Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
23 dias
06 mai
Próximo evento em
65 dias
20 mai
Próximo evento em
79 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
93 dias
10 jun
Próximo evento em
100 dias
24 jun
Próximo evento em
114 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
121 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
135 dias
29 jul
Próximo evento em
149 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
177 dias
02 set
Próximo evento em
184 dias
09 set
Próximo evento em
191 dias
23 set
Próximo evento em
205 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
212 dias
07 out
Próximo evento em
219 dias
21 out
Próximo evento em
233 dias
28 out
Próximo evento em
240 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
276 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
285 dias

Após bater, Grosjean critica FIA por autorizar Q1 em Monza

Francês da Haas aquaplana e sofre acidente em linha reta nos primeiros minutos do Q1 na Itália e dá declarações irritado: “Era muito perigoso”

compartilhar
comentários
Após bater, Grosjean critica FIA por autorizar Q1 em Monza
Romain Grosjean, Haas F1 Team, speaks, Channel 4 presenter Lee McKenzie
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17
Romain Grosjean, Haas F1 Team
Romain Grosjean, Haas F1 Team, takes a picture, a photographer's camera
Wet tyre and broken whel on the crashed car of Romain Grosjean, Haas VF-17
Romain Grosjean, Haas F1 Team
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17 crash
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17

A classificação para o GP da Itália não começou bem para o francês Romain Grosjean. Com muita chuva, o piloto da Haas acabou rodando na reta dos boxes após destracionar duas vezes devido a aquaplaning com seu carro.

O piloto perdeu o controle de sua Haas e bateu no muro de fora da pista e ainda foi jogado para o lado de dentro do circuito. Bravo, o francês criticou a FIA por autorizar a sessão.

"Eu vou tentar ser calmo e não dizer nada que possa me arrepender, mas acho que não deveríamos ter iniciado a classificação", disse Grosjean à NBC.

"Desde o início, eu me queixei muito dizendo que era muito perigoso, que não podíamos ver onde estávamos. Eu não acho que fui o único.”

"Claramente, bater em linha reta mostra que o carro não podia andar. Havia muita água. Estou desapontado por ter começado nessas condições, mas o que você pode fazer? Você não pode recuar. Se alguém estiver atrás de você, não vai saber o que está na frente. Deveríamos ter esperado.”

Quando perguntado se a aquaplanagem era pior com os pneus de 2017, o francês da Haas, diretor da GPDA, respondeu: "Estava tudo bem na primeira volta, mas a chuva veio mais forte”.

"Nós sabíamos que teríamos mais aquaplaning nestes pneus. Eles estiveram bem na maior parte da pista, mas em linha reta, com o novo asfalto, eles não dissipavam a água. Era muito perigoso.”

"Eu acho que com a FIA trazendo segurança, nos fazendo desacelerar muito sob as bandeiras duplas, o Halo entrando... autorizaram uma classificação que não deveria ter ocorrido, ou pelo menos depois da volta não pareceu isso era possível correr, acredito que essa decisão deveria ter sido feita um pouco mais diferente ".

Perguntado sobre a gravidade do acidente pela Sky Sports F1, Grosjean respondeu: "O impacto não foi forte, tive sorte, bati nas barreiras e voltei para a pista. Fiquei feliz com isso, tive sorte.”

"Mas rodar em linha reta não é algo que você deve ver na Fórmula 1. Não deveríamos ter saído, sou bastante direto nisso".

Quem larga na frente se pilotos tiverem punições iguais?

Artigo anterior

Quem larga na frente se pilotos tiverem punições iguais?

Próximo artigo

FIA explica por que Alonso não foi punido em Spa

FIA explica por que Alonso não foi punido em Spa
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Itália
Localização Autodromo Nazionale Monza
Pilotos Romain Grosjean