Mercedes: dados mostram que estamos mais lentos que Red Bull

Segundo o diretor de performance, Andrew Shovlin, a Mercedes já montou um plano de trabalho para os próximos 10 dias

Mercedes: dados mostram que estamos mais lentos que Red Bull

A Mercedes teve sua cota de problemas durante a pré-temporada da Fórmula 1 no Bahrein, com Lewis Hamilton e Valtteri Bottas perdendo tempo por problemas e reclamando da instabilidade na traseira do carro. E segundo o diretor de performance Andrew Shovlin, a equipe terá um desafio pela frente, já que os dados mostram que a equipe alemã não está tão rápida quando a Red Bull.

Apesar da Mercedes fechar a pré-temporada com um dia sem problemas maiores, a equipe ainda assim foi a que menos andou nos testes. Hamilton terminou como o quinto mais rápido, mas um segundo acima do melhor tempo, de Verstappen.

Leia também:

Apesar da Red Bull evitar o rótulo de favorita, Shovlin disse que, ao final da pré-temporada, os dados da equipe provam que ela está um pouco atrás em termos de ritmo.

"Fizemos progressos no balanço com mais combustível e o carro estava mais previsível, mas como pudemos ver nos dados, em ritmo de corrida, não estamos tão rápidos quanto a Red Bull".

"O trabalho com menos combustível foi mais confuso. Não tivemos ganhos suficientes e precisamos olhar para nossa abordagem, porque vários carros tiveram um ritmo melhor. Tivemos problemas em anos recentes com nosso ritmo na pré-temporada e conseguimos progredir bem antes da primeira corrida, mas dessa vez o desafio será grande".

"Não temos muito tempo antes de voltarmos para a corrida, então planejamos um programa de trabalho para entender os problemas e não deixar nada para trás nos próximos 10 dias".

A Mercedes passou o domingo focando em ajustes de simulação de corrida com Bottas na manhã e Hamilton fazendo um misto de corridas e classificações a tarde. Mesmo com o pneu mais macio, o heptacampeão não foi capaz de acompanhar o ritmo de Verstappen.

"Hoje tivemos algumas melhoras, mas ainda não estamos onde gostaríamos", disse Hamilton. "Não posso apontar apenas uma área, parece que precisamos melhorar em tudo para uma volta. Mal posso esperar para voltar à competição e meu foco".

PRÉ-TEMPORADA F1: MERCEDES se encontra e MCLAREN segue SURPREENDENDO; veja RAIO-X

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Pré-temporada de 2021 da F1 será a mais crucial da era híbrida?

 

compartilhar
comentários
F1: Velocidade de reta não é mais "desvantagem" para Ferrari
Artigo anterior

F1: Velocidade de reta não é mais "desvantagem" para Ferrari

Próximo artigo

F1: Domenicali quer expansão global com corridas na África e "talvez na Coréia"

F1: Domenicali quer expansão global com corridas na África e "talvez na Coréia"
Carregar comentários