ANÁLISE: Entenda o que as fichas de desenvolvimento gastas da Alfa Romeo dizem sobre sua mentalidade para 2021

Equipe italiana usou suas fichas de desenvolvimentos para redesenhar a frente do monoposto

ANÁLISE: Entenda o que as fichas de desenvolvimento gastas da Alfa Romeo dizem sobre sua mentalidade para 2021

A Alfa Romeo continuou o tema dos carros de Fórmula 1 sendo mais evolução do que revolução este ano, quando revelou nesta segunda-feira (22) o C41 na Polônia. Um importante aspecto do modelo apresentado está no redesenho da frente do carro para temporada de 2021.

É claro que a equipe tem concentrado os seus recursos na recuperação da perda de downforce criada pelo novo regulamento para a próxima temporada, com as necessárias alterações no assoalho, dutos de freio traseiro e difusor.

Leia também:

No entanto, talvez o fator mais interessante do C41 esteja no redesenho da frente do monoposto, com uma nova asa dianteira, bico e dutos de freio, todos procurando configurar o fluxo de ar de forma diferente do carro antecessor.

Para atingir suas ambições de design, a escuderia teve que gastar suas duas fichas de desenvolvimento atribuídas no redesenho desses aspectos também, portanto, o retorno precisa ser considerável.

O corpo principal da estrutura foi consideravelmente estreitado, com o design agora muito mais reminiscente a uma tendência iniciada pela Mercedes em 2017. Isso também está aliado a um repensar na parte frontal da estrutura, com o formato da ponta do bico e sua entrada alteradas e com as duas entradas mais altas presentes no C39 descartadas.

Alfa Romeo Racing C41 front nose
Alfa Romeo Racing C41 front wing

Essas revisões levaram ainda a uma nova capa, que foi introduzida no corpo do bico para que pudesse influenciar o fluxo de ar um pouco mais cedo do que antes.

Parece haver também uma forma interessante na parte inferior do bico na seção entre a ponta dele e a borda da capa. Esta pode ser a razão pela qual a equipe optou por não usar o arranjo de pilares de asa estreita, que é mais comum neste conceito de design geral.

No entanto, não está claro neste estágio se é simplesmente um caminho para o fluxo de ar seguir antes de entrar no duto 'S', que permanece uma característica do carro, ou se funciona com a capa para influenciar ainda mais o tráfego contínuo do fluxo de ar em direção ao aglomerado de bargeboard.

Alfa Romeo C39 C41 comparison

Alfa Romeo C39 C41 comparison

Photo by: Alfa Romeo

A Alfa Romeo tem sido firme em sua abordagem aos regulamentos da asa dianteira que foram introduzidos em 2019, favorecendo a seção externa descarregada da asa para influenciar a esteira gerada pelo pneu dianteiro atrás.

No entanto, a equipe fez algumas mudanças significativas na seção interna da asa para 2021, com o plano principal agora apresentando um arco muito ousado onde se encontra com a seção neutra.

É uma área em que a equipe fez algumas mudanças limitadas no final de 2020. Mas esta variante mais agressiva irá claramente conduzir o vórtice Y250 de uma forma muito diferente e o resultado do novo design de capa muito mais ousado será capaz de manter o vórtice em cheque.

Há também uma seção mergulhada na borda dianteira da parte central do plano principal, que é outro aspecto que foi usado no final da última temporada. Mas, novamente, o novo design é mais proeminente, indicando os desejos da equipe de obter mais desempenho dessa região da asa.

Um duto de freio revisado também é visível na frente do carro, com a equipe mudando para um design mais parecido com o usado pela Mercedes, com uma entrada em forma de L invertida dividida em vários canais que alimentam as diversas demandas de refrigeração e aerodinâmica de funcionamento do duto interno.

Enquanto isso, a extensão vertical que eleva a posição do braço da suspensão superior também parece ter sido ligeiramente modificada, talvez como uma resposta ao perfil de pneu revisado que a Pirelli fornecerá para a próxima temporada.

Alfa Romeo Racing C41

Alfa Romeo Racing C41

Photo by: Alfa Romeo

O C41 mantém a caixa de ar triangular distinta e o arranjo circular deslocado do snorkel de seu antecessor, com a configuração permitindo à equipe embalar alguns dos radiadores e outros auxiliares associados ao resfriamento ao redor da unidade de potência.

Isso resulta em um arranjo lateral menor, embora as melhorias propostas pela Ferrari ainda não pareçam ter permitido uma redução significativa em seu tamanho, algo que é mais perceptível se você comparar o tamanho da saída de resfriamento traseira com alguns dos outros carros que vimos até agora.

Alfa Romeo Racing C41 rear

Alfa Romeo Racing C41 rear

Photo by: Alfa Romeo

Há uma série de aspectos de design do carro que ainda vamos ver em sua forma finalizada, com o assoalho sendo comprado até as especificações de 2021 no que diz respeito ao recorte. 

No entanto, é bom ver que os designs introduzidos ao longo da última temporada também têm uma suspensão da execução, provando que às vezes a abordagem 'se não está quebrado, não conserte' é a certa. A barbatana de tubarão baixa, os pilares das asas traseiras com pescoço de cisne alto, as extremidades das asas traseiras opostas e o design de strake são a prova disso até agora.

Alfa Romeo Racing C41 rear

Alfa Romeo Racing C41 rear

Photo by: Alfa Romeo

Com tudo igual, o C41 parece ser um passo à frente quando comparado diretamente com o carro que terminou a campanha de 2020.

A maior parte do esforço da equipe se concentrou na extremidade dianteira do carro, a fim de desbloquear o potencial latente atrás dele. No entanto, será interessante ver a rapidez com que as coisas evoluem quando o carro terminar seu shakedown e o dia de filmagem na sexta-feira, antes de ser colocado à prova durante o teste de pré-temporada no Bahrein em 12-14 de março.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

BAND define EQUIPE de jornalistas que estará em TODAS as corridas da F1

Podcast #090 – Corridas aos sábados e tetos: revolução imposta pela Liberty pode tirar DNA da F1?

 

 

compartilhar
comentários
F1: AlphaTauri faz testes com novo carro em Ímola

Artigo anterior

F1: AlphaTauri faz testes com novo carro em Ímola

Próximo artigo

Band sondou Luis Roberto para assumir narração da F1 antes de fechar com Sérgio Maurício

Band sondou Luis Roberto para assumir narração da F1 antes de fechar com Sérgio Maurício
Carregar comentários