Fórmula 1
25 set
Corrida em
16 Horas
:
51 Minutos
:
17 Segundos
R
GP de Portugal
23 out
Próximo evento em
26 dias
04 dez
Próximo evento em
68 dias
R
GP de Abu Dhabi
11 dez
Próximo evento em
75 dias

F1: Bottas vence na Áustria após polêmica entre Hamilton e Albon

compartilhar
comentários
Por:
, Repórter

Max Verstappen tinha boa estratégia para vencer no Red Bull Ring, mas abandonou no começo da prova

A Fórmula 1 voltou às pistas para a primeira corrida de 2020, mas o domínio da Mercedes continuou a dar a tônica da categoria máxima do automobilismo. Em nova demonstração de domínio da equipe, Valtteri Bottas superou a concorrência e venceu na Áustria.

Leia também:

O piloto finlandês largou na pole e dominou toda a prova no Red Bull Ring, segurando o ataque tardio de Lewis Hamilton. O britânico largou em quinto após punição, mas conseguiu escalar o pelotão e foi em busca da vitória.

O hexacampeão terminou em segundo na pista, mas se envolveu em polêmica com a Alexander Albon no fim da prova. O tailandês tentou passar o rival por fora, mas os dois se tocaram e o competidor da Red Bull levou a pior, caindo para o fim do grid e abandonando em seguida.

Hamilton tomou punição de 5s no tempo de prova, caindo para quarto. O segundo foi Charles Leclerc, monegasco da Ferrari, e o terceiro foi Lando Norris, britânico da McLaren, que ainda conseguiu o ponto extra pela volta mais rápida da prova.

Companheiro de Albon, Max Verstappen largou em segundo e apostava na estratégia de pneus para vencer, mas teve problemas na caixa de câmbio e abandonou o GP da Áustria logo no começo da corrida.

Largada

Depois do apagar das luzes, Hamilton foi para cima de Albon, mas o piloto da Red Bull manteve a quarta posição. Verstappen sofreu com aderência por causa dos pneus médios, mas manteve Norris para trás. Bottas abriu vantagem na frente e Vettel passou Ricciardo pelo 10º lugar.

Pérez sofreu forte ataque de Leclerc, mas conseguiu ficar em sexto, permitindo que o oitavo Sainz fosse para cima do piloto da Ferrari. As posições se mantiveram. Na sequência, porém, Norris caiu para quinto, sendo ultrapassado por Albon e Hamilton.

Antes da volta 10 de um total de 71, Hamilton passou Albon. Logo depois, Verstappen teve problemas na caixa de câmbio de seu motor Honda e para os boxes na Red Bull, na tentativa de arrumar seu carro. Entretanto, o piloto teve que abandonar.

 

No pelotão de trás, Russell e Latifi eram os dois últimos, respectivamente, com a Williams. Grosjean aparecia logo à frente, atrás de Raikkonen e Giovinazzi, o 15º. No pelotão intermediário, Stroll, Vettel e Ricciardo travavam forte batalha pelo oitavo lugar. Entretanto, por volta da volta 18, tanto a Racing Point quanto a Renault tiveram problemas, de modo que o tetracampeão ganhou a posição. Stroll e Ricciardo abandonaram.

Na 20ª volta, Grosjean errou, saiu da pista e acabou caindo para último, mas continuou na corrida, fazendo pit stop e voltando à disputa. Seu companheiro de Haas, Magnussen também errou logo depois, em briga com Ocon, e foi o quarto a deixar a pista, gerando bandeira amarela.

 

Aproveitando o safety car, todos os carros fizeram suas trocas de pneus, com a Mercedes fazendo o pit stop de seus dois pilotos em sequência, com sucesso. As posições se mantiveram: Bottas, Hamilton, Albon, Norris, Pérez, Leclerc, Sainz e Vettel.

Gasly, Kvyat, Ocon, Giovinazzi, Russell, Raikkonen, Grosjean e Latifi completavam o pelotão. Após as paradas, todos os pilotos voltaram à pista com pneus duros. A única exceção foi Pérez, que optou por compostos médios.

Na relargada, Vettel foi para cima de Sainz, seu substituto na Ferrari em 2021, mas 'errou a mão'. O tetracampeão perdeu o ponto de frenagem e, para não bater em cheio na McLaren, acabou rodando, caindo para penúltimo. 

 

Pouco depois, Pérez foi para cima de Norris e subiu para o quarto lugar. No terço final da prova, Hamilton mantinha a diferença para Bottas em menos de um segundo, caçando seu companheiro de Mercedes. A 25 voltas do fim, tanto Bottas quanto Hamilton foram avisados de que o câmbio de seus carros estava com problemas nos sensores, de modo que deveriam evitar o ataque às zebras do Red Bull Ring.

Logo após, Grosjean e Russell abandonaram. O piloto da Williams parou na pista e o safety car foi acionado, recompactando os pelotões. Albon foi para os boxes, colocou pneus macios e voltou em quarto. Norris e Leclerc foram para os médios e saíram em quinto e sexto, respectivamente.

Na relargada, Albon passou Pérez, mas nova bandeira amarela foi acionada. A causa foi um problema na Alfa Romeo de Raikkonen: a roda dianteira direita do campeão mundial de 2007 saiu de seu carro, ocasionando safety car.

 

Quando o carro de segurança deixou a pista, a 10 voltas do fim, Albon foi para cima de Hamilton, por fora, mas os pilotos se tocaram e o representante da Red Bull levou a pior, saindo pela área de escape e caindo para o fundo do grid. Hamilton tomou punição de 5s no tempo de prova.

 

Quem surgiu bem no fim foi Leclerc, que partiu para cima dos carros da McLaren e da Racing Point e subiu para terceiro. Pérez foi outro a ser punido em 5s no tempo de prova, por exceder o limite de velocidade no pitlane.

Hamilton tentou acelerar no final em busca de manter pelo menos o terceiro lugar com a punição, mas Norris acelerou bastante no final e terminou a menos de cinco segundos do hexacampeão, "roubando" seu terceiro lugar e garantindo seu primeiro pódio na F1.

No final, um novo procedimento de pódio para a F1. Os três primeiros foram à linha de chegada, colocam a máscara e são entrevistados no local. Em seguida, o pódio é feito no próprio local, seguindo os protocolos de distanciamento.

A Fórmula 1 volta às pistas já essa semana e no Red Bull Ring, com o GP da Estíria. A partir de sexta-feira começam as atividades de pista com os treinos livres. Você acompanha toda a ação no Motorsport.com.

Veja a classificação final:

Cla Piloto Equipe Dif
1 Finland Valtteri Bottas Mercedes  
2 Monaco Charles Leclerc Ferrari 2s700
3 United Kingdom Lando Norris McLaren 5s491
4 United Kingdom Lewis Hamilton Mercedes 5s689
5 Spain Carlos Sainz Jr. McLaren 8s903
6 Mexico Sergio Perez Racing Point 15s092
7 France Pierre Gasly AlphaTauri 16s682
8 France Esteban Ocon Renault 17s456
9 Italy Antonio Giovinazzi Alfa Romeo 21s146
10 Germany Sebastian Vettel Ferrari 24s545
11 Canada Nicholas Latifi Williams 31s650
12 Russian Federation Daniil Kvyat AlphaTauri  
13 Thailand Alex Albon Red Bull  
  Finland Kimi Raikkonen Alfa Romeo  
  United Kingdom George Russell Williams  
  France Romain Grosjean Haas  
  Denmark Kevin Magnussen Haas  
  Canada Lance Stroll Racing Point  
  Australia Daniel Ricciardo Renault  
  Netherlands Max Verstappen Red Bull  

Entrevista com Bruno Senna: trajetória no automobilismo e histórias com Ayrton; ouça

 

.

PÓDIO: Regi Leme e Rico Penteado comentam polêmicas e analisam F1 na Áustria

Artigo anterior

PÓDIO: Regi Leme e Rico Penteado comentam polêmicas e analisam F1 na Áustria

Próximo artigo

Segundo lugar de Leclerc tem "gosto de vitória" e piloto coloca como uma de suas melhores corridas na F1

Segundo lugar de Leclerc tem "gosto de vitória" e piloto coloca como uma de suas melhores corridas na F1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Áustria
Sub-evento Corrida
Autor Carlos Costa