F1: Red Bull anuncia projeto de seu primeiro carro disponível para venda

Com lançamento previsto para 2025, RB17 terá design voltado para desempenho e motor capaz de fazer modelo alcançar a F1. Apenas 50 unidades disponíveis

F1: Red Bull anuncia projeto de seu primeiro carro disponível para venda
Carregar reprodutor de áudio

Como parte de um ambicioso projeto, a Red Bull revelou nessa terça-feira (28) o seu primeiro carro para comercial e voltado para colecionadores de possantes. Com previsão de lançamento para 2025, o veículo foi projetado por Adrian Newey e deverá custar 5 milhões de libras (cerca de R$ 31,760 milhões na cotação de hoje).

Com apenas 50 unidades previstas para produção, o RB17, nome dado ao carro, terá lugar para dois ocupantes – motorista e acompanhante – e design focado na performance. O motor será um V8 turbo híbrido, capaz de produzir 1100 cavalos de potência, destinado a estar muito próximo ao desempenho de um Fórmula 1.

O editor recomenda:

Além do carro, os compradores terão acesso às instalações do simulador da Red Bull, ao programa de desenvolvimento de veículos e treinamentos em pista.

 

"O RB17 é um marco importante na evolução da Red Bull Advanced Technologies, agora, totalmente capaz de criar e fabricar um carro de produção em série em nosso Campus de Tecnologia Red Bull”, declarou Christian Horner, chefe de equipe dos taurinos.

"Além disso, o RB17 marca a primeira vez em que um carro da marca Red Bull está disponível para colecionadores. É tremendamente excitante. Com este veículo tendo um verdadeiro desempenho de F1, parece certo que o nome fosse na mesma linha da categoria”, completou.

Vale lembrar que na Fórmula 1 a Red Bull não utilizou o RB17. Com a COVID-19, o time fez uma transferência de peças para o carro que utilizaram em 2021, denominado RB16B, e agora estão com o RB18.

"Estamos nessa jornada juntos há 17 temporadas. Parece o próximo capítulo para a empresa, para o negócio e para o que estamos fazendo. Foi uma jornada e tanto até agora. Temos as unidades de potência chegando também, tecnologias avançadas e esse carro muito empolgante", prosseguiu o dirigente.

Projetista do carro, Adrian Newey acrescentou: "O RB17 possui tudo o que sabemos sobre criar carros vencedores de Fórmula 1, em um pacote que oferece níveis extremos de desempenho em um carro de pista de dois lugares”.

"Impulsionado pela nossa paixão e pelo desempenho, o RB17 possui o design e os limites técnicos muito além do que já foi disponível anteriormente para entusiastas e colecionadores”, completou.

Horner tornou a falar e teceu elogios a Newey pelo desenvolvimento. "É ótimo ver que o entusiasmo de Adrian, que não diminuiu para um projeto como esse, que é ótimo para toda a empresa também. Aplicar a metodologia e o timing da Fórmula 1 também, essa foi uma frustração de trabalhar com parceiros e assim por diante, pois você não tem controle do seu próprio destino”, destacou.

"Com isso, assumimos o controle do nosso próprio destino. É um projeto encorajador, mas tudo o que a Red Bull faz é muito corajoso. É tremendamente empolgante estar no controle disso do início ao fim, sem ser um cliente”, finalizou.

compartilhar
comentários
F1: Massa revela segredo que teve que guardar quando assinou com Ferrari
Artigo anterior

F1: Massa revela segredo que teve que guardar quando assinou com Ferrari

Próximo artigo

Horner alerta para "catástrofe" na F1 sobre crise do teto orçamentário

Horner alerta para "catástrofe" na F1 sobre crise do teto orçamentário