F1 apresenta calendário provisório de 2021 às equipes nesta segunda (26)

compartilhar
comentários
F1 apresenta calendário provisório de 2021 às equipes nesta segunda (26)
Por:

Chefes de equipe questionam se categoria apresentará versão otimista ou realista do cronograma para o próximo ano

A tão aguardada reunião da Comissão da Fórmula 1, que deve debater o futuro dos motores da categoria, terá também outro tópico de interesse das equipes e dos fãs do esporte: o calendário de 2021.

Desde o semestre passado, o CEO da F1 Chase Carey tem deixado claro que sua pretensão para o próximo ano é ter um calendário similar ao que seria executado em 2020 antes da chegada da pandemia, com um início planejado para março com o GP da Austrália.

Leia também:

Porém, sem um sinal da vacina a frente, há claramente uma forte chance de que algumas das corridas canceladas neste ano, especialmente as corridas de rua e as de fora da Europa, sejam descartadas novamente.

A complicação é que, por razões legais e políticas, a F1 é obrigada a colocar eventos sob contrato no calendário provisório, mesmo se a lógica dita que eles dificilmente serão realizados.

Os cancelamentos deste ano envolveram complexas negociações sobre quem tomaria a decisão final, e onde cairia a responsabilidade. Um exemplo extremo disso foi visto recentemente, com o cancelamento formal do GP do Vietnã, apesar do calendário final da temporada 2020 ter sido divulgado semanas antes.

O chefe da Racing Point, Otmar Szafnauer, afirmou que preferia ver um calendário provisório de 2021 que reflete com mais proximidade o que deve acontecer.

"Vamos discutir isso amanhã [segunda, 26]", disse quando perguntado pelo Motorsport.com. "Mas minha preferência é de termos um calendário realista. Agora, eu sei que é difícil prever o futuro com tudo que vem acontecendo".

"Não acho que seja possível prever como estaremos em um mês, não sabemos como o mundo estará em um mês, e no final de novembro, com o vírus se espalhando desse jeito pela Europa e alguns outros lugares como a América do Norte".

"Outra questão que não sei: sigo lendo sobre algumas vacinas que se mostram promissoras e estão já encaminhadas na terceira fase dos testes. Mas quando elas chegarão a nós? Não sei e é difícil de prever. Porém, eu preferia ver um calendário realista em vez de um otimista, para que possamos planejar. O problema é que é difícil de dizer o que significa realista".

Szafnauer disse que ele deve pressionar os chefes da F1 na reunião: "Vou perguntar: 'Na cabeça de vocês, quais vocês diriam que é a possibilidade de termos de fato esse calendário? Baixo? Temos um plano B?'. Assim podemos fazer um planejamento melhor".

"Mas também tem a chance deles colocarem o calendário mais realista como plano A".

Por outro lado, o chefe da McLaren, Andreas Seidl, segue esperançoso de um retorno ao "normal" com o calendário de 2021.

"Para ser honesto, temos que esperar para ver o que a F1 nos apresentará amanhã", disse ao alemão ao Motorsport.com.

"Este foi um ano desafiador, algo que nunca vimos antes. E ainda acho que a F1, junto conosco, lidamos com isso muito bem, porque em abril em maio nunca contávamos que teríamos um calendário de 17 corridas neste ano. E tenho confiança que eles farão o certo novamente para o próximo ano".

"Certamente a situação é muito dinâmica. Ao mesmo tempo, acho que é importante mantermos a positividade e, com sorte, podemos ter um calendário mais próximo do normal no ano que vem".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

TOP-5: As maiores tretas entre campeões da F1

PODCAST: O mercado da F1 para 2021 e os 30 anos do bicampeonato de Senna

 

Horner descarta troca de Albon em 2020, mas fala de opções para 2021

Artigo anterior

Horner descarta troca de Albon em 2020, mas fala de opções para 2021

Próximo artigo

Pelé celebra Hamilton por vitória 92 na F1: "A história nunca para de ser escrita"

Pelé celebra Hamilton por vitória 92 na F1: "A história nunca para de ser escrita"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Adam Cooper