Mateschitz: "MotoGP é a categoria mais emocionante do mundo"

Dietrich Mateschitz, dono da Red Bull, não mediu as palavras para colocar a MotoGP no topo dentre as categorias mais emocionantes do esporte a motor

Mateschitz: "MotoGP é a categoria mais emocionante do mundo"
Dietrich Mateschitz, CEO e fundador da Red Bull
Dietrich Mateschitz, CEO e fundador da Red Bull
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing and Dietrich Mateschitz, Red Bull owner talk
Dr Helmut Marko, Red Bull Motorsport Consultant and Dietrich Mateschitz, Red Bull owner
Fans
Andrea Iannone, Ducati Team
Fans
Carregar reprodutor de áudio

A Red Bull é uma das empresas mais importantes do mercado e marca presença no esporte a motor com bastante intensidade. Além das equipes na Fórmula 1, a marca de bebidas energéticas patrocina uma série de pilotos e equipes nas mais variadas categorias.

Como se não bastasse, a companhia adquiriu o circuito de Spielberg há alguns anos, reformou a estrutura e o rebatizou de Red Bull Ring. Além de voltar a receber a Fórmula 1, a pista recebeu o GP da Áustria de MotoGP no ano passado, após duas décadas de ausência.

Em votação feita na categoria, a prova no Red Bull Ring foi eleita a melhor da temporada. Ao receber o prêmio, Dietrich Mateschitz, dono da Red Bull, fez o discurso de agradecimento e elogiou a principal classe do Mundial de Motovelocidade - mais do que isso, colocou a MotoGP no topo do esporte a motor.

“A MotoGP é a categoria mais emocionante do mundo no momento. Oferece motociclismo em estado puro e da maneira mais fascinante", disse.

A Red Bull patrocina a equipe oficial da Honda, com um papel secundário. Em 2017, entretanto, a KTM estreia na MotoGP com equipe oficial e a empresa de Mateschitz será a patrocinadora principal do time, que conta com Pol Espargaró e Bradley Smith como pilotos.

A temporada 2016 da MotoGP encerrou com nove pilotos diferentes vencendo corridas. Além do campeão Marc Márquez, Valentino Rossi, Cal Crutchlow, Jorge Lorenzo, Dani Pedrosa, Maverick Viñales, Jack Miller, Andrea Dovizioso e Andrea Iannone - o vencedor da corrida no Red Bull Ring - cruzaram a linha de chegada em primeiro lugar.

compartilhar
comentários
Para Dovizioso, Viñales briga por título em 2017
Artigo anterior

Para Dovizioso, Viñales briga por título em 2017

Próximo artigo

Crutchlow revela incerteza em relação a material para testes

Crutchlow revela incerteza em relação a material para testes