Alonso detona Honda em novo desabafo via rádio

Espanhol declarou que "nunca correu com tão pouca potência na vida", ainda durante GP do Bahrein

Alonso detona Honda em novo desabafo via rádio
Fernando Alonso, McLaren MCL32
Fernando Alonso, McLaren MCL32, leads Marcus Ericsson, Sauber C36, and Jolyon Palmer, Renault Sport F1 Team RS17
Fernando Alonso, McLaren MCL32
Fernando Alonso, McLaren, and Stoffel Vandoorne, McLaren
Fernando Alonso, McLaren
Fernando Alonso, McLaren MCL32, leads Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-17, Pascal Wehrlein, Sauber C36-Ferrari
Fernando Alonso, McLaren MCL32, leads Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-17
Fernando Alonso, McLaren MCL32
Carregar reprodutor de áudio

Fernando Alonso, que nesta semana revelou que vai deixar de correr o GP de Mônaco para participar da Indy 500, não conseguiu esconder sua raiva, enquanto lutava por posições de meio de grid para trás.

Ele acabou abandonando acorrida faltando três voltas para o fim, mas usou o rádio para transmitir toda sua insatisfação pela falta de potência do motor Honda.

Alonso: "Como eles podem me alcançar? Estavam 300 metros atrás de mim, e eles me alcançam na reta, eu nunca corri com tão pouca potência na minha vida."

Alonso: "[BLEEP] ele estava, o que, 300 metros atrás de nós na reta?"

Engenheiro: "Fernando, estamos considerando o plano B, como estão os pneus?"

Alonso: "Faça o que quiser, cara."

Alonso: "Motor, problema do motor. Box. Fora."

Carro mais lento do que em corridas anteriores

Após a corrida, Alonso estava mais calmo nas entrevistas, mas admitiu que sentiu que seu carro era menos competitivo do que nas corridas iniciais em Melbourne e Xangai.

"Não gostamos disso porque estávamos perdendo muito terreno na reta", disse Alonso à NBC. "Acho que estávamos perto dos pontos em algumas partes da corrida, mas nunca tivemos o ritmo que fizemos na China ou na Austrália, fomos um pouco mais lentos hoje, então precisamos continuar melhorando."

"Acho que vai ser difícil na Rússia também, porque a potência é muito importante lá."

Depois que o companheiro de equipe, Stoffel Vandoorne, não conseguiu largar devido a uma falha da MGU-H - que já havia atingido Alonso na classificação, Fernando acrescentou: "Stoffel teve tanta má sorte neste fim de semana, e não ser capaz de participar, é incrível".

Vandoorne foi ao Twitter para deixar claro seus sentimentos.

 
compartilhar
comentários
Hamilton pede desculpas por punição: “Foi minha culpa”
Artigo anterior

Hamilton pede desculpas por punição: “Foi minha culpa”

Próximo artigo

Bottas lamenta ordem de equipe “dura” da Mercedes no Bahrein

Bottas lamenta ordem de equipe “dura” da Mercedes no Bahrein
Carregar comentários