F1: Leclerc lidera primeira manhã da pré-temporada no Bahrein

Abertura da pré-temporada no Bahrein trouxe importantes novidades nos carros

F1: Leclerc lidera primeira manhã da pré-temporada no Bahrein
Carregar reprodutor de áudio

Nesta quinta, a Fórmula 1 deu o pontapé inicial para a segunda parte da pré-temporada de 2022, com mais três dias de atividades, agora no Bahrein, palco da abertura do campeonato na próxima semana. E em uma manhã movimentada e com poucos problemas, foi a Ferrari quem terminou na ponta com Charles Leclerc, seguido Alex Albon e a Williams e Sebastian Vettel com a Aston Martin, enquanto Lewis Hamilton foi o quinto.

O monegasco fez o melhor tempo da sessão, 01min34s531 com o composto C3 ainda na primeira parte da manhã. Albon ficou com 01min35s070 (C4) enquanto Vettel marcou 01min35s706 (C3). Sergio Pérez colocou a Red Bull em quarto com 01min36s247 (C2), à frente de Hamilton, que fez 01min36s365 (C3).

Leia também:

Completaram o top nove desta manhã: Esteban Ocon, Guanyu Zhou, Lando Norris e Pierre Gasly. Entre os destaques desta sessão estão a estreia dos sidepods ‘minimalistas’ da Mercedes e a primeira aparição de Kevin Magnussen como o ‘novo’ piloto da Haas.

Assim como em Barcelona, as equipes terão três dias para testarem os novos carros à exaustão, divididos em duas sessões de quatro horas cada: a da manhã, das 04h às 08h, e a da tarde, das 09h às 13h, horário de Brasília.

Como o regulamento permite apenas um carro por equipe na pista, os times dividem o tempo entre seus pilotos. Participaram desta primeira sessão no Bahrein: Lewis Hamilton (Mercedes), Sergio Pérez (Red Bull), Charles Leclerc (Ferrari), Lando Norris (McLaren), Esteban Ocon (Alpine), Pierre Gasly (AlphaTauri), Sebastian Vettel (Aston Martin), Alex Albon (Williams) e Guanyu Zhou (Alfa Romeo).

Nesta manhã, apenas nove equipes foram à pista. A Haas já havia comunicado que perderia a primeira sessão devido ao atraso na chegada de seus equipamentos ao Bahrein, confirmando que participaria apenas à tarde com o brasileiro Pietro Fittipaldi a bordo do VF-22.

 

Apesar de não sair dos boxes, a equipe americana apresentou sua nova pintura, após o fim do acordo com a Uralkali. E seu ‘novo’ piloto, Kevin Magnussen, já está no Bahrein, pronto para participar dos testes.

 

Após a liberação da pista, Gasly e Zhou foram os primeiros a saírem dos boxes, com seus carros repletos de grades aerodinâmicas, para que as equipes façam testes de investigação do caminho do fluxo de ar. Logo depois, foi a vez de Hamilton, que foi à pista com uma das grandes surpresas do teste no Bahrein: os sidepods minimalistas da Mercedes.

 

O forte vento esteve presente ao longo da sessão e, com ele, a entrada de areia na pista, o que fez com que alguns pilotos travassem roda. Outro fator que deu as caras novamente foi o porpoising, com os carros sendo vistos ‘quicando’ nas retas.

Depois de duas horas de sessão, Leclerc liderava com a Ferrari, marcando 01min34s531 com o composto intermediário, C3, seguido de Hamilton com 01min36s365, também de C3 e Pérez com 01min36s581, de C2, o segundo mais duro da gama da Pirelli.

Nos minutos finais da sessão, o safety car virtual precisou ser acionado após Leclerc escapar na curva sete e quase parando no meio da tangência da curva oito. A bandeira verde foi acionada novamente a cinco minutos do fim, mas sem maiores atividades.

Charles Leclerc manteve a ponta até o final com o tempo de 01min34s531 feito na primeira metade da sessão com o composto C3. Em segundo, ficou Alex Albon, com 01min35s070, de C4, seguido de Sebastian Vettel, com 01min35s706 (C3). Sergio Pérez, com 01min36s247 (C2) e Lewis Hamilton, com 01min36s365 (C3) completaram os cinco primeiros.

A pista no Bahrein será liberada novamente aos pilotos a partir das 09h, horário de Brasília, para a segunda parte desta quinta-feira. A íntegra da sessão será transmitida pelo F1TV, serviço de streaming da F1. Já o Bandsports exibe ao vivo as duas últimas horas de atividades no Sakhir, entre 11h e 13h.

Confira a classificação final desta manhã no Bahrein

Piloto - Equipe - Melhor Volta - Composto Utilizado - Voltas Feitas

  1. Leclerc, Ferrari, 1m34.531s, C3 - 62
  2. Albon, Williams, 1m35.070s, C4 - 53
  3. Vettel, Aston Martin, 1m35.706s, C3 - 37
  4. Perez, Red Bull, 1m36.247s, C2 - 68
  5. Hamilton, Mercedes, 1m36.365s, C3 - 60
  6. Ocon, Alpine, 1m36.768s, C2 - 42
  7. Zhou, Alfa Romeo, 1m38.164s, C3 - 52
  8. Norris, McLaren, 1m37.580s, C2 - 21
  9. Gasly, AlphaTauri, 1m37.888s, C2 - 44

ANÁLISE: A escolha da Haas por MAGNUSSEN, o futuro de Pietro e a PISTOLADA de Nikita, que mira volta

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast - Boletim: Mercedes assombra paddock com solução ousada no Bahrein e Pietro vai à pista

 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Mercedes surpreende com sidepod diferente nos testes do Bahrein; veja
Artigo anterior

F1: Mercedes surpreende com sidepod diferente nos testes do Bahrein; veja

Próximo artigo

Brawn diz que F1 não antecipou sidepod surpreendente da Mercedes em regulamento

Brawn diz que F1 não antecipou sidepod surpreendente da Mercedes em regulamento