F1 elege melhores pilotos da primeira parte da temporada; confira notas

Esses são os melhores pilotos da temporada de 2022, segundo a própria categoria, que realiza avaliações após cada etapa

F1 elege melhores pilotos da primeira parte da temporada; confira notas
Carregar reprodutor de áudio

É quase um dos momentos mais aguardados pelos fãs da Fórmula 1 a cada semana, o da publicação da própria categoria em seu site e nas redes sociais das notas atribuídas a cada piloto do grid.

São essas avaliações que sempre dão muito o que falar entre os fãs, que nunca agradam a todos e que, no geral, não costumam satisfazer ninguém. A F1, com um painel de cinco juízes, dá a cada competidor uma pontuação de 0 a 10 após cada GP, deixando de lado o carro que ele está pilotando.

Leia também:

Com essa pontuação, é feita a média e o top 10 do GP em questão é publicado. E após as primeiras 13 corridas da temporada 2022, é assim que ficam os Power Rankings da Fórmula 1:

  1.   Max Verstappen: 8.8
  2.  Charles Leclerc: 8.3
  3.  George Russell: 8.0

  4.  Lewis Hamilton: 7.9
  5.  Lando Norris: 7.7

  6.  Fernando Alonso: 7.5
  7.  Carlos Sainz: 7.3
  8.   Sergio Pérez: 7.3
  9.  Esteban Ocon: 7.1
  10.  Kevin Magnussen: 7.0

Assim como no mundial de pilotos ‘real’, a briga pelo primeiro lugar neste ranking também foi entre Max Verstappen e Charles Leclerc.

Embora tenha sido difícil para chegar a essa posição, o líder neste campeonato é o mesmo do mundial. Como aconteceu no campeonato de pilotos, Verstappen foi se aproximando de Leclerc até ultrapassá-lo após o GP do Canadá em que foi o mais valorizado. A partir daí, assim como no Mundial, o holandês vem aumentando sua vantagem.

Isso fez com que Leclerc, da Ferrari, que começou o campeonato liderando o mundial de pilotos e deste Power Ranking, caísse para a segunda posição.

Curiosamente, nenhum de seus companheiros de equipe está na terceira posição, e de fato Carlos Sainz e Sergio Pérez empatam em sétimo lugar, depois que o espanhol conseguiu entrar nesse top 10 nas últimas corridas.

Como na tabela 'real', a Mercedes ficou atrás dos dois primeiros e, de fato, Lewis Hamilton já está apenas um décimo atrás do companheiro de equipe, George Russell.  Um total de seis equipes aparecem nos 10 primeiros lugares.

Destaque para o sexto lugar de Fernando Alonso. A F1 valorizou o trabalho do asturiano, apesar do azar que teve no início do percurso.

Fechando o top 10, está Kevin Magnussen, como o melhor representante da Haas. As corridas que Sebastian Vettel perdeu, devido à Covid-19 provavelmente foram fundamentais para ele não aparecer entre os 10 primeiros.

VÍDEO EXCLUSIVO: DRUGOVICH admite que é “MUITO DIFÍCIL” entrar na F1 como piloto oficial e revela PARCERIA

Podcast #189 - Quem tem mais a perder com confusão contratual? Alpine, Piastri, McLaren ou F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

compartilhar
comentários
F1: McLaren deve encerrar acordo com Ricciardo para dar lugar a Piastri em 2023
Artigo anterior

F1: McLaren deve encerrar acordo com Ricciardo para dar lugar a Piastri em 2023

Próximo artigo

F1: Por que atualizações da Haas são mais do que apenas cópia da Ferrari

F1: Por que atualizações da Haas são mais do que apenas cópia da Ferrari