Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
66 dias
IndyCar
R
Birmingham
09 abr
Próximo evento em
81 dias
R
Long Beach
16 abr
Próximo evento em
88 dias
Stock Car Brasil MotoGP
25 mar
Próximo evento em
66 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Próximo evento em
80 dias

'Amigo' de Schumi e Rossi, Maradona é homenageado pelo esporte a motor

compartilhar
comentários
'Amigo' de Schumi e Rossi, Maradona é homenageado pelo esporte a motor
Por:
, Repórter

Morto aos 60 anos após parada cardiorrespiratória, lenda do futebol teve contato com ícones do esporte a motor

Nesta quarta-feira, o mundo lamenta a morte de Diego Maradona, um dos maiores jogadores da história do futebol. O que poucos sabem, porém, é que o argentino tinha amizade com nomes importantes do esporte a motor, como o alemão Michael Schumacher, heptacampeão da Fórmula 1, e o italiano Valentino Rossi, vencedor de sete títulos da MotoGP. O ex-meia até chegou a acompanhar corridas a convite dos astros.

O editor recomenda:

Em 2005, convidado por Schumacher, Maradona assistiu ao GP de Mônaco de F1 na companhia de sua filha mais velha, Dalma. O Motorsport.com tem um registro da lenda do futebol no paddock de Monte Carlo:

Maradona e a filha no paddock do GP de Mônaco

Maradona e a filha no paddock do GP de Mônaco

Schumacher e Maradona, aliás, já haviam se conhecido 10 anos antes. O primeiro encontro entre as lendas do esporte mundial ocorreu em 1995, também em Mônaco, quando o alemão corria pela Benetton. Confira o registro:

Michael Schumacher, Benetton, e Diego Maradona

Michael Schumacher, Benetton, e Diego Maradona

Photo by: Motorsport Images

Em 2008, foi a vez de visitar a MotoGP, durante o GP de San Marino, em Misano. Foi nesta ocasião que Maradona conheceu Rossi. O argentino e o italiano se abraçaram e depois conversaram no box da Yamaha. Veja abaixo:

 

"Estamos tristes em saber da morte de Diego Maradona. Um verdadeiro gigante do esporte e um dos maiores futebolistas de todas as gerações. A família MotoGP envia sinceras condolências à família e aos amigos", postou a categoria rainha da motovelocidade.

A 'relação' com Rossi se manteve: em 2015, o piloto homenageou Maradona após vencer o GP da Argentina. Depois da corrida, o italiano vestiu a camisa da seleção 'hermana' com o número 10 e o sobrenome de 'El Pibe'.

 

Em 2019, quando Rossi completou 40 anos, Maradona fez um vídeo em homenagem ao heptacampeão da MotoGP, dizendo o seguinte sobre o italiano: “Para sempre, o anjo que voa ao redor do mundo”.

 

Além de Schumi e Rossi, Maradona conheceu outra lenda da F1: Niki Lauda, tricampeão mundial da categoria. Veja fotos do austríaco com o argentino na galeria abaixo, que também mostra 'El Pibe' com o ex-piloto suíço Clay Regazzoni:

Diego Maradona e Niki Lauda, no GP de Mônaco de 1995

Diego Maradona e Niki Lauda, no GP de Mônaco de 1995
1/3

Foto de: Ercole Colombo

Diego Maradona e Niki Lauda, no GP de Mônaco de 1995

Diego Maradona e Niki Lauda, no GP de Mônaco de 1995
2/3

Foto de: Ercole Colombo

Clay Regazzoni e Diego Maradona, no GP da Argentina de 1996

Clay Regazzoni e Diego Maradona, no GP da Argentina de 1996
3/3

Foto de: Ercole Colombo

No asfalto e no rali

Em 2008, Maradona também teve uma grande experiência off-road. Foi quando deu uma volta, como carona, no Citroën C4 pilotado pelo francês Sébastien Loeb, astro do Campeonato Mundial de Rali (WRC), na Argentina.

Diego Maradona e Sebastien Loeb, Citroen

Diego Maradona e Sebastien Loeb, Citroen

Photo by: Sutton Images

Homenagens

O piloto brasileiro Felipe Massa, vice-campeão mundial da F1 em 2008 e que também é conhecido por ser fã de futebol, postou um vídeo de Maradona demonstrando habilidade: "Vá em paz, mito."

 

O jornalista Reginaldo Leme, mais famoso comentarista de automobilismo do Brasil, também fez seu tributo ao craque através de uma foto ao lado do argentino: "Lá se vai mais uma lenda do futebol arte, aquilo hoje tão raro de se ver. Triste por repostar essa foto do primeiro dia de treino da Argentina, que eu acompanhei na Copa de 86, exatamente aquela em que ele, Diego Armando Maradona, com sua magia, encantou o mundo."

 

Hexacampeão da MotoGP, o espanhol Marc Márquez se manifestou sobre a morte de Maradona. "Descanse em paz", desejou o piloto, que perdeu a maior parte da temporada 2020 por causa de uma fratura no braço direito.

 

Irmão mais novo de Marc e seu companheiro na Honda neste ano, Álex Márquez também falou sobre a perda. "Gênio do futebol", escreveu o espanhol, que correrá pela equipe satélite LCR na temporada 2021.

 

Outro destaque da categoria rainha, o francês Fabio Quartaro, que trocará de equipe com Rossi e irá para a Yamaha oficial de fábrica em 2021 após dois anos na Petronas, também desejou um bom descanso para Maradona.

 

Multicampeão de rali no WRC e no Dakar, o espanhol Carlos Sainz, pai do piloto da McLaren na F1, escreveu: "Minhas condolências à família de Diego Maradona. Hoje é um dia muito triste para todos os fãs de esporte. Descanse em paz, gênio."

 

Ex-chefe da Ferrari durante a era de ouro de Schumacher na escuderia e atual presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o francês Jean Todt disse: "Diego, esta taça é sua para sempre."

 

Fla-Flu: tricolor, Cacá Bueno brinca com torcida de Galvão pelo rubro-negro; assista

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Domínio da Mercedes tira mérito de Hamilton no hepta da F1? Ouça debate

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Extreme E anuncia cobertura da ESPN no Brasil

Artigo anterior

Extreme E anuncia cobertura da ESPN no Brasil

Próximo artigo

VÍDEO: Carro 'invade' Interlagos e congestiona saída dos boxes da pista paulistana

VÍDEO: Carro 'invade' Interlagos e congestiona saída dos boxes da pista paulistana
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Geral
Autor Carlos Costa