Fórmula 1
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
27 dias
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
41 dias
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
83 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
90 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
104 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
111 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
125 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
139 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
146 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
160 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
174 dias

Rosberg: Kimi estava apenas "confuso" no embate com Hamilton

compartilhar
comentários
Rosberg: Kimi estava apenas "confuso" no embate com Hamilton
Por:
9 de jul de 2018 21:09

Ex-campeão mundial acha que é besteira sugerir que houve algo deliberado no acidente entre Kimi Raikkonen e Lewis Hamilton no GP da Grã-Bretanha

Enquanto os comentários de Lewis Hamilton e da Mercedes feitos no calor do momento após a corrida de Silverstone despertaram a ideia de que a batida na primeira volta poderia ter sido proposital, Nico Rosberg acha que o incidente foi simplesmente uma confusão de Raikkonen.

Rosberg diz que o fato da Ferrari não ter imposto ordens de equipe na Áustria para deixar Raikkonen atrás de Vettel foi um sinal claro de que o finlandês não está lá apenas guiando para ajudá-lo no título.

Falando em seu próprio videoblog no YouTube, Rosberg disse sobre o fato de Raikkonen ter ou não atingido Hamilton de propósito: "A resposta é bem simples: 100% que não foi de propósito.”

"Nós também vimos isso na Áustria, porque mesmo lá, Kimi não está guiando para Sebastian. Na Áustria, Kimi ficou em segundo lugar e Sebastian em terceiro e não havia como deixar Sebastian passar. Eles nem consideraram isso.”

"Kimi está guiando por conta própria. Kimi estava lá e simplesmente estragou tudo, freou muito tarde.”

"É incomum para Kimi porque geralmente esse tipo de coisa não acontece com ele. Então, é um pouco estranho. Mas definitivamente não foi de propósito, e bem merecido por uma penalidade de 10 segundos e dois pontos."

Leia também:

Apesar de Hamilton fazer insinuações sobre as "táticas" da Ferrari no pódio depois do GP da Grã-Bretanha, ele esclareceu na segunda-feira que agora aceitou o pedido de desculpas de Raikkonen e que talvez tenha sido "burro" por sugerir qualquer outra coisa.

"Kimi pediu desculpas e eu aceito e continuamos", escreveu ele no Instagram. "Foi um incidente de corrida e nada mais.”

"Às vezes dizemos merda e aprendemos com isso."

Próximo artigo
Ocon sublinha batalha com Alonso após sétimo lugar

Artigo anterior

Ocon sublinha batalha com Alonso após sétimo lugar

Próximo artigo

Renault: Bolhas na Áustria mudaram estratégia em Silverstone

Renault: Bolhas na Áustria mudaram estratégia em Silverstone
Carregar comentários