F1: Christian Horner diz que Red Bull pegará um piloto de fora caso substitua Albon

compartilhar
comentários
F1: Christian Horner diz que Red Bull pegará um piloto de fora caso substitua Albon
Por:

O chefe de equipe da RBR deixou claro que a equipe olhará para alternativas que não são de seu programa para 2021

O futuro de Alexander Albon tem sido especulado com frequência no paddock e na mídia, devido às dificuldades que o tailandês encontra para acompanhar o ritmo de seu companheiro de equipe, Max Verstappen. Atualmente, ele tem 64 pontos contra 147 do holandês. O bom desempenho de Pierre Gasly na AlphaTauri e as disponibilidades de pilotos como Hulkenberg e Pérez no mercado pressionam Albon ainda mais.

O chefe da Red Bull, Helmut Marko, deu a entender recentemente que a equipe principal não iria substituir Albon por um piloto do seu programa, mas sim procurar em outros lugares.

Leia também:

Depois de experimentar Daniil Kvyat, Gasly e Albon, a Red Bull está agora considerando seriamente uma abordagem diferente e procurando um nome mais estabelecido, que marcaria pontos regularmente e contribuiria para uma melhor posição no campeonato de construtores.

Questionado se a RBR aceitaria um piloto da AlphaTauri para o lugar do tailandês, a resposta de Christian Horner foi clara.

"Não. Acho que a AlphaTauri está bem resolvida com seus pilotos", disse.

“Se tivéssemos que olhar para uma solução diferente, então, obviamente, teríamos que olhar para fora do programa da Red Bull, simplesmente porque não há um disponível que poderíamos colocar. E há alguns pilotos de qualidade no mercado que podem ficar sem assentos no próximo ano. ”

Horner deixou claro que a "preferência da Red Bull é muito maior a Alex", mas ele tem que fazer por merecer.

Ele também citou a necessidade de uma atuação forte em Ímola, o que abre a possibilidade de que o prazo de Albon esteja perto do fim.

“Queremos que Albon reivindique esse assento e basicamente justifique que não há necessidade de olhar para qualquer outra alternativa”, disse ele.

“Acho que todo mundo na equipe quer que ele faça isso. Em Mugello as coisas pareciam estar mudando para as próximas corridas.

“Ele teve alguns fins de semana difíceis. Então, ele precisa se recuperar aqui e particularmente em Imola, com um fim de semana forte do início ao fim.

“Esse é o nosso foco. Como eu disse, ele é um membro popular na equipe, mas precisamos de dois carros mais próximos um do outro para lutar contra a Mercedes. É isso que temos que fazer, esse é o nosso alvo. ”

Sobre as opções de fora para o assento: a equipe já conversou com Nico Hulkenberg após Albon ter um teste inconclusivo de Covid-19 antes do GP de Eifel, onde pensou-se que um piloto reserva poderia ser necessário. No final, Albon estava apto e Hulkenberg não precisou substituí-lo. Sergio Pérez também é visto com bons olhos pela equipe pelo apoio financeiro que traz. A Red Bull perderá o patrocínio da Aston Martin no próximo ano.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Neste fim de semana, a F1 visita Portimão, para o GP de Portugal. E uma equipe que vem se destacando na temporada 2020 é a Renault, que vem mostrando muita consistência, com Daniel Ricciardo entre os seis primeiros nas últimas quatro provas. Pode ser uma boa aposta para o fim de semana hein? Quer saber mais? Confira o ThePlayer.com e não perca nada!

Q4: Assista ao debate sobre o treino classificatório para o GP de Portugal de F1, com Lucas Foresti

PODCAST: O mercado da F1 para 2021 e os 30 anos do bicampeonato de Senna

 

F1: Hamilton explica escolha ‘improvável’ de pneus médios para pole position

Artigo anterior

F1: Hamilton explica escolha ‘improvável’ de pneus médios para pole position

Próximo artigo

F1: Toto Wolff é favorável a congelamento de motores a partir de 2022

F1: Toto Wolff é favorável a congelamento de motores a partir de 2022
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Alexander Albon
Equipes Red Bull Racing
Autor Adam Cooper