Márquez vence, vê Rossi e Lorenzo caírem e é tricampeão

Aos 23 anos e na casa da Honda, Marc Márquez vence com tranquilidade e conta com tropeços da dupla da Yamaha para chegar ao terceiro título mundial na MotoGP

Márquez vence, vê Rossi e Lorenzo caírem e é tricampeão

Marc Márquez nunca havia vencido o GP do Japão como piloto de MotoGP. Neste domingo (16), o espanhol não só acabou com o jejum ao vencer a prova em Motegi como conquistou o terceiro título na classe principal do Mundial de Motovelocidade.

Matematicamente, Márquez precisava de tropeços de Valentino Rossi e de Jorge Lorenzo para confirmar o virtual terceiro título na pista de propriedade da Honda.

A dupla da Yamaha, que vinha atrás do espanhol na prova, caiu e abriu caminho para a terceira conquista do piloto da moto #93, que tem apenas 23 anos.

A corrida

Na largada, Lorenzo pulou melhor do que Márquez e Rossi para assumir a liderança, com o líder do campeonato em segundo e o italiano em terceiro. Na segunda volta, líder e vice-líder do campeonato tiveram um duelo feroz pelo segundo posto, mas as posições se mantiveram inalteradas.

A 21 voltas do final da prova, Márquez, pressionado por Rossi, foi para cima de Lorenzo e assumiu a liderança. Enquanto o italiano tentava superar o companheiro de equipe, o piloto da Honda abria vantagem.

A 19 voltas do fim, Rossi colocou por dentro na curva 9 e superou Lorenzo, subindo para segundo. Poucos instantes depois, entretanto, o italiano sofreu uma queda, sozinho, na curva 10. Rossi chegou a levantar a moto, mas recolheu para os boxes, abandonando a prova e ficando matematicamente fora da disputa pelo título.

Márquez seguia tranquilo na liderança, abrindo praticamente quatro segundos sobre Lorenzo a dez voltas do final. Andrea Dovizioso e Aleix Espargaró tentavam se aproximar do atual campeão – o que interessava ao líder do campeonato, pois se Lorenzo terminasse fora do pódio, Márquez conquistaria o título em Motegi.

A seis voltas do final, Maverick Viñales superou Aleix Espargaró e subiu para quarto. Na volta seguinte, Lorenzo caiu sozinho na curva 9 e abandonou a prova. Ali definia-se o campeonato a favor de Márquez – que chegou ao quinto título mundial, o terceiro na MotoGP.

Nos giros seguintes, bastou ao espanhol conduzir a Honda com tranquilidade para vencer na casa da fabricante nipônica e completar a festa da equipe. Dovizioso cruzou a linha de chegada em segundo e Viñales completou o pódio.

Confira a classificação final:

Pos.PontosNum.PilotoEquipeMotoTempo/Dif.
1 25 93 Marc MARQUEZ Repsol Honda Team Honda 42'34.610
2 20 4 Andrea DOVIZIOSO Ducati Team Ducati +2.992
3 16 25 Maverick VIÑALES Team SUZUKI ECSTAR Suzuki +4.104
4 13 41 Aleix ESPARGARO Team SUZUKI ECSTAR Suzuki +4.726
5 11 35 Cal CRUTCHLOW LCR Honda Honda +15.049
6 10 44 Pol ESPARGARO Monster Yamaha Tech 3 Yamaha +19.654
7 9 19 Alvaro BAUTISTA Aprilia Racing Team Gresini Aprilia +23.032
8 8 9 Danilo PETRUCCI OCTO Pramac Yakhnich Ducati +28.555
9 7 45 Scott REDDING OCTO Pramac Yakhnich Ducati +28.802
10 6 6 Stefan BRADL Aprilia Racing Team Gresini Aprilia +32.330
11 5 21 Katsuyuki NAKASUGA Yamalube Yamaha Factory Racing Yamaha +42.845
12 4 68 Yonny HERNANDEZ Pull & Bear Aspar Team Ducati +52.219
13 3 38 Bradley SMITH Monster Yamaha Tech 3 Yamaha +53.783
14 2 53 Tito RABAT Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda +54.760
15 1 73 Hiroshi AOYAMA Repsol Honda Team Honda +1'00.155
16   76 Loris BAZ Avintia Racing Ducati +1'04.440
17   8 Hector BARBERA Ducati Team Ducati +1'42.966
18   7 Mike JONES Avintia Racing Ducati 1 volta
Not Classified
    99 Jorge LORENZO Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 5 voltas
    46 Valentino ROSSI Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 18 voltas
    43 Jack MILLER Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda 18 voltas
    50 Eugene LAVERTY Pull & Bear Aspar Team Ducati 22 voltas
compartilhar
comentários
Susto de Lorenzo e festa de Rossi; o sábado em Motegi
Artigo anterior

Susto de Lorenzo e festa de Rossi; o sábado em Motegi

Próximo artigo

Márquez diz que derrota de 2015 ajudou em conquista do tri

Márquez diz que derrota de 2015 ajudou em conquista do tri
Carregar comentários