F1 avalia impacto do GP da Turquia após país ser colocado na lista vermelha do Reino Unido

País entrará oficialmente na lista vermelha um mês antes da data programada para corrida de 13 de junho

F1 avalia impacto do GP da Turquia após país ser colocado na lista vermelha do Reino Unido

A Fórmula 1 está avaliando o impacto potencial no GP da Turquia depois que o governo do Reino Unido anunciou nesta sexta-feira (07) que o país está entrando na lista vermelha de viagens da Covid-19.

Os viajantes que retornam ao Reino Unido e que estiveram em países da lista nos 10 dias anteriores serão obrigados a pagar por uma quarentena obrigatória de 10 dias em hotéis aprovados pelo governo.

Leia também:

A Turquia entrará oficialmente na lista vermelha em 12 de maio, um mês antes da data programada para a corrida de 13 de junho.

Entende-se que as isenções habituais do governo do Reino Unido, que permitem que o pessoal da equipe de F1 e outros diretamente envolvidos no esporte evitem a quarentena, não podem ser aplicadas aos países na lista vermelha.

Isso afetaria as sete equipes britânicas, bem como muitos funcionários da F1 e da FIA que retornam ao Reino Unido entre as corridas.

O pessoal de mídia não faz parte do processo normal de isenção, mas agora teria que ficar em quarentena em hotéis, em vez de em casa, como geralmente é o caso.

Isso seria potencialmente um problema para o GP de Portugal, que estava na lista vermelha até algumas semanas antes da corrida.

Embora o pessoal fosse viajar direto para o GP da Espanha, eles ainda teriam sido obrigados a quarentena se tivessem estado em Portugal nos últimos 10 dias, então as opções eram ficar na Espanha por mais alguns dias ou viajar direto para Mônaco.

Istanbul Park track detail

Istanbul Park track detail

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Após o anúncio do governo de hoje, um porta-voz da F1 disse: "Estamos cientes do anúncio feito pelo governo do Reino Unido sobre as restrições de viagens para a Turquia e estamos avaliando a situação e forneceremos mais detalhes nos próximos dias."

Embora o governo do Reino Unido revise regularmente a lista vermelha, a F1 não pode esperar muito tempo antes de tomar uma decisão sobre se a corrida ainda pode ou não acontecer, por razões logísticas óbvias.

A questão da lista vermelha também afeta a final da Liga dos Campeões, que está marcada para ocorrer em Istambul no dia 29 de maio, entre os clubes britânicos Manchester City e Chelsea. Esforços estão sendo feitos para mover a partida para o Reino Unido.

A Turquia só recentemente foi adicionada ao calendário após o cancelamento do GP do Canadá, em Montreal.

As possíveis opções podem ser adicionar uma corrida extra em Paul Ricard, antes do GP da França, ou adiantar o GP da França por uma semana e adicionar um segundo evento no Red Bull Ring, criando uma nova rodada tripla.

ThePlayer.com, a maior comunidade de apostas esportivas do mundo, está lançando o Desafio F1, o fantasy game que promete agitar a internet e distribuir muitos prêmios.

Para participar, basta se inscrever no ThePlayer.com e entrar na página do Fantasy, clicando aqui. Os vencedores serão conhecidos durante o programa PÓDIO MOTORSPORT, transmitido ao vivo no canal do Motorsport.com no YouTube.

F1 AO VIVO: Mercedes DOMINA os treinos livres para o GP da Espanha; veja o DEBATE | SEXTA-LIVRE

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #103: TELEMETRIA - Tudo sobre o GP da Espanha com Rico Penteado

 

compartilhar
comentários
F1 - AlphaTauri vota contra mudança da regra de limite de gastos: devem ser feitas de maneira adequada

Artigo anterior

F1 - AlphaTauri vota contra mudança da regra de limite de gastos: devem ser feitas de maneira adequada

Próximo artigo

ThePlayer.com e Motorsport.com lançam Fantasy de F1 gratuito; saiba como participar

ThePlayer.com e Motorsport.com lançam Fantasy de F1 gratuito; saiba como participar
Carregar comentários