F1: Ferrari trocará caixa de câmbio se estiver danificada, diz Binotto

Para chefe da equipe, confiabilidade é fundamental; caso substituam a peça, sofrerão punição no grid e perda da pole

F1: Ferrari trocará caixa de câmbio se estiver danificada, diz Binotto

"A Ferrari voltou", é o que os fãs da escuderia devem estar falando após a pole position de Charles Leclerc na classificação para o GP de Mônaco de Fórmula 1, disputada neste sábado (22). A equipe larga do lugar mais alto do grid pela primeira vez desde a etapa do México de 2019.

O monegasco anotou o melhor tempo e seu companheiro de equipe, Carlos Sainz, começa da quarta colocação, mas o resultado poderia ter sido melhor. A cerca de um minuto do final do Q3, Leclerc escapou no S da curva da piscina, bateu e causou uma bandeira vermelha que encerrou precocemente o treino, o que pode ter danificado sua caixa de câmbio e ainda impediu Sainz de melhorar sua volta.

Leia também:

O espanhol não gostou do resultado, apesar de largar próximo aos três primeiros, mas o chefe da equipe Mattia Binotto vê com bons olhos a determinação do piloto e ficou muito feliz com o desempenho da Ferrari no principado.

"Se você comparar nosso desempenho do ano passado, acho que é um grande passo à frente. É verdade que é uma pista muito específica, mas ainda assim você precisa de certo downforce e baixa velocidade. É o que temos. Acho isso importante, é um tipo de acerto que não é fácil de desenvolver."

"Acho que não era esperado estar na pole, com tanta vantagem, mas depois dos treinos de quinta ficamos muito felizes com o desempenho do carro e a confiança dos pilotos. Foi bom ver o Carlos tão rápido e cada vez mais confiante. Ele sabe que poderia ter feito melhor hoje e está desapontado, mas isso é bom. Agora vamos checar a caixa de câmbio e ver o resto amanhã", completou Binotto.

Caso tenha que trocá-la, Leclerc sofrerá punição de posições no grid e perderá a pole. "Estamos preocupados, mas verificando, acho que é muito cedo para saber. Vamos deixar os mecânicos e os engenheiros averiguarem e saberemos nas próximas horas", acrescentou.

"Não vamos apostar [em usar a peça danificada]. Acho que para nós o que é importante depois de uma qualificação dessas é tentar maximizar o número de pontos para o campeonato, então a confiabilidade é fundamental e continua sendo a prioridade. Portanto, se tivermos alguma dúvida sobre a caixa de câmbio, certamente iremos mudar e consertar."

Charles Leclerc, Ferrari SF21

Charles Leclerc, Ferrari SF21

Photo by: Erik Junius

Redenção após 2020 desastroso

A temporada passada foi uma das mais difíceis para a Ferrari, a equipe ficou em sexto lugar no mundial de construtores e fora do top 5 pela primeira vez desde 1980. Para o chefe da equipe, a chave para se recuperarem foi superar a pressão: "Manter a calma, permanecer focados e unidos. Acho que demos alguns passos à frente, estou muito feliz hoje por ter uma pole. É uma boa recompensa para todos nós, mas agora estamos concentrados na corrida de amanhã."

"Os pilotos estão muito bem. Acho que Carlos é uma referência fantástica para Charles, porque ele é sempre um grande líder. E também está o pressionando para fazer melhor. Acho que eles também têm um bom espírito, entendem que o primeiro competidor não é o companheiro, mas os outros pilotos. E quando no futuro tivermos o melhor carro, eles poderão se tornar os principais rivais."

F1 AO VIVO: FERRARI quebra JEJUM e larga em POLE polêmica; Hamilton é apenas o 7º no GP de MÔNACO | Q4

PODCAST: Rico Penteado decifra o que deve acontecer no GP de Mônaco

 

compartilhar
comentários
F1: Wolff lamenta problemas de Hamilton e diz que Bottas teria lutado pela pole

Artigo anterior

F1: Wolff lamenta problemas de Hamilton e diz que Bottas teria lutado pela pole

Próximo artigo

F1: Segurança de Pérez leva tiro durante tentativa de assalto no México

F1: Segurança de Pérez leva tiro durante tentativa de assalto no México
Carregar comentários