Indy: Herta vence GP caótico em Indianápolis repleto de incidentes

Prova no misto de Indianápolis cruzou a marca de duas horas de duração

Indy: Herta vence GP caótico em Indianápolis repleto de incidentes
Carregar reprodutor de áudio

Colton Herta venceu neste sábado pela primeira vez na temporada 2022 da Indy, após largar em 14º e apostando duas vezes na estratégia em uma corrida doida, levando o piloto da Andretti-Autosport Honda a bater Simon Pagenaud e Will Power.

Com uma corrida molhada sendo declarada devido à pista úmida, os pilotos usaram as voltas de aquecimento para procurar as poças d'água e olhando potenciais pontos de ultrapassagem. As linhas secas começavam a surgir, mas as curvas 7 e 10 seguiam muito desafiadoras.

Leia também:

O começo foi limpo, mas Power acabou sendo ultrapassado de ambos os lados por Palou e Newgarden na curva 7, enquanto Pato se aproximava. Mesmo se recuperando, Power ainda errou a chicane da curva 5, permitindo que Rosenqvist subisse para terceiro, antes de um momento de dobradinha da Arrow McLaren.

Herta e Sato, que largaram em 14º e 13º, tinham menos a perder e pararam para colocar os pneus vermelhos da Firestone já na volta 3, o que levou outros pilotos da frente a fazer o mesmo. O ritmo de Herta com os slicks era tão forte que ele rapidamente começou a ganhar terreno.

A full course yellow apareceu na volta 8 após Kirkwood rodar e Palou ir parar na grama. O atual campeão conseguiu voltar à pista, mas seu motor acabou morrendo, precisando de ajuda. Ele conseguiu continuar, mas uma volta atrás.

Na relargada, na volta 11, Herta passou as duas McLarens, Power, Daly e Newgarden. Mas a corrida de Newgarden chegou ao fim logo, devido ao incidente com Rossi no giro seguinte.

Após mais uma amarela, a prova foi reiniciada na volta 25 e, neste momentom O'Ward tratou de não deixar Herta disparar, mantendo-se a menos de um segundo da Andretti, com Rosenqvist tambpem ficando próximo.

Herta fez a volta mais rápida antes de parar na volta 32 para pneus vermelhos novos, e Sato também foi aos boxes. Na sequência, foi a vez de O'Ward, Rossi e Power, com os dois últimos tendo paradas bem lentas.

Rosenqvist saiu dos boxes ao lado de Herta, mas Herta tinha o lado de dentro na segunda curva, garantindo a frente. Mas o sueco havia conseguido superar o companheiro de equipe O'Ward. Mais atrás, Dixon ficou sem combustível ao tentar dar mais uma volta e teve problemas ao voltar ao pitlane, enquanto Kellet rodou com seu Foyt na curva 6, precisando de ajuda.

A relargada na volta 42 deu tão errado que a amarela logo foi acionada. O'Ward tentou assar Rosenqvist por dentro e também passar Herta na frenagem. Forçado a fazer uma curva muito ousada, ele rodou e perdeu a asa dianteira ao tocar em Rosenqvist. Ele conseguiu sair sem assistência, mas o carro de Rosenqvist ficou parado. Sato teve que ir pra a grama para evitá-los, mas rodou ao voltar à pista.

As amarelas seguiram aparecendo, com uma de maior duração na reta final da corrida devido a uma rodada de VeeKay. A chegada da chuva levou os líderes aos boxes para pneus de pista molhada, com poucos pilotos apostando em seguir na pista.

A corrida passava da marca de duas horas e a chuva seguia. O'Ward mantinha a aposta de ficar na pista com slicks, mas rodou na curva 1 a oito minutos do fim, caindo para quarto e permitindo a aproximação de Pagenaud e Power em cima de Herta.

Na relargada a sete minutos do fim, os três escaparam na frente e mais uma amarela, causada por uma batida de Montoya, encerrou a corrida mais cedo. Herta triunfou após liderar 50 das 75 voltas realizadas, com Pagenaud em segundo e Power em terceiro para assumir a liderança do campeonato.

P

Piloto

Voltas

Dif.

Pits

Voltas Lideradas

Motor Equipe

1

Colton Herta

75

 

4

50

Honda

Andretti Autosport

2

Simon Pagenaud

75

3.0983

4

 

Honda

Meyer Shank Racing

3

Will Power

75

7.1538

4

 

Chevy

Team Penske

4

Marcus Ericsson

75

7.8193

6

10

Honda

Chip Ganassi Racing

5

Conor Daly

75

9.6535

4

 

Chevy

Ed Carpenter Racing

6

Felix Rosenqvist

75

11.0949

5

4

Chevy

Arrow McLaren SP

7

Takuma Sato

75

11.4814

4

 

Honda

Dale Coyne Racing with RWR

8

Callum Ilott

75

11.5104

5

 

Chevy

Juncos Hollinger Racing

9

Christian Lundgaard

75

11.8047

6

 

Honda

Rahal Letterman Lanigan Racing

10

Scott Dixon

75

13.9916

3

 

Honda

Chip Ganassi Racing

11

Alexander Rossi

75

16.7300

5

 

Honda

Andretti Autosport

12

David Malukas

75

17.9817

5

 

Honda

Dale Coyne Racing with HMD

13

Jack Harvey

75

19.5748

4

 

Honda

Rahal Letterman Lanigan Racing

14

Helio Castroneves

75

24.4881

4

 

Honda

Meyer Shank Racing

15

Tatiana Calderon

74

48.6230

5

1

Chevy

AJ Foyt Enterprises

16

Graham Rahal

74

64.7127

5

 

Honda

Rahal Letterman Lanigan Racing

17

Romain Grosjean

74

1 LAPS

5

 

Honda

Andretti Autosport

18

Alex Palou

74

1 LAPS

7

 

Honda

Chip Ganassi Racing

19

Pato O'Ward

74

68.7936

4

5

Chevy

Arrow McLaren SP

20

Scott McLaughlin

74

70.9931

4

5

Chevy

Team Penske

21

Devlin DeFrancesco

73

2 LAPS

5

 

Honda

Andretti Steinbrenner Autosport

22

Juan Pablo Montoya

72

Contact

4

 

Chevy

Arrow McLaren SP

23

Jimmie Johnson

72

2 LAPS

6

 

Honda

Chip Ganassi Racing

24

Rinus VeeKay

72

In Pit

6

 

Chevy

Ed Carpenter Racing

25

Josef Newgarden

59

15 LAPS

5

 

Chevy

Team Penske

26

Kyle Kirkwood

53

Contact

5

 

Chevy

AJ Foyt Enterprises

27

Dalton Kellett

34

Contact

2

 

Chevy

AJ Foyt Enterprises

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #177 - Red Bull 'roubou' status de favorita ao título da Ferrari?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Indy: Power conquista 64ª pole da carreira; Castroneves é 19º para GP de Indianápolis
Artigo anterior

Indy: Power conquista 64ª pole da carreira; Castroneves é 19º para GP de Indianápolis

Carregar comentários