Fórmula 1
07 ago
Corrida em
04 Horas
:
37 Minutos
:
18 Segundos
Fórmula E IndyCar
17 jul
Evento encerrado
NASCAR Cup
02 ago
Evento encerrado
R
Michigan II
07 ago
Postponed
Stock Car Brasil
24 jul
Evento encerrado
R
Interlagos - Corrida do Milhão
21 ago
Próximo evento em
11 dias
MotoGP

Conheça a história de superação do caminhoneiro que se transformou em um dos grandes nomes da Copa Truck

compartilhar
comentários
Conheça a história de superação do caminhoneiro que se transformou em um dos grandes nomes da Copa Truck
Por:
22 de jul de 2020 13:13

Desde criança, Djalma Pivetta nutria o sonho de ser piloto e mesmo depois dos 40 anos ele conseguiu realizá-lo na principal categoria de caminhões do Brasil

Na última semana a Shell anunciou que apoiará o piloto Djalma Pivetta, da Copa Truck, ampliando ainda mais sua base de patrocínio no esporte a motor que já é a maior do Brasil. Este foi apenas mais um reconhecimento ao esforço do piloto e dono de equipe de 49 anos de idade, que possui uma história longe de ser igual à maioria, com nuances que caberiam facilmente em um livro ou em um filme.

Nascido em Laranjal Paulista, Pivetta nunca teve vida fácil desde a infância, com a necessidade de trabalhar logo cedo, como empacotador de supermercado, enquanto o pai, caminhoneiro, fazia entrega de telhas para todo o Brasil, encarando a mesma realidade de centenas de milhares de brasileiros nas estradas.

Leia também:

Com a maior referência dentro de casa, logo, o encontro de Djalma com os veículos pesados aconteceu, ao acompanhar o pai nas entregas. Em um desses serviços, na região de Interlagos, começava um caso de amor, que prometia ser eterno, com as pistas de corrida. Após as entregas feitas no bairro, ele permanecia para assistir os carros que treinavam no Autódromo José Carlos Pace.

Aos 18 anos, quando muitos pilotos com o mesmo sonho de Pivetta já estão na Europa, focados no também duro caminho da F1, o jovem aprendiz deu um passo adiante, mas não ganhando um carro ou kart, mas sim tendo o seu próprio veículo de trabalho.

Djalma Pivetta quando caminhoneiro

Djalma Pivetta quando caminhoneiro

Photo by: Acervo pessoal

Com muito trabalho e ajudando a família, Pivetta saiu do ramo de entrega de telhas para o de entrega de óleos vegetais, o que o ajudou a ingressar no ramo industrial. Os negócios melhoraram muito, com muito trabalho e resultados. Junto com o amigo João Gilberto Ghiraldi, eles fundaram a Usual, que no início era uma fábrica de utilidades domésticas de plástico e que se transformou em uma das maiores fábricas de brinquedos do Brasil.

Hoje, a companhia ocupa uma área de 100 mil metros quadrados em Laranjal Paulista, à beira da Rodovia Marechal Rondon, com 200 itens em seu portfólio, todos certificados pelo INMETRO e distribuídos Brasil inteiro. O público fã da Stock Car e da Copa Truck que tem miniaturas dos veículos de competição, tem na verdade um dos produtos da ususal. Mesmo ocupando o escritório da diretoria, Pivetta também não havia parado de ajudar nas entregas, em uma demonstração de amor aos caminhões. 

Mas, o sonho do menino que via os carros desfilarem em Interlagos permanecia dentro do coração e a partir de 2015, Pivetta começou a correr de kart e com bons resultados. O sucesso empresarial e nas competições o possibilitou não só ter uma pista dentro do complexo industrial, mas também de alçar voos mais altos e ousados.

Em 2018, com o apoio da Iveco, Pivetta colocava nas pistas de competição de todo o Brasil a sua própria equipe, a TMG-Usual Iveco Racing, em parceria com Thiago Meneghel, um dos principais engenheiros e chefes de equipe do automobilismo brasileiro.

Mais do que isso, esta foi a oportunidade de correr profissionalmente, sendo um dos pilotos da escuderia. Como companheiro de  equipe, nada menos que Felipe Giaffone, quatro vezes campeão da antiga Fórmula Truck e campeão da Copa Truck em 2018.

Em entrevista exclusiva ao Motorsport.com, Pivetta se emocionou ao lembrar do passado e ver a realidade em outras pessoas que um dia era a sua também: "Eu venho de uma família tão simples e chegar onde estou chegando, é um pouquinho sinistro. São tantas pessoas que vejo na Copa Truck querendo ter um caminhão e hoje aqui eu tenho uma equipe com quatro. O segredo é não desistir."

Djalma Pivetta e Felipe Giaffone

Djalma Pivetta e Felipe Giaffone

Photo by: Rafael Catelan

 

‘Deu ruim’! Bruno Senna relata acidente “tenso” do tio Ayrton com buggy em fazenda da família

PODCAST: O debate de fãs e 'haters' sobre domínio de Hamilton e participação de Eric Granado 

 

Shell entra na Copa Truck a bordo do caminhão de Djalma Pivetta

Artigo anterior

Shell entra na Copa Truck a bordo do caminhão de Djalma Pivetta

Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Other truck
Autor Erick Gabriel