Moto3: Dupasquier está em estado grave após acidente; médicos aguardam para fazer operação

Essa é a primeira vez em anos que o helicóptero foi acionado para intervir dentro da pista

Moto3: Dupasquier está em estado grave após acidente; médicos aguardam para fazer operação

A classificação da Moto3 em Mugello, realizada neste sábado (29), foi palco de um grave acidente envolvendo Ayumu Sasaki, Jeremy Alcoba e Jason Dupasquier.

Enquanto Sasaki e Alcoba saíram praticamente ilesos do acidente, passando sem problemas pelos exames feitos no centro médico e liberados em seguida, Dupasquiser se encontrava em sitiação pior.

Leia também:

O suíço foi imediatamente atendido no local do acidente pelos médicos. Depois de uma avaliação inicial, os médicos solicitaram rapidamente o helicóptero, para transportar o piloto ao hospital Careggi de Florença para exames e tratamento adicional.

Segundo um porta-voz do hospital Careggi que informou diretamente a equipe italiana do Motorsport.com, após os primeiros exames feitos para compreender o quadro clínico do suíço, foi descoberto um politrauma e seu estado é grave.

Depois de entregarem um feedback inicial sobre as condições do piloto à sua equipe na Moto3, PrustelGP, os médicos decidiram não intervir e aguardar, observando a evolução do quadro nas próximas horas. Ele segue internado no Centro de Trauma.

Segundo a Gazzetta dello Sport, Dupasquier possui traumatismo cranioencefálico, além de traumas torácicos e abdominais.

Entenda o acidente

O suíço acabou levando a pior. Na saída da Arrabbiata 2, Dupasquier perdeu o controle de sua moto no topo da colina na saída da curva 9, a segunda curva rápida da Arrabibiata. Neste trecho, de visibilidade reduzida, os pilotos que chegaram atrás dele a toda velocidade tiveram problemas para evitá-lo.

“Foi uma qualificação maluca. Conseguimos fazer uma volta e na última estávamos melhorando, mas um piloto caiu na minha frente. A moto dele estava na pista e eu não pude evitar. Bati na moto dele, forte. Felizmente, estou bem. Tudo dói, especialmente meu pé, mas não está quebrado ", explicou Sasaki após sair do centro médico.

Veja abaixo o momento do acidente (ATENÇÃO: Imagens fortes)

 

Essa é a primeira vez em anos que o helicóptero é acionado para intervir diretamente na pista. As condições de Dupasquier obrigaram os médicos a adotar essa solução para evitar que o piloto fosse levado ao centro médico.

Giancarlo de Filippo, chefe médico da MotoGP, comentou sobre o quadro do piloto e deu breves explicações sobre o atendimento feito a Dupasquier ainda na pista.

"O piloto número 50, Jason Dupasquier, esteve envolvido em uma batida muito séria durante a classificação para a Moto3. E a equipe de intervenção médica da FIM chegou imediatamente ao local e, após procedimentos iniciais, ele foi transferido para o hospital Careggi em estado estável".

"No momento, o que sabemos ao certo é que sua condição é muito séria e, como disse, estamos aguardando atualizações do hospital".

Explicando o atendimento a Dupasquier, Filippo acrescentou: "Isso foi feito porque era o modo mais rápido e o melhor jeito de ativar seu caso, considerando a gravidade do acidente".

Christian Fittipaldi revela detalhes desconhecidos do dia da morte de Senna

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: O que a liderança inédita de Verstappen representa na F1?

 

compartilhar
comentários
Pandemia já impacta calendários das principais categorias do esporte a motor em 2021

Artigo anterior

Pandemia já impacta calendários das principais categorias do esporte a motor em 2021

Próximo artigo

Dupasquier não resiste aos ferimentos de acidente na Moto3 e morre aos 19 anos

Dupasquier não resiste aos ferimentos de acidente na Moto3 e morre aos 19 anos
Carregar comentários