F1: Red Bull pode trocar motor de Verstappen na Rússia e receber punição; entenda

Equipe está no limite de três unidades de potência permitidas na temporada e deve mudar para quarta em breve

F1: Red Bull pode trocar motor de Verstappen na Rússia e receber punição; entenda

Christian Horner, chefe da Red Bull, disse que a equipe pode trocar o motor de Max Verstappen no GP da Rússia e, com isso, receber penalidade de grid por utilizar a quarta unidade de potência no ano. O regulamento prevê três trocas sem punição e o holandês já está no limite.

Sochi seria uma "boa oportunidade" para ele, já que recebeu um castigo de três posições para o próximo fim de semana da Fórmula 1, mas a escuderia disse que esperará até o treino classificatório para tomar qualquer decisão.

Leia também:

"É inevitável, vamos ter que receber a penalidade e teremos que fazer isso em uma das próximas três ou quatro corridas", disse Horner ao RacingNews365. "Temos a chance de escolher e vai depender de onde estivermos no sábado na Rússia."

"Infelizmente, a parte danificada é estrutural, então vai ser muito difícil consertá-la. O motor tinha muito pouca quilometragem e passamos a vê-lo como uma possível unidade para sexta-feira, caso possa ser arrumado, mas isso é muito improvável", acrescentou.

As dúvidas sobre as condições do motor de Verstappen assolam a Red Bull desde o GP da Grã-Bretanha, quando o carro do holandês ficou muito danificado após o acidente com Lewis Hamilton na curva Copse.

F1: SAINZ ridicularizou BARRICHELLO? Entenda CONTEXTO da declaração do espanhol sobre brasileiro

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Caótico GP da Itália acirra ainda mais rivalidade Hamilton x Verstappen na F1

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Albon explica ida à Williams e cita ajuda de Horner e Marko

Artigo anterior

F1: Albon explica ida à Williams e cita ajuda de Horner e Marko

Próximo artigo

Coluna do Lawrence Stroll: A nova fábrica da Aston Martin e o passo à frente da equipe na F1

Coluna do Lawrence Stroll: A nova fábrica da Aston Martin e o passo à frente da equipe na F1
Carregar comentários