Análise técnica de Giorgio Piola
Assunto

Análise técnica de Giorgio Piola

ANÁLISE: As "pequenas" efetivas atualizações do duto de freio da Red Bull

Giorgio Piola destrincha modificações discretas ao público da Fórmula 1 que podem fazer grande diferença na pista

ANÁLISE: As "pequenas" efetivas atualizações do duto de freio da Red Bull

A Red Bull esteve extremamente ocupada durante a primeira metade da temporada de 2021 da Fórmula 1, trazendo atualizações de desempenho em quase todos os GPs. Enquanto às vezes as modificações eram muito grandes e óbvias, em outras corridas pareciam insignificantes.

No entanto, nada de novo é introduzido por uma equipe se não houver desempenho para ser obtido - por isso, é sempre importante explorar cada alteração pontual.

Leia também:

Nesta temporada, já cobrimos as mudanças que a escuderia austríaca tem implementado em sua entrada de duto de freio corrida a corrida para melhor compensar o resfriamento com aerodinâmica. Para o GP da Hungria, no entanto, ela chegou com uma abertura de entrada ampliada.

Red Bull RB16B front brake duct comparison

Red Bull RB16B front brake duct comparison

Photo by: Uncredited

Esta é a primeira vez que vimos uma nova especificação desde a introdução da última iteração no GP da Espanha. Posteriormente, foi usado em Baku, França, nas corridas do Red Bull Ring e em Silverstone, enquanto a especificação de Portimão foi usada novamente em Mônaco.

O novo design baseia-se no apresentado para a Espanha e amplia o casco para ajudar a alimentar mais fluxo de ar no canal inferior e externo.

A conclusão mais provável a se tirar é que isso só será usado quando a demanda de resfriamento for alta, pois terá uma perda aerodinâmica desprezível.

Red Bull RB16B front brake detail

Red Bull RB16B front brake detail

Photo by: Giorgio Piola

A Red Bull também fez uma escolha interessante na Hungria no que diz respeito à asa traseira, já que mudou para um arranjo menos downforce para a qualificação e a corrida.

Também vale a pena notar que, embora todos os outros no grid tivessem seus arranjos de força aerodinâmica mais altos, incluindo T-Wings, a Red Bull ainda optou por não instalar um no RB16B.

Red Bull RB16B rear wing comparison

Red Bull RB16B rear wing comparison

Photo by: Uncredited

Alpine, a surpreendente vencedora da corrida em Budapeste, fez alterações em sua asa traseira para a prova, com sua usual peça de alta força aerodinâmica equipada com algumas barras de suporte adicionais.

Essas, que não estavam presentes quando a asa foi usada pela última vez em Mônaco, foram provavelmente instaladas como resultado dos testes de carga e deflexão mais rigorosos da FIA e evitam que o componente se incline para trás sob carga.

Alpine A521 high downforce rear wing comparison

Alpine A521 high downforce rear wing comparison

Photo by: Uncredited

Avanços da Mercedes

A melhora do desempenho da Mercedes nas últimas etapas coincide com uma série de mudanças feitas pela equipe em sua abordagem e configuração. Além disso, seu mais recente pacote de atualização aerodinâmica pode ter sido cronometrado perfeitamente com a mudança para um novo pneu traseiro mais robusto da Pirelli.

Mercedes AMG F1 W12 new full side

Mercedes AMG F1 W12 new full side

Photo by: Giorgio Piola

A atualização concentrou-se na parte central do carro com as tábuas, defletores laterais e assoalho, todos ajustados para melhorar o desempenho. As mudanças foram as seguintes:

O defletor principal do topo foi encurtado, com as lâminas venezianas do conjunto estendidas para frente para encontrar o fluxo de ar anterior.

As duas palhetas em forma de 'r' na base da matriz de defletor do sidepod foram unidas por uma terceira aleta mais longa que fica abaixo do defletor principal, que também foi desconectado da asa do sidepod. Isso é semelhante ao que vemos em outros lugares acima e abaixo do grid, com a asa horizontal voltada para cima em sua ponta.

De acordo com essas alterações, a equipe de design também otimizou a área logo atrás, já que quatro nadadeiras em ângulo externo podem agora ser encontradas montadas entre a borda do piso e o sidepod.

A borda do assoalho 'ondulado' também foi reduzida a apenas uma única dobra com a aba montada atrás convertida em um arranjo de duas peças.

EXCLUSIVO: BURTI rompe silêncio sobre F1: Hamilton é MAIS LIMPO que campeões como SENNA e SCHUMACHER

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: De Vries se sente "privilegiado" por ser especulado em vaga na Williams em 2022

Artigo anterior

F1: De Vries se sente "privilegiado" por ser especulado em vaga na Williams em 2022

Próximo artigo

Podcast #124 – Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

Podcast #124 – Qual piloto merece uma segunda chance na F1?
Carregar comentários