F1: Ferrari ganhou vantagem em 2021 com mais uso de túnel de vento

Escuderia teve tempo adicional com a tecnologia devido à má colocação no último campeonato, que representou avanço de menos de um décimo

F1: Ferrari ganhou vantagem em 2021 com mais uso de túnel de vento

A Ferrari ganhou menos de um décimo de segundo por ter tempo extra para desenvolver seu carro de Fórmula 1 de 2021 no túnel de vento, de acordo com o chefe da equipe Mattia Binotto. De acordo com os regulamentos atuais que visam reduzir custos, as equipes têm permissão para uma base de 40 corridas em suas tecnologias, em comparação com as 65 das temporadas anteriores.

No entanto, o uso do componente também é definido pelos resultados em pista. As escuderias com pior desempenho obtêm testes extras com base em sua posição final no campeonato de construtores do último ano.

Leia também:

Como resultado dos títulos em 2020, os testes do túnel de vento da Mercedes foram limitados a 90% do total básico para 2021, o que significa 36 corridas. Devido a Ferrari ter feito sua pior temporada desde 1980 e terminado em sexto na classificação, pode utilizar 102,5%.

Isso se traduziu em apenas uma corrida extra, de acordo com Binotto, que avalia que o impacto no desempenho do carro foi mínimo, já que o tempo extra na tecnologia corresponde a uma semana de desenvolvimento.

"Obviamente, para a posição que terminamos no ano passado, temos mais algum tempo no túnel de vento", disse o chefe. "O tempo extra corresponde ao que chamamos de sessões em toda a temporada, por isso é uma adicional."

"Normalmente, é o mesmo que sete dias de progresso, que reduzem menos de 0,1 segundos por volta. Então, sim, é certamente uma vantagem, mas pequena. Ainda é importante e estou feliz em tê-la, não por causa do resultado do ano passado, mas porque pelo menos é algo que conseguimos em 2021. Apesar disso, não acreditamos que seja uma virada de jogo", acrescentou.

Charles Leclerc, Ferrari SF21, 2nd position, waves from his cockpit on his way to Parc Ferme

Charles Leclerc, Ferrari SF21, 2nd position, waves from his cockpit on his way to Parc Ferme

Photo by: Charles Coates / Motorsport Images

A Ferrari está entre as equipes que mais evoluíram em 2021, atualmente empatada com a McLaren em terceiro lugar no campeonato de construtores com 163 pontos.

Charles Leclerc largou da pole position nos GPs do Mônaco e Azerbaijão. Além disso, o monegasco e seu companheiro de equipe, Carlos Sainz, conseguiram pódios. A escuderia conquistou sua última vitória na Singapura em 2019, com Sebastian Vettel.

F1: Saiba detalhes da REUNIÃO SECRETA que poderia sacramentar SENNA na FERRARI dias antes de morrer

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Ricciardo: "Nem sempre uma vitória na F1 é o primeiro lugar"

Artigo anterior

Ricciardo: "Nem sempre uma vitória na F1 é o primeiro lugar"

Próximo artigo

F1 - Pérez: "Sinceridade de Marko é boa para meu desempenho"

F1 - Pérez: "Sinceridade de Marko é boa para meu desempenho"
Carregar comentários