leia também:

O GP da China deve retornar em 2023 após uma ausência de três temporadas, mas as medidas da Covid-19 continuam sendo um grande problema no país, e especialmente na área de Xangai, onde a corrida é realizada, dificultando o compromisso total da F1 com a sua realização.

A F1 também espera retornar à África do Sul já em 2023, após três décadas de distância, mas o acordo comercial para o evento em Kyalami ainda não foi acertado.

A incerteza sobre ambos os locais abriu as portas para Spa, mas o promotor belga ainda terá que apresentar um pacote que se adeque à F1, mesmo que não corresponda às taxas pagas por eventos fora da Europa.

Domenicali disse que não poderia dar muitos detalhes do calendário de 2023, pois ainda não foi finalizado, mas insistiu que Spa ainda tem uma chance.

“Como você pode imaginar, não posso comentar muito sobre isso, porque há respeito em discutir e formalizar por meio do Conselho Mundial de Automobilismo com a FIA”, disse ele. “Você nunca viu algo de mim, dizendo que será o último ano da Bélgica.

“Eu seria prudente nesse comentário, eu diria, eu seria muito prudente. Essa é a única coisa que eu diria. É verdade que estamos trabalhando e discutindo com outros promotores para ver se eles já estão prontos para um compromisso total.

“Sempre houve um ponto que discutimos para encontrar a mistura de corridas em que teremos pelo menos um terço na Europa, um terço no extremo Oriente e outro nas Américas e Oriente Médio. Por isso, queremos estar equilibrados.

“Claro que estamos falando de um negócio em que o investimento, o aporte financeiro, é muito importante, mas sempre dissemos que as corridas tradicionais, as corridas que sabemos que não podem trazer o dinheiro que outras trazem, têm um total respeito de nós.

“Então você vai ver que isso será respeitado também, não só este ano, mas também no futuro. Com a Bélgica, as discussões ainda estão em andamento.”

Eau rouge overview

Eau rouge overview

Photo by: Erik Junius

Ele acrescentou: “Há muito respeito por esses lugares. Mas se você se lembrar, houve alguns períodos em que a Bélgica não estava no calendário, e eles voltaram. A memória às vezes é curta. É um ótimo lugar, sem dúvida. E é por isso que estamos discutindo.

“O que posso dizer é que estamos em Spa neste fim de semana. Então você vai vê-los [os promotores] muitas vezes no meu escritório.”

Domenicali sugeriu que o circuito elevou seu jogo este ano, em parte em resposta à corrida de 2021 que deixou os espectadores frustrados.

"Tenho que dizer que eles estão preparados neste fim de semana de uma maneira incrível", disse ele. “Na quinta-feira haverá um dia especial com pilotos, que será com os fãs. Abrimos isso para recuperar o que aconteceu no ano passado, que eles fizeram algo importante.

“E também, em termos de plano de tráfego eles nos apresentaram uma proposta muito interessante. Acho que os vimos em uma abordagem muito, muito diferente este ano.

“Isso é muito, muito, muito útil saber, e muito importante acima de tudo para as pessoas que estarão em todo lugar em Spa neste fim de semana.”

French Grand Prix fans in a grandstand

French Grand Prix fans in a grandstand

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Olhando mais adiante do que 2023, Domenicali sugeriu que a França pudesse retornar ao calendário, tendo mencionado anteriormente Nice como um possível local para uma corrida de rua.

Ele disse: “Estamos conversando com a Federação Francesa e com o governo, porque cada vez mais o futuro também está relacionado a promotores que veem isso como um investimento para o país, para a comunidade.

“Assim, as discussões são muito, muito abertas para um grande futuro. E como você sabe, uma possibilidade não no próximo ano, mas no futuro, pode ser também encontrar uma espécie de proposta rotativa que permita que todos façam parte do calendário. Porque eu acho que é uma questão de respeito.”

Os anúncios iminentes dos programas de F1 da Audi e Porsche a partir de 2026 também despertaram o interesse no retorno do GP da Alemanha, mas Domenicali enfatizou que os termos comerciais precisam estar corretos.

"Nós realmente esperamos que a Alemanha possa estar de volta", disse ele. "Mas uma coisa é dizer que gostaríamos de ter o GP da Alemanha. A outra coisa é colocar na mesa as coisas que são necessárias para discutir sobre o GP.

“Espero que em breve – com algo que pode acontecer em breve – eles terão uma situação diferente para discutir conosco.”

VÍDEO: O que você precisa saber sobre os novos motores da F1 em 2026

Podcast #192 – Sequência de corridas decidirá campeonato da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior TELEMETRIA: Rico Penteado analisa favoritos em Spa e saída de Ricciardo da McLaren
Próximo artigo Domenicali: F1 não precisa de novas equipes como Andretti

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil