Fórmula 1
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
7 dias
Fórmula E
R
ePrix da Arábia Saudita
22 nov
-
22 nov
Próximo evento em
1 dia
R
ePrix de Santiago
17 jan
-
18 jan
Próximo evento em
57 dias
NASCAR Cup
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
15 nov
-
17 nov
Evento encerrado
Stock Car Brasil
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
R
Goiânia II
22 nov
-
24 nov
Próximo evento em
1 dia
MotoGP
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
15 nov
-
17 nov
Evento encerrado

MP-SP designa promotor para caso de morte de piloto do SuperBike Brasil

compartilhar
comentários
MP-SP designa promotor para caso de morte de piloto do SuperBike Brasil
Por:
, Repórter
29 de mai de 2019 13:37

Depois de acidente fatal com Danilo Berto em etapa da categoria no circuito de Interlagos, Ministério Público de São Paulo acompanhará investigações

A morte de mais um piloto do SuperBike Brasil segue repercutindo. Desta vez, o Ministério Público de São Paulo decidiu entrar no caso para acompanhar as investigações sobre a morte de Danilo Berto (veja nota abaixo), acidentado no circuito de Interlagos no último domingo. O paulista sofreu grave acidente no warm-up para a terceira etapa da categoria e não resistiu aos ferimentos, falecendo no Hospital das Clínicas, para o qual fora transferido de helicóptero.

Leia também:


O promotor de Justiça Renato Davanso foi designado pelo Ministério Público de São Paulo para acompanhar as investigações sobre a morte do piloto do SuperBike Brasil Danilo Berto, vítima de acidente ocorrido neste domingo (26/5), no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Ele foi lançado para trás da barreira de pneus e sofreu traumas na perna e no tórax.

Pouco mais de um mês atrás, outro piloto morreu também no Autódromo de Interlagos durante etapa do SuperBike Brasil. Mauricio Paludete sofreu uma queda após a bandeirada final. Nos últimos três anos, foram registradas quatro mortes durante o SuperBike Brasil.

O número citado pelo MP faz menção aos acidentes fatais registrados em Interlagos, na zona sul de São Paulo. Além das mortes ocorridas na capital paulista, o SuperBike Brasil teve outra fatalidade em uma etapa disputada em Goiânia, em 2015. João Carlos Sobreira, conhecido como Joãozinho Treze, sofreu acidente no circuito da capital goiana e foi a óbito.

Além das perdas de Joãozinho e Berto, Sérgio dos Santos e Rogério Munuera acabaram falecendo, em 2017 e 2018, respectivamente, em Interlagos. A fatalidade mais recente foi em abril de 2019, quando Mauricio Paludete, citado na nota do MP, morreu após batida no S do Senna.

Próximo artigo
Após desistências de montadoras, Motul anuncia permanência no SuperBike Brasil

Artigo anterior

Após desistências de montadoras, Motul anuncia permanência no SuperBike Brasil

Próximo artigo

SuperBike Brasil anuncia adiamento de próxima etapa após mortes e saída de fabricantes

SuperBike Brasil anuncia adiamento de próxima etapa após mortes e saída de fabricantes
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Geral
Autor Carlos Costa