F1 - Brawn: Fim "emocionante" em Baku é boa prévia para corridas classificatórias

Pilotos elogiaram a decisão da direção de prova de retomar a prova para duas voltas, onde todos correram sem preocupações

F1 - Brawn: Fim "emocionante" em Baku é boa prévia para corridas classificatórias

A falha no pneu de Max Verstappen no GP do Azerbaijão mexeu com a dinâmica da corrida, com uma relargada para apenas duas voltas. E para Ross Brawn, o final "emocionante" da corrida após a bandeira vermelha funciona como uma boa prévia para a estreia das corridas classificatórias da Fórmula 1 em Silverstone, no próximo mês.

O diretor de provas da FIA, Michael Masi, sentiu que não havia motivos para não reiniciar a corrida após a bandeira vermelha, montando uma pequena corrida de duas voltas com bandeira verde após uma relargada parada.

Leia também:

Na relargada, Lewis Hamilton errou ao tentar assumir a liderança, caindo fora da zona de pontos, além de uma grande batalha entre Pierre Gasly e Charles Leclerc pela terceira posição.

Escrevendo em sua coluna pós-GP no site oficial da F1, o diretor esportivo da categoria, Brawn, fez uma comparação entre o fim do GP do Azerbaijão e as corridas classificatórias.

"Fiquei feliz ao ouvir vários comentaristas dizendo que precisávamos de mais 10 voltas da ação que vimos nas duas finais do GP do Azerbaijão, porque funcionaram como uma boa prévia para as corridas classificatórias", escreveu.

"Elas serão um pouco maiores, com 17 a 20 voltas, mas podem ter o mesmo tipo de corrida emocionante, já que os pilotos não terão que se preocupar com conservar os pneus".

O GP da Grã-Bretanha, no próximo mês, será o palco da primeira corrida classificatória, com uma prova de 100 quilômetros de duração no sábado, definindo o grid do GP do domingo. Os outros dois palcos do teste do novo formato devem ser Itália e Brasil.

Fernando Alonso conseguiu sair de décimo na relargada para terminar em sexto, e o espanhol gostou da oportunidade de dar o máximo de si sem ter que pensar no pneu.

"Precisamos pensar em várias corridas de duas voltas, 25 mais ou menos, a cada domingo!", brincou. "Foi muito divertido, as pessoas foram agressivas porque sabiam que não precisavam cuidar dos pneus. Isso é legal".

Gasly passou a maior parte das voltas finais lutando duramente com Leclerc, se mantendo à frente para conquistar seu terceiro pódio na F1 e disse que esse final "trouxe uma adrenalina que está dentro de cada um" e que os pilotos foram como "leões fora da jaulas".

"Todo mundo vai com tudo e tenta conquistar o máximo de posições possíveis em um curto espaço de tempo. Não vi o replay das voltas finais, mas digo que, do meu lado, foi muito intenso. Eu gostei muito. Com sorte, teremos mais disso no futuro".

F1 2021: GLÓRIA de PÉREZ, BATIDA de VERSTAPPEN e VACILO de HAMILTON; análise do CAOS em Baku | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Quais os episódios fora da F1 que mais marcaram nossas vidas?

 

 

compartilhar
comentários
F1: Conheça o 'botão mágico' da Mercedes que contribuiu para erro de Hamilton

Artigo anterior

F1: Conheça o 'botão mágico' da Mercedes que contribuiu para erro de Hamilton

Próximo artigo

F1: Chefe da Haas diz que manobra de Mazepin sobre Schumacher foi um "mal-entendido"

F1: Chefe da Haas diz que manobra de Mazepin sobre Schumacher foi um "mal-entendido"
Carregar comentários