Em sétimo, Sergio Pérez agradece torcida em Austin; Button é 10º

McLaren consegue nos EUA colocar os dois carros nos pontos pela primeira vez desde o GP da Coreia do Sul

Em sétimo, Sergio Pérez agradece torcida em Austin; Button é 10º
Carregar reprodutor de áudio

O fim de semana do GP dos EUA foi mais uma vez difícil para a McLaren. Pérez, no entanto, surpreendeu largando de sétimo e conseguindo passar Alonso. O piloto manteve sua sexta posição por pouco tempo pelo desgaste excessivo dos pneus Pirelli em seu carro. Parando mais cedo, o piloto voltou atrás de Jean-Éric Vergne e teve seu ritmo prejudicado, perdendo o lugar para Alonso.

"Para ser honesto, eu estava esperando conseguir um pouco mais do que o sétimo hoje”, falou Pérez.

"Na primeira volta, consegui passar Fernando [Alonso] e senti o carro inicialmente muito forte. Depois disso, no entanto, entre a 10ª e a 15ª voltas, a degradação dos pneus começou a piorar e tivemos dificuldades em relação aos outros ao nosso redor. Eles pareciam estar lidando com os compostos um pouco melhor do que nós.”

O mexicano agradeceu o apoio local. "Mas, mais importante, quero dizer um grande 'obrigado' a todos os meus fãs mexicanos e norte-americanos pelo apoio que me mostraram todo fim de semana.”

Já Button reclamou de um toque que lhe tirou um pedaço da asa.“Depois de dez voltas quebrei um pedaço da asa dianteira. Eu realmente não esperava pontuar. Um ponto não é muito, mas gostei da corrida no fim. Tive ótimas disputas, e especialmente com Ricciardo no fim”, falou ao TotalRace.

“Consideramos trocar o bico, mas acabamos decidindo colocar mais asa durante nossa parada, o que balanceou melhor o carro. Não foi o ideal, porque ainda perdíamos downforce na frente, e isso interferia em todo o carro”, afirmou.

“Neste ano realmente não conseguimos fazer um bom trabalho. Precisamos melhorar. Durante as primeiras 30 voltas fiquei preso atrás de Felipe Massa. Isso complicou nossa prova, mas consegui fazer boas ultrapassagens no final, o que fez nosso dia um pouco mais interessante.”

compartilhar
comentários
Hamilton: "Não deixaria Alonso passar por nada nesse mundo"
Artigo anterior

Hamilton: "Não deixaria Alonso passar por nada nesse mundo"

Próximo artigo

"Primeiro dos mortais", diz Alonso sobre conquista do vice-campeonato

"Primeiro dos mortais", diz Alonso sobre conquista do vice-campeonato