Hamilton confirma domínio da sexta-feira; Massa fecha dia em 10º

Com top-6 quase idêntico ao da primeira sessão, piloto britânico supera companheiro de equipe por apenas 0.021s

Hamilton confirma domínio da sexta-feira; Massa fecha dia em 10º
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06 e Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 W06
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 com nova cor de cabelo
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 com nova cor de cabelo
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 com nova cor de cabelo
Carregar reprodutor de áudio

O britânico Lewis Hamilton deixou suas intenções bem claras no segundo treino livre para o GP da Itália nesta sexta-feira em Monza. Assim como na primeira sessão o líder do campeonato de 2015 por 28 pontos foi o mais rápido.

Vettel bem que tentou lutar contra as Mercedes. Ele colocou os pneus mais macios antes, fazendo o tempo de 1:25.038s após ser mais lento com os pneus médios. Mas Hamilton não poupou o alemão da Ferrari, fazendo 1:24.279s pouco antes da metade do ensaio com os pneus mais rápidos.

Rosberg, assim como no treino pela manhã, também não conseguiu superar o parceiro após sua série de voltas rápidas. Ele ficou a 0.021s do tempo de Lewis Hamilton, com o segundo lugar desta sexta-feira. Vettel ficou em terceiro lugar, a 0.759s da Mercedes.

A surpresa deste treino também foram as Force Indias, com Perez em quarto e Nico Hulkenberg no quinto lugar - ao contrário do que foi na primeira sessão. Kimi Raikkonen fechou o top-6.

Felipe Massa fez sessão regular assim como no primeiro treino livre desta sexta-feira. O piloto da Williams ficou com o décimo lugar, 1.612s atrás do melhor tempo feito por Lewis Hamilton. Seu companheiro, Valtteri Bottas, ficou uma posição à frente pouco mais de 0.2s mais veloz que o piloto do carro 19.

Quem também fez bom trabalho foi o outro brasileiro, Felipe Nasr. Ele terminou a sessão da tarde desta sexta-feira no 11º lugar, logo à frente de seu companheiro de equipe, Marcus Ericsson, que o bateu nas três últimas classificações.

Romain Grosjean e Max Verstappen foram os destaques negativos da sessão, saindo da pista na Variante Ascari. O holandês por pouco não ficou preso na caixa de brita. Mesmo com o carro de costas ele conseguiu retornar para o asfalto.

Daniel Ricciardo teve a sessão comprometida por um problemas de câmbio no início, quando seu engenheiro pediu que desse a volta completa na pista de Monza sem passar da primeira marcha de seu carro.

O terceiro treino livre tem seu início neste sábado às 6h da manhã. Já a classificação está programada para às 9h. Ambos terão transmissão ao vivo do canal SporTV.

Confira a classificação desta sessão:

Pos.  Piloto  Carro / Motor   Tempo   Dif.   Voltas 
Lewis Hamilton Mercedes 1'24.279   27
Nico Rosberg Mercedes 1'24.300 0.021 35
Sebastian Vettel Ferrari 1'25.038 0.759 36
Sergio Perez Force India/Mercedes 1'25.278 0.999 34
Nico Hulkenberg Force India/Mercedes 1'25.325 1.046 43
Kimi Raikkonen Ferrari 1'25.380 1.101 39
Romain Grosjean Lotus/Mercedes 1'25.497 1.218 41
Pastor Maldonado Lotus/Mercedes 1'25.513 1.234 41
Valtteri Bottas Williams/Mercedes 1'25.647 1.368 34
10  Felipe Massa Williams/Mercedes 1'25.891 1.612 31
11  Felipe Nasr Sauber/Ferrari 1'26.114 1.835 30
12  Marcus Ericsson Sauber/Ferrari 1'26.133 1.854 32
13  Daniel Ricciardo Red Bull/Renault 1'26.222 1.943 27
14  Max Verstappen Toro Rosso/Renault 1'26.454 2.175 38
15  Carlos Sainz Toro Rosso/Renault 1'26.641 2.362 50
16  Fernando Alonso McLaren/Honda 1'26.966 2.687 31
17  Will Stevens Marussia/Ferrari 1'28.201 3.922 29
18  Roberto Merhi Marussia/Ferrari 1'28.439 4.160 27
19  Jenson Button McLaren/Honda 1'28.471 4.192 3
20  Daniil Kvyat Red Bull/Renault 1'28.723 4.444 28
compartilhar
comentários
Red Bull recebe punição de 40 posições no grid em Monza
Artigo anterior

Red Bull recebe punição de 40 posições no grid em Monza

Próximo artigo

Briga no calendário pode fazer F1 terminar perto do Natal em 2016

Briga no calendário pode fazer F1 terminar perto do Natal em 2016