F1 reduzirá fim de semana do GP de Mônaco de quatro para três dias a partir de 2022

Até a edição deste ano, os primeiros treinos livres aconteciam nas quintas em vez das sextas

F1 reduzirá fim de semana do GP de Mônaco de quatro para três dias a partir de 2022

Tradicionalmente, a passagem da Fórmula 1 pelo principado de Mônaco durava quatro dias, em vez de três como nos demais GPs, com os primeiros treinos livres acontecendo na quinta, enquanto a sexta era de folga para o paddock. Mas o CEO da F1, Stefano Domenicali, confirmou que isso mudará a partir do próximo ano, com a etapa passando a ter os mesmos três dias dos demais.

A tradição dos treinos nas quintas data à programação original da corrida em um final de semana de feriado, mas acabou sendo mantido para permitir que o tráfego pudesse circular pela área, ajudando os negócios na preparação para o resto do fim de semana.

Leia também:

Mas os planos da F1 para o calendário do próximo ano, que deve ser revelado no meio de outubro, incluem a redução do fim de semana em Mônaco para o formato tradicional.

Foi antecipado que, com a adição do GP de Miami para maio, as etapas da Espanha e de Mônaco devem ser realizadas em semanas consecutivas, por isso a redução em um dia, aliviando o fardo logístico.

"Mônaco terá três dias", disse Domenicali em entrevista à CNN. "Então será sexta, sábado e domingo, em vez de quinta, sábado e domingo. Essa mudança será válida já para o próximo ano".

Durante a entrevista, Domenicali confirmou ainda que o projeto é de manter um calendário de 23 etapas para o próximo ano. Esse era o objetivo para 2021, mas as pressões da pandemia forçaram a categoria a reduzir para 22.

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B, Valtteri Bottas, Mercedes W12, Carlos Sainz Jr., Ferrari SF21, Lando Norris, McLaren MCL35M, and the rest of the field at the start

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B, Valtteri Bottas, Mercedes W12, Carlos Sainz Jr., Ferrari SF21, Lando Norris, McLaren MCL35M, and the rest of the field at the start

Photo by: Jerry Andre / Motorsport Images

Domenicali ainda afirmou que o GP da França deve retornar, além de confirmar os planos de terminar a temporada 2022 mais cedo que em 2021. Neste ano, o GP de Abu Dhabi está marcado para 12 de dezembro.

"O plano é de ter 23 corridas. Vamos anunciar o calendário na reunião do Conselho Mundial [do Esporte a Motor, da FIA], em 15 de outubro. A ideia é terminar mais cedo do que neste ano".

A F1 ainda precisa finalizar o calendário deste ano, com uma vaga a ser confirmada para uma etapa no Oriente Médio em 21 de novembro, mas o anúncio final é esperado nas próximas semanas.

A principal mudança no formato que a F1 introduziu em três corridas deste ano são as corridas sprint aos sábados, e o modelo pode ser expandido no próximo ano após uma revisão e sua subsequente implementação.

Domenicali diz que se mantém positivo sobre o impacto, acreditando que isso ofereça mais ação aos fãs, ajudando também a criar uma maior imprevisibilidade.

"É algo a mais porque, em primeiro lugar, damos algo às pessoas todos os dias, para a imprensa, para quem está na pista. Para o interesse e preparação das equipes, da nossa perspectiva, quanto mais imprevisíveis as corridas são, elas acabam sendo melhores".

F1: SAINZ ridicularizou BARRICHELLO? Entenda CONTEXTO da declaração do espanhol sobre brasileiro

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #133: O que poderia ser melhorado no documentário sobre Schumacher?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Coulthard detona Tsunoda: "Deveria fazer as malas e ir pra casa"
Artigo anterior

F1 - Coulthard detona Tsunoda: "Deveria fazer as malas e ir pra casa"

Próximo artigo

TELEMETRIA: Chuva em Sochi? Mercedes perderá invencibilidade? Rico Penteado responde

TELEMETRIA: Chuva em Sochi? Mercedes perderá invencibilidade? Rico Penteado responde
Carregar comentários