Pérez fala em "momento de orgulho" e promete ajudar Red Bull a lutar pelo título

Piloto mexicano deu suas primeiras declarações sobre o novo contrato, que o garante na F1 em 2021

Pérez fala em "momento de orgulho" e promete ajudar Red Bull a lutar pelo título

O mistério chegou ao fim. Sergio Pérez é o novo piloto da Red Bull e disputará a temporada 2021 da Fórmula 1 ao lado de Max Verstappen, enquanto Alex Albon seguirá ligado à equipe como piloto reserva e de testes. 

Pérez, que se viu sem uma vaga para 2021 após perder espaço na Racing Point / Aston Martin com a chegada de Sebastian Vettel, se viu próximo da possibilidade de tirar um ano sabático, tendo a Red Bull como sua única opção viável para seguir na F1 no próximo ano, já que o resto do grid já tinha suas contratações encaminhadas.

Leia também:

Mas sua boa forma apresentada ao longo do ano, incluindo a vitória no GP de Sakhir, credenciou o mexicano para a contratação para uma das vagas mais cobiçadas do grid, enquanto Albon vinha sofrendo em 2020, sem conseguir igualar a performance de Max Verstappen.

Apesar de um mistério inicial, com a Red Bull afirmando que estava ao lado de Albon, dando todas as chances para que ele garantisse a vaga de 2021, após o GP de Abu Dhabi a contratação de Pérez era vista como certa e apenas uma questão de tempo até que fosse oficializada, o que aconteceu nesta sexta (18).

"Estou muito feliz em finalmente poder compartilhar isso com vocês: em 2021 correrei com a Red Bull Racing".

"Agradeço muito a Red Bull por me dar a oportunidade de correr com a equipe em 2021. A chance de pilotar para uma equipe que é capaz de disputar o campeonato é algo que esperava desde que cheguei à Fórmula 1 e será um momento de orgulho para mim entrar no grid com as cores da Red Bull ao lado de Max".

"Fiquem seguros que manterei ao máximo meu foco para a próxima temporada. A equipe tem a mesma mentalidade ganhadora que eu e sei que estou aqui para entregar performance e ajudá-los a lutar por mais um título".

No comunicado que anunciou a contratação de Pérez, a Red Bull determinou sua vitória no Sakhir como ponto-chave para a definição do dono do carro em 2021.

"A sequência recente de Sergio e sua vitória no GP de Sakhir o converteram no favorito para correr pela Red Bull, inicialmente com um contrato de um ano".

Enquanto isso, Albon segue com a equipe austríaca, mas como piloto reserva e de testes. Segundo Horner, ele terá um papel fundamental no desenvolvimento do carro de 2022, com trabalho no simulador e com os novos pneus de 18 polegadas.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

EXCLUSIVA COM LECLERC: Saiba como admiração de pai de piloto por Senna influenciou estrela da F1

PODCAST: Como ficará marcada a temporada de 2020 da F1?

 

compartilhar
comentários
Mercedes não tem pressa para finalizar novo contrato de Hamilton: "Acontecerá mais cedo ou mais tarde"

Artigo anterior

Mercedes não tem pressa para finalizar novo contrato de Hamilton: "Acontecerá mais cedo ou mais tarde"

Próximo artigo

F1: Berger diz que Verstappen e Pérez será uma "combinação forte"

F1: Berger diz que Verstappen e Pérez será uma "combinação forte"
Carregar comentários