Nyck de Vries é 8º e conquista título da Fórmula E; Nato vence em Berlim

Piloto da Mercedes se beneficiou de acidentes com outros postulantes ao título. A vitória em Berlim ficou com Norman Nato

Nyck de Vries é 8º e conquista título da Fórmula E; Nato vence em Berlim

A Fórmula E tem um novo campeão. Nyck de Vries conquistou seu primeiro título na categoria dos carros totalmente elétricos ao finalizar o ePrix de Berlim em oitavo lugar. A vitória da corrida 2 na Alemanha foi de Norman Nato. Oliver Rowland e Stoffel Vandoorne fechou o pódio.

Os brasileiros não foram bem. Lucas di Grassi – que tinha chances matemáticas de título, nunca conseguiu avançar e ainda foi punido com um drive through por ocasionar um acidente com António Félix da Costa. Sérgio Sette Câmara foi o 18º.

Leia também:

A corrida foi marcada pelos incidentes com postulantes ao título. Logo na largada, Mitch Evans ficou parado no grid e foi atingido por Edorado Mortara. Na relargada, foi a vez de Jake Dennis dar adeus à disputa, ao passar reto na curva 1 e bater.

A Corrida

Stoffel Vandoorne foi o pole position, seguido de Oliver Rowland na primeira fila. O melhor entre os que brigavam pelo título era Mitch Evans, largando na terceira posição.

Na largada, Evans ficou parado no grid e teve sua traseira sendo atingida em cheio por Edoardo Mortara. O safety car chegou a entrar na pista, mas a direção de prova optou pela bandeira vermelha.

Os pilotos neozelandês e suíço davam adeus à disputa pelo título.

A relargada foi decidida por ser atrás do safety car, em movimento, com Vandoorne na ponta, Jake Dennis passou reto na primeira curva e também dava adeus ao título. A amarela em todo o circuito foi acionada.

Nova relargada aconteceu com 36 minutos para o final, com Vandoorne em primeiro, Rowland em segundo e Sims em terceiro. O melhor brasileiro era Sérgio Sette Câmara, em 10º e Lucas di Grassi, vivo pelo título, era o 14º. Nyck de Vries, em nono era o campeão naquele momento.

Em quarto, Norman Nato foi o primeiro a usar o modo ataque. Sims, de Vries, Vergne e da Costa fizeram o mesmo no giro seguinte.

Segundo colocado, Rowland pegava o seu primeiro modo ataque com 30 minutos para o final.

Com a potência extra, Nato assumia a liderança, após manobrar sobre Vandoorne.

De Vries, da Costa, Evans, Vandoorne e di Grassi eram anunciados como os contemplados do FanBoost.

O brasileiro da Audi pegou seu modo ataque com 23 minutos para o final. Neste momento, Nato era o líder, seguido de Sims e Rowland. De Vries continuava como virtual campeão com a sexta posição na pista.

Com 17 minutos para o final, de Vries avançava para a quarta posição, ao manobrar sobre seu companheiro de equipe, Vandoorne, e se aproveitando de que Lotterer tentava o modo ataque.

No minuto seguinte, quem teve problemas era da Costa, parado na pista após disputa com di Grassi, trazendo a amarela local e o safety car na sequência. O brasileiro estava sendo investigado pelo incidente.

Na relargada, de Vries tentou avançar para o terceiro lugar, mas errou, e caiu para a sétima posição.

 

Pelo incidente com da Costa, di Grassi foi punido com drive through, quando faltavam nove minutos para o final. Ele retornou na 20ª posição, com suas chances para o bicampeonato – que já eram pequenas – indo para o ralo.

Nos minutos finais, Nato sustentava diferença de dois segundos sobre Rowland, que tinha Vandoorne próximo. Sette Câmara era o 18º.

E foi assim que acabou. Com o oitavo lugar, de Vries conquistou seu primeiro título da Fórmula E.

Resultado final

Cla   # Piloto Equipe Voltas Tempo Diferença Intervalo km/h Abandono Pontos
1   71 France Norman Nato Monaco Venturi 36 1:11'57.152         25
2   22 United Kingdom Oliver Rowland France DAMS 36 1:11'59.422 2.270 2.270     18
3   5 Belgium Stoffel Vandoorne Germany Mercedes 36 1:11'59.989 2.837 0.567     15
4   36 Germany Andre Lotterer Germany Porsche Team 36 1:12'04.257 7.105 4.268     12
5   29 United Kingdom Alexander Sims India Mahindra Racing 36 1:12'05.605 8.453 1.348     10
6   99 Germany Pascal Wehrlein Germany Porsche Team 36 1:12'05.999 8.847 0.394     8
7   10 United Kingdom Sam Bird United Kingdom Jaguar Racing 36 1:12'07.625 10.473 1.626     6
8   17 Netherlands Nick de Vries Germany Mercedes 36 1:12'08.260 11.108 0.635     4
9   33 Germany René Rast Germany Audi Sport Team Abt 36 1:12'09.341 12.189 1.081     2
10   88 United Kingdom Tom Blomqvist United Kingdom NIO Formula E Team 36 1:12'09.831 12.679 0.490     1
11   25 France Jean-Eric Vergne China Techeetah 36 1:12'10.589 13.437 0.758      
12   4 Netherlands Robin Frijns United Kingdom Virgin Racing 36 1:12'10.900 13.748 0.311      
13   94 United Kingdom Alex Lynn India Mahindra Racing 36 1:12'11.518 14.366 0.618      
14   23 Switzerland Sébastien Buemi France DAMS 36 1:12'11.844 14.692 0.326      
15   28 Germany Maximilian Gunther United States Andretti Autosport 36 1:12'12.680 15.528 0.836      
16   6 Sweden Joel Eriksson United States Dragon Racing 36 1:12'13.092 15.940 0.412      
17   37 New Zealand Nick Cassidy United Kingdom Virgin Racing 36 1:12'13.458 16.306 0.366      
18   7 Brazil Sergio Camara United States Dragon Racing 36 1:12'14.113 16.961 0.655      
19   8 United Kingdom Oliver Turvey United Kingdom NIO Formula E Team 36 1:12'18.228 21.076 4.115      
20   11 Brazil Lucas di Grassi Germany Audi Sport Team Abt 36 1:12'32.307 35.155 14.079      
21   13 Portugal Antonio Felix da Costa China Techeetah 21 52'42.154 15 Laps 15 Laps      
22   27 United Kingdom Jake Dennis United States Andretti Autosport 2 28'45.550 34 Laps 19 Laps      
23   48 Switzerland Edoardo Mortara Monaco Venturi 0 0.000          
24   20 New Zealand Mitch Evans United Kingdom Jaguar Racing 0 0.000  

MAX WILSON vê colaboração "MARAVILHOSA" de BAND no automobilismo, com F1 "até no PROGRAMA DO NETO"

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

 

compartilhar
comentários
Mercedes deve abandonar Fórmula E antes de próxima geração
Artigo anterior

Mercedes deve abandonar Fórmula E antes de próxima geração

Próximo artigo

F-E: De Vries e Mercedes são campeões mundiais de pilotos e equipes; confira classificação final

F-E: De Vries e Mercedes são campeões mundiais de pilotos e equipes; confira classificação final
Carregar comentários