Fórmula 1 GP da Holanda

F1: Ricciardo admite que não sabia data da assinatura de Piastri com McLaren

Australiano ainda alegou que um mês antes, equipe e ele conversavam sobre maneiras de melhorar para ter um futuro melhor

Daniel Ricciardo, McLaren

Daniel Ricciardo se viu no meio do furacão nas férias de verão da Fórmula 1. Com sua saída da McLaren anunciada antes dos retornos das corridas, era só questão de tempo até que a equipe confirmasse Oscar Piastri como companheiro de equipe de Lando Norris em 2023 - o que aconteceu nesta sexta-feira. Contudo, Ricciardo deixou claro que, mesmo sabendo de possíveis conversas, não tinha ciência da data da assinatura de contrato por parte de Piastri.

Leia também:

Ao validar o contrato da McLaren com Piastri, a Junta de Reconhecimento de Contratos 'revelou' que a assinatura entre as partes aconteceu no dia 4 de julho: dias antes de Daniel Ricciardo vir até as redes sociais e postar uma declaração alegando que estava "comprometido" com a equipe ate o fim de 2023 (data de expiração do seu vínculo) apesar de todos os rumores envolvendo seu nome e futuro.

 

 

Em entrevista a Sky Sports, após a sessão de treinos livres na Holanda, Ricciardo alegou que não tinha ciência da linha temporal de todos acontecimentos envolvendo a assinatura de Piastri, uma vez que, de acordo com o piloto, ele e equipe estavam conversando sobre formas de fazer a parceria seguir funcionando.

"Eu não, para ser honesto. Essa é a primeira vez que ouço. Eu não estou ciente dos cronogramas e isso e aquilo, o que a equipe está discutindo. Para ser sincero, digamos antes dessa data, digamos um mês antes, já estávamos discutindo meu, não meu futuro, mas claro, onde poderíamos melhorar para tentar ter um futuro melhor com a equipe," revelou.

O australiano ainda admitiu que tinha conhecimento dos burburinhos que estavam rondando a equipe e de possíveis nomes para substituí-lo.

"Estou ciente de que haveria conversas em andamento. Então, em termos de cronogramas, acho que o que a equipe faz, digamos, preparar Oscar, também não é da minha conta em termos de que dia eles falaram e isso ou aquilo. Sim. Se for esse o caso, que assim seja. Não é realmente minha decisão a tomar."

Com a decisão favorável do órgão independente, a McLaren anunciou oficialmente Oscar Piastri como dono do segundo assento da equipe por dois anos, com início já na próxima temporada. 

Pelo lado da Alpine, o time de Enstone deu a situação como encerrada e explicou que no momento certo irá anunciar qual nome irá ocupar a vaga deixada por Fernando Alonso - tendo Pierre Gasly como o principal favorito.

PODCAST #193: 'Estilo Briatore' faz com que Piastri chegue à F1 queimado?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Leclerc lidera dobradinha da Ferrari no TL2 para o GP da Holanda; Verstappen é 8º
Próximo artigo F1: Marko confirma conversas entre Red Bull e Alpine e assegura que equipe "não ficará no caminho" de Gasly

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil