MotoGP: Márquez viajará ao Catar para receber vacina contra a Covid-19

Apesar de ainda estar em recuperação, hexacampeão se juntará ao resto do paddock para tomar a primeira dose da vacina Pfizer-BioNTech

MotoGP: Márquez viajará ao Catar para receber vacina contra a Covid-19

Na quinta, a MotoGP anunciou que havia chegado a um acordo com o governo do Catar para garantir a vacinação do paddock contra a Covid-19 após o bem-sucedido plano de vacinação da população do país. E mesmo ainda sem data para voltar, o hexacampeão Marc Márquez viajará ao Catar para tomar a vacina.

O país oferecerá a vacina Pfizer-BioNTech, assim como o Bahrein, que abriu o plano de vacinação para a Fórmula 1. Com a segunda dose tendo que ser aplicada 19 dias depois, abre tempo suficiente para o paddock completar o processo de imunização, já que a MotoGP seguirá no país até 05 de abril, data do GP de Doha.

Leia também:

Márquez viajará para o Catar para tomar a primeira dose antes de voltar à Espanha para seguir seu treinamento para o retorno à MotoGP, segundo apurado pelo Motorsport.com

A maioria do paddock da MotoGP recebeu a primeira dose da vacina na sexta, apesar de que informações de bastidores afirmam que o piloto da LCR Honda, Takaani Nakagami, não aceitou a oferta.

Marc Marquez, Repsol Honda Team, Pol Espargaro, Repsol Honda Team

Marc Marquez, Repsol Honda Team, Pol Espargaro, Repsol Honda Team

Photo by: Repsol Media

A maioria das equipes da Moto2 e da Moto3 também alteraram seus planos para ficar no Catar até o GP de Doha para receber ambas as doses da vacina.

"É uma oportunidade fantástica que o governo do Catar ofereceu à comunidade da MotoGP, e a equipe Honda está muito grata", disse Alberto Puig, chefe da Honda. "Entendemos que o Catar quer proteger toda a sua população e as pessoas do Mundial".

"Quanto a Marc, ele terá que ser vacinado porque isso foi criado para combater esse vírus".

Márquez recebeu alta médica de sua equipe para voltar a andar com motos novamente, com o braço fraturado no ano passado finalmente dando sinais de recuperação após uma terceira cirurgia em dezembro.

A Honda listou Márquez na lista provisória de participantes do GP do Catar em 28 de março, e o espanhol ainda não descartou a possibilidade de disputar a prova, apesar de perder a pré-temporada. Mas ainda há dúvidas se ele estará pronto, já que faltam apenas 13 dias para o primeiro treino livre.

Caso Márquez não consiga disputar a etapa, o piloto de testes da Honda, Stefan Bradl, deverá seguir na função de substituto do hexacampeão, algo que ele já vem fazendo desde o GP da República Tcheca do ano passado.

PRÉ-TEMPORADA F1: Verstappen, Mercedes e por que Band bateu Globo

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Pré-temporada de 2021 da F1 será a mais crucial da era híbrida?

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Petrucci fecha pré-temporada na frente no Catar; veja tabela
Artigo anterior

MotoGP: Petrucci fecha pré-temporada na frente no Catar; veja tabela

Próximo artigo

MotoGP: Márquez volta a treinar com motos após oito meses afastado

MotoGP: Márquez volta a treinar com motos após oito meses afastado
Carregar comentários