F-E: Di Grassi vence em Puebla após desclassificação de Wehrlein

Brasileiro encerrou jejum de 21 corridas sem vitória em dobradinha da Audi com René Rast em segundo; Edoardo Mortara completou o pódio

F-E: Di Grassi vence em Puebla após desclassificação de Wehrlein

Lucas Di Grassi fez uma corrida digna de seu auge na Fórmula E. O brasileiro largou da oitava colocação, escalou posições e venceu a Corrida 1 do ePrix de Puebla. Pascal Wehrlein cruzou a linha em primeiro, mas foi desclassificado por infração técnica no carro e perdeu a vitória.

O triunfo encerrou um jejum de Di Grassi e da Audi, que não subiam ao lugar mais alto do pódio desde a etapa de Berlim da temporada 2018-19. O outro brasileiro, Sérgio Sette Câmara, ficou em 15º após sofrer punição no grid de largada.

Leia também:

Antes de começar a corrida, o segundo colocado Oliver Rowland, da e.dams, teve um problema: seu rádio não funcionava e ele ficou sem comunicação com a equipe. 

E as coisas ficaram ainda pior na largada, o britânico não tracionou bem e caiu para 14º. Enquanto isso, o pole Wehrlein segurou a liderança e os ataques de Maximilian Günther, que pulou para segundo logo na primeira curva.

Não demorou muito o safety car entrar na pista, Nick Cassidy foi ao muro e ficou de fora da prova, retomada minutos depois com o top 3 formado por Wehrlein, Günther e Jake Dennis. O líder foi cedo para o Attack Mode e voltou na terceira colocação. Pouco depois, recuperou a posição do britânico da Andretti.

 

Mais atrás, os brasileiros buscavam escalar o pelotão e, com 15 minutos, Lucas Di Grassi já estava em sexto e Sérgio Sette Câmara, punido em posições antes da corrida, em 22º.

Wehrlein recuperou a liderança quando Gunther foi para o Attack Mode e caiu para a quarta colocação. A maioria dos pilotos, incluindo os do Brasil, escolheram utilizar o recurso em torno de 18 minutos de prova. Quando todos usaram, Pascal tinha quase três segundos de vantagem.

Jean Eric-Vergne teve problemas em uma colisão com Robin Frijns e abandonou. O holandês, líder do mundial, ainda recebeu uma punição de dez segundos. Com isso, Di Grassi pulou para o quinto lugar e ativou mais um Attack Mode, perdendo apenas uma posição, mas recuperando em seguida sobre Mitch Evans

 

Aos 27 minutos, safety car novamente na pista. Sam Bird se envolveu em acidente com Alex Lynn e também teve que abandonar.

 

Corrida retomada e vantagem de Wehrlein reduzida a alguns décimos. O alemão agora precisava segurar o primeiro posto nos 11 minutos restantes, e não parecia ter problemas para isso. Seu maior rival do momento foi uma suspeita dos comissários de possível infração no carro, que poderia "cancelar" a vitória.

Com menos de cinco minutos para o final, Di Grassi começou a escalar o pelotão. Ele foi o melhor em uma disputa de seis carros pela segunda colocação e se colocou na vice-liderança, com seu companheiro de equipe René Rast vindo junto.

E na bandeira quadriculada, a confirmação: desclassificação de Wehrlein, vitória do brasileiro e dobradinha da Audi. Edoardo Mortara completou o pódio.

Classificação final

Cla   # Piloto Equipe Voltas Tempo Diferença Intervalo km/h Abandono Pontos
1   11 Brazil Lucas di Grassi Germany Audi Sport Team Abt 28 47'40.772         25
2   33 Germany René Rast Germany Audi Sport Team Abt 28 47'41.269 0.497 0.497     18
3   48 Switzerland Edoardo Mortara Monaco Venturi 28 47'43.546 2.774 2.277     15
4   29 United Kingdom Alexander Sims India Mahindra Racing 28 47'51.215 10.443 7.669     12
5   27 United Kingdom Jake Dennis United States Andretti Autosport 28 47'52.245 11.473 1.030     10
6   13 Portugal Antonio Felix da Costa China Techeetah 28 47'52.396 11.624 0.151     8
7   5 Belgium Stoffel Vandoorne Germany Mercedes 28 47'52.794 12.022 0.398     6
8   20 New Zealand Mitch Evans United Kingdom Jaguar Racing 28 47'53.123 12.351 0.329     4
9   17 Netherlands Nick de Vries Germany Mercedes 28 47'53.708 12.936 0.585     2
10   94 United Kingdom Alex Lynn India Mahindra Racing 28 47'53.926 13.154 0.218     1
11   8 United Kingdom Oliver Turvey United Kingdom NIO Formula E Team 28 47'55.320 14.548 1.394      
12   28 Germany Maximilian Gunther United States Andretti Autosport 28 47'56.029 15.257 0.709      
13   88 United Kingdom Tom Blomqvist United Kingdom NIO Formula E Team 28 47'56.214 15.442 0.185      
14   71 France Norman Nato Monaco Venturi 28 47'56.528 15.756 0.314      
15   7 Brazil Sergio Camara United States Dragon Racing 28 47'57.743 16.971 1.215      
16   23 Switzerland Sébastien Buemi France DAMS 28 47'57.899 17.127 0.156      
17   4 Netherlands Robin Frijns United Kingdom Virgin Racing 28 47'58.714 17.942 0.815      
18   6 Sweden Joel Eriksson United States Dragon Racing 28 47'59.057 18.285 0.343      
  dnf 22 United Kingdom Oliver Rowland France DAMS 24 42'32.593 4 Laps 4 Laps   Abandono  
  dnf 10 United Kingdom Sam Bird United Kingdom Jaguar Racing 15 25'47.889 13 Laps 9 Laps   Abandono  
  dnf 25 France Jean-Eric Vergne China Techeetah 12 22'15.809 16 Laps 3 Laps   Abandono  
  dnf 37 New Zealand Nick Cassidy United Kingdom Virgin Racing 0 0.000       Abandono  
  dq 99 Germany Pascal Wehrlein Germany Porsche Team 28 47'36.856   47'36.856      
  dq 36 Germany Andre Lotterer Germany Porsche Team 28 47'57.444 16.672 20.588    

F1 2021: VERSTAPPEN é pole, HAMILTON 2º e Regi Leme passa mal, perdendo a transmissão; saiba mais

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

TELEMETRIA: O que esperar do GP da França com RICO PENTEADO

 

compartilhar
comentários
F-E: Pascal Wehrlein é pole position da Corrida 1 de Puebla; Di Grassi é 8º
Artigo anterior

F-E: Pascal Wehrlein é pole position da Corrida 1 de Puebla; Di Grassi é 8º

Próximo artigo

F-E: Oliver Rowland larga da pole position na segunda corrida de Puebla; Di Grassi é 13º

F-E: Oliver Rowland larga da pole position na segunda corrida de Puebla; Di Grassi é 13º
Carregar comentários