Fórmula E considera pista alternativa no México e segunda prova nos EUA para preencher calendário

Circuito a cerca de 150 quilômetros da capital é a melhor opção, já que o Hermanos Rodriguez está sendo usado no combate à pandemia

Fórmula E considera pista alternativa no México e segunda prova nos EUA para preencher calendário

Com dez provas confirmadas até o momento, e a etapa no Marrocos próxima de ser cancelada, a Fórmula E busca opções para realizar 15 eventos na temporada 2020-21. E com a visita a Santiago marcada para o início de junho, a categoria olha para opções no continente americano para incrementar o calendário, apesar de ainda considerar a corrida chilena como uma interrogação.

No momento, a F-E já realizou as quatro primeiras etapas da temporada 2020-21, sendo duas em Diriyah e duas em Roma, no último final de semana. No final de abril, a categoria visita o Circuito Ricardo Tormo, em Valência e já confirmou o ePrix de Mônaco no início de maio, além da rodada dupla em Santiago no início de junho, enquanto Marraquexe deve cair.

Leia também:

Mas a F-E está determinada a entregar sua maior temporada no primeiro ano em que passa a receber a denominação de Campeonato Mundial da FIA e, por isso, mira pelo menos 15 etapas. No momento, algumas provas estão suspensas, sem datas no calendário: Berlim, Londres, Sanya, Seul, Cidade do México e Nova York.

Por isso, a categoria quer aproveitar a realização da corrida no Chile no começo de junho para estender sua permanência no continente americano e já mira algumas corridas para preencher o calendário.

A F-E quer manter o México no calendário, mas a situação da capital, onde fica o Autódromo Hermanos Rodriguez, palco da categoria desde 2016, torna a situação complicada para a realização do ePrix. Além disso, o local tem sido usado como centro de tratamento durante a pandemia. Por isso, um circuito pouco conhecido tem surgido como uma opção viável para o evento.

Em entrevista ao site The Race, Alberto Longo, cofundador da F-E, confirmou que uma das opções é o Autódromo Miguel E. Abed, na cidade de Puebla, para a realização de um ePrix em junho. O local, que fica a 150 quilômetros da capital, já recebeu algumas etapas do Campeonato Mundial de Carros de Turismo (WTCC), nos anos 2000.

Segundo informações de bastidores, o acordo já está firmado e deve ser anunciado junto com a próxima leva de corridas da temporada 2021, no final do mês. Entre os pontos favoráveis a Puebla estão suas diferentes configurações e um asfalto mais próximo ao que a categoria encontra nos circuitos de rua.

Longo disse que a categoria está comprometida com a realização de uma corrida no México e que Puebla é uma das opções.

"Há alguns desafios na Cidade do México, mas temos diferentes opções para seguirmos no México", disse Longo ao The Race. "Puebla é uma das opções. Somos próximos do dono da pista, Jose Abed, vice-presidente desportivo da FIA".

A ideia da F-E seria preencher o espaço de cinco semanas entre o ePrix de Santiago, em 05 e 06 de junho, até 10 e 11 de julho, quando pretende realizar a etapa de Nova York, que deve virar uma rodada dupla na nova leva de corridas.

A categoria busca preencher esse período por questões logísticas, evitando um retorno ao Reino Unido por conta das restrições de entrada, que forçariam a realização de uma quarentena de 14 dias.

E apesar de Santiago ainda estar confirmado, Longo disse que há interrogações em cima da prova e que, por isso, a F-E já busca uma possível alternativa caso necessário.

"No momento, temos total confirmação de que podemos correr em Santiago. Mas essa é também uma das corridas que, do meu ponto de vista, tem uma grande interrogação".

Por isso, uma possível alternativa seria o Circuito das Américas, em Austin, sede do GP dos Estados Unidos de F1. O traçado pode ser ajustado, formando duas configurações mais curtas.

Longo reforçou que o objetivo da Fórmula E é de entregar 15 corridas neste ano.

"Estamos comprometidos em fazer 15 corridas nesta temporada e vamos fazer o possível para entregar isso. Se isso significar que teremos que estender a temporada até o fim de agosto ou começo de setembro, não tenho problemas com isso".

NELSON PIQUET e Nelsinho dão DETALHES de equipe na Stock; veja como será a 'versão Lauda' de Nelsão

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Um sorriso mesmo sem vitória? Quais são os pilotos mais carismáticos da F1, mesmo sem grandes resultados?

 

compartilhar
comentários
F-E: Vandoorne classifica vitória como "redenção" após abandono no sábado

Artigo anterior

F-E: Vandoorne classifica vitória como "redenção" após abandono no sábado

Próximo artigo

Fórmula E correrá em versão adaptada do circuito de F1 em Mônaco

Fórmula E correrá em versão adaptada do circuito de F1 em Mônaco
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E
Autor Redação Motorsport.com