NASCAR: Raikkonen testa carro da próxima geração da Trackhouse antes de estreia no próximo fim de semana

Ex-F1 correrá pela primeira vez em Watkins Glen assim como Daniil Kvyat e Mike Rockenfeller na NASCAR Cup

Kimi Raikkonen

O campeão mundial de Fórmula 1 em 2007, Kimi Raikkonen, vai pilotar na NASCAR pela Trackhouse Racing na corrida em Watkins Glen no dia 21 de agosto, pilotando um Chevrolet Camaro ZL1 ao lado dos companheiros de equipe Daniel Suarez e Ross Chastain e nesta quinta-feira (11) teve o primeiro gosto do que virá pela frente.

Será sua primeira participação em um evento de automobilismo desde que ele deu um tempo em sua carreira de 20 anos na F1 em dezembro passado, com sua última corrida pela Alfa Romeo no GP de Abu Dhabi.

Leia também:

O finlandês tem história na NASCAR, participando de uma corrida da segunda divisão da Xfinity Series e de um evento da Truck Series em 2011 com Kyle Busch Motorsports durante seu ano sabático da F1.

Ele também testou um carro da categoria no VIR antes, dirigindo um Dodge para Robby Gordon Motorsports em 2011, mas o teste terminou mais cedo quando ele saiu e rasgou o nariz na grama molhada.

O livro de regras da NASCAR para testes de um carro da próxima geração foi alterado em 15 de junho para permitir um "Teste de orientação de piloto selecionado" para pilotos inscritos em uma corrida da Copa nos 90 dias seguintes. Sua série de ressalvas incluía registro de dados limitado e alterações de configuração no dia.

Três conjuntos de pneus Goodyear podem ser usados e nenhum outro piloto pode testar o carro. O teste é limitado a 10 horas a partir do momento em que o carro entra na pista.

No início desta semana, Raikkonen passou um tempo no simulador da equipe Chevrolet e examinou dados com Suarez, que conquistou a segunda vitória de Trackhouse do ano em Sonoma em junho, depois que Chastain prevaleceu no Circuito das Américas em março.

 

A entrada de Raikkonen com a Trackhouse Racing vem como parte da iniciativa Project91 da equipe, que busca expandir o alcance da NASCAR dedicando seu carro nº 91 a pilotos de corrida internacionais. O trio de pilotos da Trackhouse em Watkins Glen será de três países diferentes.

Raikkonen admitiu que outras oportunidades foram oferecidas para retornar às corridas no início deste ano, mas ele queria dar tempo suficiente para se preparar para a corrida da Watkins Glen Cup.

“Obviamente, havia opções para fazer mais este ano, mas acho que tudo veio um pouco rápido demais, para tentar fazer o melhor possível em todos os lados”, disse Raikkonen.

 

“Acho que era melhor esperar até esta corrida, para que possamos nos preparar para tudo e pelo menos ter feito o trabalho 100% certo. Qual é o resultado? Ninguém sabe. Vamos pelo menos nos dar a melhor chance que pudermos.

“O que vem depois disso? Eu não sei, ninguém sabe. Vamos tentar fazer uma boa corrida lá, aproveitar e ver o que o futuro nos reserva. Não tenho outros planos.

“Isso é o que eu tenho agora e vamos partir daí.”

Raikkonen não será o único estreante da Cup em campo em Watkins Glen. Ele se juntará ao ex-piloto de F1 Daniil Kvyat, que assinou para correr com um Team Hezeberg Ford, e o vencedor das 24 Horas de Le Mans de 2010, Mike Rockenfeller, em um Team Spire Chevrolet.

TRAMA com Briatore? RICO PENTEADO fala de Piastri/Alonso saindo da Alpine e COMPARA equipe à McLaren

 

Podcast: É o fim da linha para Ricciardo na F1?

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE: 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior VÍDEO: Pilotos brigam após prova da NASCAR em Martinsville
Próximo artigo NASCAR: Bubba Wallace briga com Larson em etapa de Las Vegas; veja vídeo

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil