Marquez: queda de Pedrosa mostra por que título não é certo

Para espanhol, acidente que fraturou clavícula de companheiro de equipe serve como lembrete de como as coisas podem mudar rapidamente na MotoGP

Marquez: queda de Pedrosa mostra por que título não é certo
Dani Pedrosa, Repsol Honda Team
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Dani Pedrosa, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Dani Pedrosa, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team

Marc Marquez lidera o atual campeonato da MotoGP com 52 pontos de vantagem para Valentino Rossi, com quatro corridas pela frente.

Mas, com Dani Pedrosa sofrendo uma forte queda no segundo treino livre nesta sexta-feira, que resultou em uma clavícula quebrada e que pode deixá-lo de fora por várias provas, Marquez está consciente do que pode acontecer com ele, comprometendo suas esperanças de título.

"Sempre estamos competindo no limite", disse Marquez.

"Sepre digo que falta muito e tudo mais e o limite está lá. Você pode ter algum acidente e ser ferido."

Marquez desejou uma rápida recuperação a Pedrosa, expressando decepção ao ver seu companheiro de equipe com uma grave lesão, quando estava recuperando sua forma.

"Estou desapontado pelo acidente de Dani, porque ele não estava em uma volta rápida, foi um acidente estranho."

"Esperamos uma grande recuperação, porque ele é um cara importante dentro da equipe e também porque parecia que o velho Dani estava voltando."

Marquez também se acidentou no segundo treino livre, momentos antes de Pedrosa. O espanhol, que conseguiu pegar a moto imediatamente e continuar sem danos significativos, posteriormente disse que a queda foi causada pela utilização do pneu dianteiro duro.

"Nas últimas corridas, parece que sofro uma queda a cada sexta-feira. Claro, eu não quero cair, mas algumas corridas, eu digo: 'não experimente o pneu duro, porque não quero cair' e, em seguida, no domingo, eu digo 'hum, talvez fosse a opção correta'."

"Então eu prefiro tentar na sexta-feira e verifico qual é o limite. Claro, eu não quero cair, mas o pneu dianteiro duro é sempre extremo, mas talvez você consegue encontrar algumas coisas positivas nele.

"Foi um pequeno acidente, foi bom porque peguei a moto e continuei da mesma forma e até melhorei o tempo."

Relatos adicionais por Oriol Puigdemont

compartilhar
comentários
Rossi: ritmo da sexta-feira não foi forte o suficiente
Artigo anterior

Rossi: ritmo da sexta-feira não foi forte o suficiente

Próximo artigo

Lorenzo sofre queda e vai para hospital, mas corre no Japão

Lorenzo sofre queda e vai para hospital, mas corre no Japão
Carregar comentários