Porsche Cup: Frangulis terá nova pintura de carro em estreia em Curitiba

Segunda etapa do piloto ORT competindo na Carrera Cup acontece em pista inédita para ele

Porsche Cup: Frangulis terá nova pintura de carro em estreia em Curitiba

Depois de estrear na Porsche Carrera Cup com pódio no Velocitta, Georgios Frangulis e a equipe da Oak Racing Team (ORT) têm um novo desafio nesta semana com o Porsche #88: será a primeira vez do piloto no Autódromo Internacional de Curitiba.

A pista paranaense é tradicional na história da Porsche XP Private Cup. Foi a segunda que mais vezes recebeu os carros de corrida mais produzidos no planeta. Contudo, ficou fora do calendário 2020 – e no início de 2019, quando a categoria passou por Curitiba da última vez, o “Grego” ainda não integrava o grid.

Leia também:

Para acelerar sua adaptação ao técnico traçado de 3.695m, Georgios dedicou boas horas de trabalho no simulador nas últimas semanas. Ele tem previstas também sessões adicionais de treino tanto na quinta quanto na sexta, ocasiões em que espera ter o máximo de tempo de pista para iniciar as atividades oficiais da etapa em igualdade de condições com os adversários que têm mais quilometragem com o carro de GT mais veloz do Brasil e conhecem bem o traçado do AIC.

Depois de correr no Velocitta com o inovador layout pintado à mão pelo artista Rafael Sanches Filadelfio dentro do box de Interlagos na pré-temporada em fevereiro, o carro #88 ganha novas cores a partir de Curitiba. Além das marcas dos seis patrocinadores que apoiam o piloto em 2021, o novo layout tem um selo “carbono zero”, certificando que Frangulis é o primeiro piloto do grid da Porsche Cup a neutralizar totalmente as emissões de carbono de seu carro de competição e da operação logística de toda equipe ORT ao longo da temporada.

Como é estreante na Carrera Cup neste ano, o competidor do carro #88 pontua nas três divisões do campeonato: geral, Sport e Trophy. Na classe voltada apenas aos novatos, ele é quarto no campeonato, com 12 pontos (8 atrás do líder); na divisão Sport aparece em oitavo; na geral, é 16º.

A etapa de Curitiba terá duas corridas de 25 minutos mais uma volta de duração, uma no sábado e outra no domingo. As provas são exibidas pelo Motorsport.com e Motorsport.tv.

“O fim de semana no Velocitta foi muito bom, senti uma ótima evolução com o carro novo, principalmente por ter sido meu primeiro contato com ele em corrida”, disse Frangulis. “A chuva na primeira corrida foi muito desafiadora, mas me ajudou muito a entender como lidar com o 4.0. O frio na barriga ainda está acumulado, recebi um toque na segunda corrida logo no início, então ela mal começou para mim e já fui forçado a abandonar.”

“Curitiba é uma pista onde nunca andei, então esse frio na barriga aumenta bastante. Fiz o traçado no simulador algumas vezes para aprender a pista, mas não é a mesma coisa que estar no traçado com o carro de verdade. Estou animado pois é uma pista no estilo que eu gosto, rápida, com curvas de alta e que exige muito.”

Carro de Georgios Frangulis

Carro de Georgios Frangulis

Photo by: Rafael Catelan

Veja como foi a corrida 2 da etapa do Velocitta

PODCAST: TELEMETRIA: Rico Penteado é enfático sobre favorito na Áustria

 

compartilhar
comentários
Porsche Cup: Equivoco Racing chega a Curitiba na luta pela liderança

Artigo anterior

Porsche Cup: Equivoco Racing chega a Curitiba na luta pela liderança

Próximo artigo

Porsche Carrera Cup: Neugebauer lidera treino de sexta-feira

Porsche Carrera Cup: Neugebauer lidera treino de sexta-feira
Carregar comentários