F1: Noite de premiação é marcada por prêmio a Verstappen e 'climão' entre Horner e presidente da FIA

Stefano Domenicali precisou intervir de maneira elegante a troca de farpas entre os dois personagens em relação ao GP de Suzuka

Max Verstappen, FIA F1 Champion, Mohammed Ben Sulayem, FIA President

FIA

Na noite dessa sexta-feira aconteceu a cerimônia da FIA que homenageou seus campeões em uma premiação anual que acontece em Bolonha e Max Verstappen levou, pela segunda vez, o troféu do campeonato mundial de pilotos da Fórmula 1.

Leia também:

A cerimônia viu Verstappen, o vice-campeão Charles Leclerc, o terceiro colocado Sergio Pérez e o chefe da equipe Red Bull, Christian Horner, conquistando o campeonato de construtores da F1, recebendo os maiores prêmios da noite.

Durante uma semana de reuniões do Conselho Mundial de Automobilismo e da Assembleia Geral da FIA, a entrega de prêmios culminou com a entrega do troféu do campeonato mundial a Verstappen pelo presidente da FIA, Mohammed Ben Sulayem.

Antes de receber o troféu, Verstappen disse na coletiva de imprensa da FIA Champions que havia emoções "muito diferentes" em relação ao seu segundo título em comparação com o primeiro no ano passado.

“Durante toda a sua vida, você almeja um objetivo específico e isso é se tornar um campeão mundial, para mim, na Fórmula 1”, disse Verstappen. “A primeira vitória é sempre muito emocionante, mas este ano tem sido muito diferente."

“Acho que fomos mais competitivos este ano e acho que, pela maneira como estávamos atuando como toda a equipe, vencemos os [campeonatos de] pilotos e construtores. Tivemos muitas vitórias como equipe. Eu diria que este é melhor e mais gratificante. Mas o primeiro sempre será mais emocionante.”

Ben Sulayem apareceu no palco para apresentar uma série de prêmios ao longo da noite e foi acompanhado pelo CEO e presidente da F1, Stefano Domenicali, para entregar a Horner o troféu de construtores.

Max Verstappen, FIA Formula 1 Champion, Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing, Mohammed Ben Sulayem, FIA President

Max Verstappen, FIA Formula 1 Champion, Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing, Mohammed Ben Sulayem, FIA President

Photo by: FIA

Durante seu discurso, Horner rapidamente dedicou um pedaço da sua fala para dedicar ao fundador da Red Bull, Dietrich Mateschitz, que morreu no final de outubro.

“Sei que felizmente ele viu Max vencer o campeonato no Japão, embora tenha havido um pouco de confusão sobre os pontos lá”, disse Horner. “Mas, felizmente, Max ganhou cedo e [ele] viu. E então, no fim de semana seguinte conseguimos ganhar este troféu. É muito especial.”

A confusão a que Horner se referiu ocorreu em Suzuka, onde uma consequência não intencional de reescrever as regras em torno de corridas encurtadas após o desastre de Spa no ano passado significou que todos os pontos foram concedidos, apesar de apenas pouco mais da metade da distância total ter sido alcançada.

Quando uma penalidade pós-corrida foi dada a Leclerc, Verstappen foi informado em parque fechado que havia conquistado o campeonato. A FIA já confirmou que planeja revisar o regulamento e procurar fechar a brecha.

Seguindo os comentários de Horner, Ben Sulayem disse: “Christian, antes de tudo, você merece a vitória, seja o fabricante ou Max. Em segundo lugar, você disse sobre Dietrich. Pilotei com patrocínio da Red Bull no meu último campeonato."

“E uma coisa que você disse sobre o Japão, o Japão que você disse ser controverso [sic] - não. A FIA foi culpada pelos pontos, mas não foi a FIA que fez as regras, foram as equipes que fizeram as regras e nós as implementamos”.

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing, Mohammed Ben Sulayem, FIA President

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing, Mohammed Ben Sulayem, FIA President

Photo by: FIA

Domenicali interveio, dizendo: “OK pessoal, mantenham o foco!” mas Ben Sulayem continuou: “Para mim, é muito, muito claro sobre a FIA, então muito obrigado. [Horner] está certo, eles merecem a vitória, todos que ganham merecem. Estas são as regras. Muito bem, digo honestamente."

Outros vencedores da F1 na noite incluíram Lewis Hamilton, que ganhou o prêmio de Ação do Ano da FIA por sua dupla ultrapassagem sobre Leclerc e Pérez no GP da Inglaterra em Silverstone, e o lendário designer Gordon Murray, que recebeu a primeira Medalha de Inovação do Presidente da FIA por suas contribuições para o design de carros de corrida e de estrada.

Os campeões dos campeonatos mundiais da FIA em Hypercar, GTE-Pro, Fórmula E, WRC, Rally Raid e WRX também foram homenageados, com muitos fazendo uma entrada espetacular ao pilotar seus carros até o palco.

 

 

Binotto na Audi? Saiba de novo rumor na F1

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #207 – ‘Era Verstappen’ tem prazo de validade na F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 - "Não ouso dizer se Hamilton será o nº1. Situação similar a com Rosberg"
Próximo artigo F1 - Ex-McLaren e os bastidores de Hamilton x Alonso: "Jogamos 2007 fora"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil