F1: Gasly lamenta problemas no TL2, mas diz que sexta-feira foi produtiva

Francês da AlphaTauri não participou da segunda sessão de treinos devido a falha no motor; engenheiro-chefe da equipe comenta decisão da Honda

F1: Gasly lamenta problemas no TL2, mas diz que sexta-feira foi produtiva

Após um bom desempenho no TL1 do GP da Estíria de Fórmula 1, com o segundo melhor tempo geral, Pierre Gasly não participou da sessão seguinte de sexta-feira por conta de falhas no motor de seu AlphaTauri AT02.

O francês, que terminou na zona de pontuação em todas as corridas que completou na temporada, disse que a decisão da equipe foi preventiva. A princípio, não há indícios de que ele não disputará o TL3 e a classificação.

Leia também:

"Percebemos um problema com a unidade de potência e não quis correr riscos", disse Gasly. "Há algumas coisas que queríamos tentar durante o TL2, então é uma pena não ter sido capaz de fazer isso, mão há nada que possamos fazer a respeito e só devemos olhar para o amanhã agora."

“Esta manhã foi ótima, o ritmo e o desempenho do carro estavam fortes e tudo correu bem, então foi uma sessão muito positiva para o início do fim de semana. Yuki [Tsunoda] não se sentiu tão confortável no carro esta tarde como no TL1, então precisamos analisar todos os dados que temos antes da classificação para estarmos prontos."

O japonês, companheiro de equipe de Pierre, terminou a segunda sessão de treinos na 15ª colocação, após conquistar o quinto posto na primeira. Segundo o engenheiro-chefe da AlphaTauri, Jonathan Eddolls, o piloto não teve rendimento ideal com os pneus.

"Completamos um plano típico de TL2", disse ele. "Infelizmente Yuki não foi capaz de mostrar todo o seu potencial em sua primeira corrida com os macios, o que significa que a classificação final de hoje não é totalmente representativa. Juntando tudo, sabemos que há mais por vir amanhã."

Eddolls também comentou sobre os problemas com o carro de Gasly: "O desempenho parecia promissor, mas durante o intervalo, a Honda detectou algo estranho nos dados da unidade de potência e não queria correr nenhum risco. Optamos por investigar o problema por completo esta tarde."

"É uma situação lamentável porque o segundo treino acabou quase completamente seco, então foi uma perda para Pierre, mas pelo menos estivemos fortes pela manhã e estou confiante de que ele será capaz para repetir no TL3."

O engenheiro-chefe também comentou qual foi o objetivo proposto à dupla: "Dado o risco de chuva no TL2, antecipamos nosso plano típico para o TL1, então os dois se concentraram no desempenho de curta duração dos médios, seguido pelos macios."

"Em seguida, dividimos os carros, com Gasly completando longos stints com os compostos vermelhos e Tsunoda fazendo o mesmo com os amarelos. Como o foco estava na compreensão dos pneus, havia pouco espaço para testes de configuração e otimização", completou.

F1 2021: Treinos agitados para GP da Estíria, com VERSTAPPEN à frente; veja análise | SEXTA-LIVRE

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

TELEMETRIA: Rico Penteado é enfático sobre favorito na Áustria

 

compartilhar
comentários
F1 - CEO da McLaren enaltece Norris e defende adaptação de Ricciardo: "Mais rápido a cada corrida"

Artigo anterior

F1 - CEO da McLaren enaltece Norris e defende adaptação de Ricciardo: "Mais rápido a cada corrida"

Próximo artigo

F1: Confira as atualizações das equipes para o GP da Estíria

F1: Confira as atualizações das equipes para o GP da Estíria
Carregar comentários