Análise técnica: O que a AlphaTauri mostrou (ou não) nas fotos do novo carro da F1

A AlphaTauri foi a segunda equipe da F1 a mostrar o carro para 2021, e tentou manter alguns dos aspectos mais interessantes do design escondidos

Análise técnica: O que a AlphaTauri mostrou (ou não) nas fotos do novo carro da F1

Enquanto a McLaren mostrou as primeiras imagens do MCL35M na segunda, e foi com o carro para a pista de Silverstone na manhã seguinte, a AlphaTauri optou por motrar fotos do AT02 e um vídeo do carro do ano passado com a pintura que aparecerá no grid da Fórmula 1 em 2021.

Mas olhando de perto para o que a AlphaTauri nos mostrou, já podemos notar algumas mudanças que foram feitas, enquanto mantemos o alerta para aquelas áreas que ficaram secretas.

Leia também:

A primeira coisa a ser notada é que a AlphaTauri indicou que optou por gastar suas duas fichas de desenvolvimento na frente do carro, introduzindo um novo bico e suspensão dianteira para liberar performance mecânica e aerodinâmica. Como consequência dessas mudanças, a equipe atualizou também alguns de seus componentes de direção com partes usadas pela Red Bull no ano passado, algo permitido pelo regulamento.

AlphaTauri AT01/AT02 comparison

AlphaTauri AT01/AT02 comparison

Photo by: AlphaTauri

As imagens de estúdio do AT02 sugerem que a equipe está mantendo as cartas bem escondidas nesse momento, com os designs vistos nas imagens mostrando apenas as diferenças mais sutis para o carro de 2020. Porém, quando olhamos mais a fundo, há muita coisa para analisar enquanto esperamos mais imagens do dia de filmagens, marcado para o próximo dia 24.

Vamos começar com o assoalho, que traz algumas das características de design mais interessantes do AT02...

AlphaTauri AT01/AT02 floor comparison

AlphaTauri AT01/AT02 floor comparison

Photo by: AlphaTauri

Para cumprir com o novo regulamento deste ano, as equipes tiveram que tirar uma fatia da borda do assoalho, a frente do pneu traseiro. Isso foi forçado por normas de dimensão dentro do regulamento, mas que deixam espaço para algum individualismo, como vemos aqui.

Quando visto de cima, o corte do assoalho do AT02 tem um formato de Z cerca de 200mm do ponto onde as fronteiras diagonais começam (destacado em verde, acima). Quando visto de lado, também precisamos notar que isso se projeta em uma volumosa disposição, formando uma parceria com uma barra em ângulo extremo no assoalho.

Este trio de elementos de design são claramente uma tentativa de recuperar algumas das perdas de downforce associadas às modificações do assoalho à frente do pneu traseiro, além da incapacidade de adicionar furos totalmente fechados dentro de 100mm da borda do piso, como foi possível na última temporada.

Curiosamente, a equipe também adicionou outra disposição do assoalho à frente do pneu traseiro, com uma aba de tamanho semelhante montada em cima dele. Todas essas decisões nascem de um desejo de influenciar o fluxo turbulento que é criado pelo pneu traseiro e que, de outra forma, resultaria em uma perda de desempenho do difusor.

AlphaTauri AT01/AT02 side view comparison

AlphaTauri AT01/AT02 side view comparison

Photo by: AlphaTauri

A área à frente dos sidepods também foi refinada, aproveitando a oportunidade para mudar para o popular painel defletor horizontal no formato de venezianas (seta azul, acima). O painel defletor mais à frente foi trazido para a frente próximo do assoalho, e alinhado no ponto de conexão com o aglomerado de bargeboards no formato de bumerangue (seta preta).

O painel traseiro no defletor também foi destacado do sidepod, embora, anteriormente, tenha sido arqueado para se encontrar com ele (seta vermelha).

Essas mudanças têm impacto sobre como a turbulência criada pelo pneu dianteiro é tratada. Eles também melhoraram o desempenho do fluxo de ar que se move ao redor dos sidepods e podem influenciar o fluxo pelo pneu traseiro.

O destaque em amarelo adicionado à lateral indica quanto trabalho foi feito pela equipe e pela Honda para melhorar o pacote de refrigeração, o que, por sua vez, permite melhorar a aerodinâmica do carro.

A lateral foi encolhida para deixar os componentes internos muito mais próximos do que antes, pois há menos medo de superaquecimento, o que permitiu também que a equipe seguisse uma tendência em que o contorno da carroceria sangrasse para o chão mais cedo. Isso é especialmente importante neste ano, com a redução do espaço do piso.

O conjunto de bargeboards também foi otimizado de várias maneiras, mas o aspecto mais intrigante é a chegada de uma nova aleta, montada na metade da montagem, com a folha torcida oferecendo uma superfície de suporte para o fluxo de ar ser manobrado.

AlphaTauri AT02

AlphaTauri AT02

Photo by: AlphaTauri

Apesar da AlphaTauri ter tido a oportunidade de atualizar sua suspensão traseira e caixa de câmbio sem gastar fichas, optou por manter as peças de 2020.

Como podemos ver na imagem traseira (acima), isso permitiu à equipe refinar sua embalagem de resfriamento em torno de uma qualidade conhecida, com a saída principal emoldurada pelos triângulos superior e inferior. Esta vista também dos dá a chance de olhar o trabalho feito nas cápsulas laterais, que caem em cascata de forma mais elegante que no ano passado.

Os pilares da asa traseira, em formato de pescoço de cisne, algo que foi introduzido em 2020, também foram mantidos, enquanto o difusor mostrado é, em grande parte, uma herança do design do ano passado.

No entanto, as fendas foram reduzidas em 50mm para ficarem em linha com o regulamento deste ano, embora isso possa mudar quando o carro for à pista.

AlphaTauri AT02 front wing detail

AlphaTauri AT02 front wing detail

Photo by: AlphaTauri

Voltando para a frente, há algumas coisas que valem a pena mencionar, incluindo as alterações na asa dianteira, com uma placa interna adicionada (seta vermelha, acima), a placa externa refeita e a forma geral de alternância dos flaps conforme a equipe procura ajustar o trânsito do fluxo de ar ao redor da roda dianteira.

O duto de freio dianteiro é semelhante em tamanho e formato ao usado do final do ano passado, mas isso, junto com a seção em branco abaixo, pode muito bem mudar durante os testes, conforme a equipe adiciona as aletas, que vimos tornarem-se comuns em todo o grid.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

EXCLUSIVO: Sérgio Maurício ASSINA com a BAND e será NARRADOR da F1 no BRASIL

PODCAST - Como congelamento de motores impacta mercado da F1?

 

compartilhar
comentários
F1: Horner vê oportunidade de se aproximar da Mercedes em 2021
Artigo anterior

F1: Horner vê oportunidade de se aproximar da Mercedes em 2021

Próximo artigo

Análise técnica: Conheça o assoalho assimétrico usado pela Ferrari em Ímola

Análise técnica: Conheça o assoalho assimétrico usado pela Ferrari em Ímola
Carregar comentários