F1 - Verstappen sobre erro na classificação em Miami: “irritado comigo mesmo”

Holandês largará na nona posição após a sessão ter sido encerrada por batida de Leclerc

Max Verstappen, Red Bull Racing RB19

Jake Grant / Motorsport Images

Max Verstappen admitiu que ficou “irritado" por errar durante uma volta no Q3 neste sábado, sendo forçado a ficar com a nona posição do grid para o GP de Miami da Fórmula 1.

Depois de ter liderado os segmentos Q1 e Q2, Verstappen cometeu um erro em sua primeira volta no Q3 e teve que abortá-la.

Isso o deixou em nono e em risco de permanecer nessa posição caso uma bandeira vermelha interrompesse sua segunda tentativa, e foi exatamente o que aconteceu depois que Charles Leclerc bateu sua Ferrari os estágios finais da sessão.

Leia também:

Apesar de sua óbvia frustração, o holandês tentou se manter otimista, afirmando que esperava se recuperar para um “mínimo P2”.

“Claro, isso é lamentável”, disse ele quando questionado sobre como o Q3 se desenrolou. “Mas antes de tudo, é claro, não fizemos uma volta. E isso foi minha culpa. Mas sim, foi extremamente complicado."

“E então, é claro, você precisa de um pouco de sorte, esperando que não haja uma bandeira vermelha. Mas quando você tenta pensar assim, acontece. Então é um pouco perturbador."

“Durante todo o fim de semana fomos muito rápidos, minha volta no Q2 foi rápida o suficiente até para a pole no Q3."

"Então, acho que isso já diz que temos um carro muito rápido. Mas você precisa montá-lo e, no que importa, não o fizemos. E isso é um pouco frustrante da minha parte."

Ele acrescentou: "Ainda estou irritado comigo mesmo, mas também sei que amanhã é um novo dia, muitas coisas podem acontecer."

“Mas não é o ideal, mas também não faz sentido agora ficar super zangado ou chateado com isso. Mas você aprende com isso. Você se sairá melhor da próxima vez.”

Verstappen admitiu que a equipe poderia ter feito as coisas de maneira diferente após o erro cometido.

"Poderíamos ter feito uma retrospectiva, sim, também poderíamos ter saído um pouco mais cedo", observou ele. "Mas, no final das contas, cometi um erro. Não planejamos, é claro, que eu cometesse um erro."

“Então, você fica tipo, 'Ok, vamos um pouco mais cedo, então podemos ter uma corrida limpa.' Eu ainda estava bem à frente dos poucos carros. Mas então você também não antecipa que um carro sai imediatamente. Isso é um circuito de rua, essas coisas acontecem”.

Verstappen disse que foi lamentável que a bandeira vermelha tenha ocorrido na única sessão em que ele não havia registrado uma volta.

"É por isso que é um pouco perturbador. Eu sei que é fácil de fazer. Quero dizer, estamos todos no limite, um pequeno erro pode jogá-lo imediatamente fora. E foi o que aconteceu comigo hoje. Mas ainda assim você sempre quer tentar e ser perfeito, certo? E isso não foi bom."

Mesmo assim, o piloto da Red Bull enfatizou que não deixaria a decepção na classificação afetá-lo.

"Sei que o campeonato não está ganho amanhã", disse ele. "E já estive nesta posição antes. Às vezes você tem alguns contratempos, mas isso não significa que isso continue pelo resto do ano."

“Quero dizer, não pode ser tudo perfeito. Você espera que seja perfeito. Acho que no ano passado tivemos um começo difícil, mas ainda precisa acertar algumas coisas. Hoje não foi perfeito."

Questionado sobre o que esperava alcançar na corrida de domingo, ele afirmou simplesmente: "Mínimo P2."

Podcast #228 - Reclamações de Verstappen em Baku mostram que bicampeão 'sentiu o golpe'?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Décimo terceiro no grid, Hamilton lamenta falta de ritmo no GP de Miami: "Não estamos onde queríamos"
Próximo artigo F1: Horários e previsão do tempo do domingo do GP de Miami

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil