Fórmula 1 deve ter pré-temporada de apenas três dias em 2021

Testes para a próxima temporada podem ser transferidos para o Bahrein

Fórmula 1 deve ter pré-temporada de apenas três dias em 2021

A pré-temporada de 2021 da Fórmula 1 deve ser reduzida para apenas três dias e é provável que seja transferida da Espanha para o Bahrein.

Depois de realizar oito dias de pré-temporada por vários anos, a F1 reduziu para seis dias de testes em 2020, distribuídos por duas semanas no Circuito de Barcelona-Catalunha.

Leia também:

Mas com os carros de 2020 programados para serem movidos para o próximo ano com pequenos ajustes permitidos, as equipes concordaram com a decisão de reduzir para apenas três dias de testes no próximo ano.

O Motorsport.com acredita que a pré-temporada será provavelmente realizada no Bahrein, mas uma decisão final sobre o local ainda não foi tomada.

O Circuito Internacional do Bahrein não hospeda testes de pré-temporada de F1 desde 2014, quando foi o terceiro e último local antes do início do uso dos novos motores híbridos V6.

Desde então, a pista foi usada para dois testes durante a temporada após os GPs de 2017 e 2019. Ela sediará dois GPs no próximo mês (29 de novembro e 6 de dezembro), ajudando a reforçar o calendário revisado da atual temporada.

A F1 anunciou seu calendário provisório para a temporada de 2021 no início desta semana, com início planejado na Austrália, em 21 de março.

A data para os testes no Bahrein permanece incerta, mas eles poderiam ser realizados no início de março, em uma tentativa de estender as férias de inverno após o final da temporada de 2020.

Embora as equipes sempre desejem maximizar qualquer teste proposto a elas, muitas disseram durante a pré-temporada de 2020 que os seis dias eram mais do que o necessário.

O chefe técnico da Racing Point, Andrew Green, disse que ficaria feliz com quatro dias de testes, acreditando que isso poderia criar mais imprevisibilidade.

"Acho que vai de acordo com o que a F1 deseja, no que diz respeito a tentar confundir as coisas", disse Green em fevereiro. "Todo mundo quer carros ultraconfiáveis ​​quando participam da primeira corrida?"

Essa declaração foi feita antes do acordo de mover os carros de 2020 para 2021 para economizar custos, como resultado da pandemia do coronavírus.

As equipes só podem gastar duas “fichas” para desenvolver os chassis para o próximo ano, o que significa que elas já terão uma grande quantidade de dados e informações sobre os carros desta temporada.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1, MotoGP e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Hamilton despista sobre Rosberg, analisa Bottas e ‘esquece’ Alonso; assista e entenda

PODCAST: O calendário 'pós-pandemia' da F1 2021 é o mais correto? Ouça o debate

 

.

compartilhar
comentários
F1: Hamilton comenta negociações para ficar na Mercedes em 2021

Artigo anterior

F1: Hamilton comenta negociações para ficar na Mercedes em 2021

Próximo artigo

F1: Interlagos será sede do GP do Brasil pelos próximos 5 anos

F1: Interlagos será sede do GP do Brasil pelos próximos 5 anos
Carregar comentários