NASCAR Cup
17 mai
-
17 mai
Evento encerrado
20 mai
-
20 mai
Evento encerrado
23 mai
-
24 mai
Evento encerrado
27 mai
-
28 mai
Evento encerrado
12 jun
-
14 jun
Postponed
19 jun
-
21 jun
Postponed
27 jun
-
27 jun
Evento encerrado
28 jun
-
28 jun
Evento encerrado
05 jul
-
05 jul
Evento encerrado
R
Kentucky
12 jul
-
12 jul
Próximo evento em
20 Horas
:
46 Minutos
:
45 Segundos
23 jul
-
23 jul
Próximo evento em
11 dias
R
02 ago
-
02 ago
Próximo evento em
21 dias
R
Michigan II
07 ago
-
09 ago
Postponed
R
Michigan
08 ago
-
09 ago
Próximo evento em
27 dias
R
Watkins Glen
14 ago
-
16 ago
Canceled
R
Daytona II
16 ago
-
16 ago
Próximo evento em
35 dias
R
Dover II
21 ago
-
23 ago
Postponed
R
Richmond II
10 set
-
12 set
Próximo evento em
60 dias
R
Bristol II
19 set
-
19 set
Próximo evento em
69 dias
R
Las Vegas II
25 set
-
27 set
Próximo evento em
75 dias
R
Talladega II
02 out
-
04 out
Próximo evento em
82 dias
R
Charlotte II
09 out
-
11 out
Próximo evento em
89 dias
R
Kansas II
18 out
-
18 out
Próximo evento em
98 dias
R
Texas II
25 out
-
25 out
Próximo evento em
105 dias
R
Martinsville II
30 out
-
01 nov
Próximo evento em
110 dias
R
Phoenix II
06 nov
-
08 nov
Próximo evento em
117 dias

NASCAR: Governadora do Alabama divulga pedido de perdão a Bubba Wallace após ameaça encontrada em sua garagem

compartilhar
comentários
NASCAR: Governadora do Alabama divulga pedido de perdão a Bubba Wallace após ameaça encontrada em sua garagem
Por:
22 de jun de 2020 15:06

A governadora divulgou um comunicado pedindo perdão ao piloto após a ameaça encontrada em sua garagem ontem em Talladega

No domingo, a NASCAR faria mais uma etapa da Cup Series, em Talladega, no estado do Alabama. Mas a prova, que precisou ser adiada para a segunda devido à chuva, foi marcada por outro acontecimento: uma ameaça deixada na garagem de Bubba Wallace. O ato repercutiu dentro e fora do esporte, e a governadora do Alabama publicou um pedido de desculpas à Wallace.

Wallace, que é o único piloto negro no grid da Cup Series, encontrou em sua garagem uma corda com um laço tipicamente usado em enforcamentos. Em suas redes sociais, o piloto disse que "o ato deplorável de racismo e ódio desta noite me deixa muito triste, e serve como um doloroso lembrete do quanto ainda precisamos andar como sociedade, e o quão persistente precisamos ser na luta contra o racismo".

Leia também:

A NASCAR também se manifestou sobre o acontecimento, chamando de um ato hediondo e afirmou que abriu uma investigação para descobrir o culpado, já que o trânsito pelas garagens das equipes da Cup Series é limitado devido aos protocolos de segurança durante a pandemia. 

Na manhã desta segunda, Kay Ivey, política do Partido Republicano e governadora do estado do Alabama, divulgou uma nota pedindo desculpas a Wallace, onde reforçou que não existe espaço no estado para o racismo, especialmente para uma pessoa nativa (Wallace é da cidade de Mobile, no sul do Alabama).

"Fiquei chocada e horrorizada ao saber do ato vil de ontem contra Bubba Wallace em Talladega - não há lugar para essa exibição nojenta de ódio em nosso estado. O racismo e ameaças dessa natureza não serão toleradas, e eu me comprometo a ajudar no que for possível para garantir que o responsável seja encontrado e punido", disse.

Darrell Wallace Jr., Richard Petty Motorsports, Chevrolet Camaro

Darrell Wallace Jr., Richard Petty Motorsports, Chevrolet Camaro

Photo by: NASCAR Media

"Enquanto a importante conversa de reconciliação racial continua em nosso país, é claro que há muito o que fazer. Bubba Wallace é um de nós; ele é nativo de Mobile e em nome de todos os cidadãos do Alabama, eu peço desculpas a Bubba Wallace e a sua família e amigos pela dor que isso causou, e sinto pela marca que isso deixa em nosso estado".

"Eu peço à família da NASCAR que se reúnam ao redor de Bubba e sua equipe, que competem hoje, e sei que há mais pessoas do que nunca desejando seu bem".

Nas últimas semanas, Wallace tem sido um ativista pela justiça racial, pedindo inclusive o banimento da bandeira confederada, símbolo dos estados escravocratas na Guerra Civil do país, em eventos da NASCAR. Em 10 de junho, a NASCAR proibiu a presença do símbolo em seus eventos.

A ação levou a protestos no sábado e no domingo ao redor do circuito de Talladega. Além de carreatas com a bandeira, ela foi vista em um avião que sobrevoou a pista, junto com os dizeres "cortem o financiamento da NASCAR".

Kanaan se emociona ao lembrar como Piquet e Senna mudaram os rumos da sua vida

PODCAST: Entrevista com Christian Fittipaldi: os primeiros anos de carreira até os dias de F1

 
 

Próximo artigo
Corda com laço de enforcamento é encontrada na garagem de Bubba Wallace e NASCAR abre investigação

Artigo anterior

Corda com laço de enforcamento é encontrada na garagem de Bubba Wallace e NASCAR abre investigação

Próximo artigo

Blaney vence prova intensa em Talladega com final emocionante

Blaney vence prova intensa em Talladega com final emocionante
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria NASCAR Cup
Evento Talladega
Autor Jim Utter