Marquez diz que vantagem sobre Rossi "não é suficiente"

Espanhol diz que sua margem de 42 pontos sobre Valentino Rossi na classificação da MotoGP não é o bastante para descartá-lo da briga pelo título

Marquez diz que vantagem sobre Rossi "não é suficiente"
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Podium: winner Jack Miller, Marc VDS Racing Honda, second place Marc Marquez, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Podium: second place Marc Marquez, Repsol Honda Team
Second place Marc Marquez, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Carregar reprodutor de áudio

Valentino Rossi foi um dos que caíram na última etapa da MotoGP em Assen, na Holanda, quando a chuva atrapalhou parte do grid e culminou na vitória inédita de Jack Miller. O segundo colocado, Marc Marquez, o viu ir ao chão enquanto liderava e conseguiu se distanciar do multicampeão da categoria em 42 pontos.

O espanhol diz que, apesar da distância de Lorenzo ser menor, 24 pontos, Rossi ainda pode ser um fator na corrida pelo título.

"Claro, eu não poderia imaginar esta situação, porque lutamos muito na pré-temporada", disse Marquez. "Na metade do campeonato, eu não poderia imaginar estar liderando por 24 pontos."

"Mas estamos ficando melhor e melhor, as novas peças estão chegando e poderemos testá-las nas próximas corridas."

"Vamos ver se podemos dar mais um passo, porque no momento Jorge é o mais forte, o mais próximo no campeonato e ele virá bem mais forte na segunda parte da temporada, como vimos no ano passado."

"Então, precisamos tomar cuidado com ele, mas sem esquecer de Valentino. Ele está longe, mas não o suficiente. Nas últimas corridas ele esteve muito forte e será difícil de administrar essa distância."

"Devemos manter a mesma mentalidade até agora , mas no final, é difícil gerir o risco."

Perfeição alemã

Marquez nunca foi batido em Sachsenring pela MotoGP, mas o espanhol foi cauteloso ao falar de suas chances de conseguir a quarta vitória consecutiva na pista alemã.

"Aqui tem sido um bom circuito para mim, mas vamos ver nesta temporada, porque este fim de semana será um grande ponto de interrogação", disse Marquez.

"Mas parece que a Honda funciona bem aqui. Não temos muita aceleração, o que nos ajuda um pouco, mas é preciso verificar como será este ano com os pneus Michelin e os novos produtos eletrônicos neste circuito."

compartilhar
comentários
Johann Zarco é confirmado na Tech 3 para 2017
Artigo anterior

Johann Zarco é confirmado na Tech 3 para 2017

Próximo artigo

Para Rossi, pneus são "ponto de interrogação" na Alemanha

Para Rossi, pneus são "ponto de interrogação" na Alemanha