F1: Pérez afirma que dará volta por cima com Red Bull após sequência difícil de GPs

Nas últimas seis corridas, Pérez conquistou apenas 16 pontos, contra 59 de Bottas e 38 de Norris

F1: Pérez afirma que dará volta por cima com Red Bull após sequência difícil de GPs

Sergio Pérez "não tem dúvidas" de que dará a volta por cima em sua forma com a Red Bull após uma sequência de resultados difíceis nas últimas corridas da temporada 2021 da Fórmula 1.

O mexicano assinou com a equipe para este ano como substituto de Alex Albon, tornando-se o primeiro piloto além de Max Verstappen a vencer com a Red Bull desde Daniel Ricciardo em 2018. Mas após o pódio na França, Pérez vem sofrendo, ficando sem pontuar em três das últimas seis corridas e não indo além de um quinto lugar no GP da Itália.

Leia também:

Desde Silverstone, Pérez conquistou apenas 16 pontos, a mesma quantidade de George Russell com a Williams, enquanto seus rivais diretos na luta pelo terceiro lugar do Mundial de Pilotos, Valtteri Bottas e Lando Norris obtiveram 59 e 38, respectivamente.

Com isso, Pérez caiu para quinto no Mundial de Pilotos com 120 pontos, contra 151 de Bottas e 139 de Norris. Nos Construtores, isso permitiu que a Mercedes abrisse 33 de vantagem para a Red Bull com sete corridas restantes no ano.

Pérez tratou de deixar claro durante o final de semana do GP da Rússia que ele não deixaria essa sequência de resultados "quebrá-lo", tendo passado por adversidades similares em sua carreira na F1.

O carro da Red Bull tradicionalmente se mostra difícil de ser guiado nos últimos anos, como demonstrado pelos ex-companheiros de Verstappen, Pierre Gasly e Albon. Já o holandês consegue se encontrar melhor com o chassi do RB16B, casando com seu estilo agressivo de pilotagem.

O regulamento de 2022 deve diminuir algumas das características que tornaram a Red Bull tão complicada de guiar, dando a Pérez a chance de um novo início, e um aprendizado no mesmo ritmo de Verstappen.

"Não, não, ainda há um longo caminho pela frente", disse Pérez quando questionado se estava simplesmente torcendo pelo fim de 2021 para chegar logo ao novo carro da Red Bull.

"Já estive nessa posição antes, e darei a volta por cima, não tenho dúvidas. Ainda temos corridas pela frente e isso pode acontecer em cada final de semana. Mal posso esperar pelo resto do ano".

"Estamos em uma grande luta nos construtores e pode dar qualquer um".

Apesar da falta recente de resultados, Pérez sente que seu ritmo deu um passo adiante nesse período, mas que depende de tudo dar certo para ter um bom fim de semana.

"Acho que o ritmo melhorou bem nas últimas etapas. Temos apenas que garantir que tudo dê certo para transformar em resultados. Já fizemos isso antes e tenho certeza de que podemos chegar isso. Tenho total confiança na equipe. Ainda há um longo caminho pela frente".

RETA FINAL: Red Bull tem revés contra Mercedes e Hamilton pode trocar motor na Turquia

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #136 – Ju Cerasoli faz raio-X da rivalidade Hamilton X Verstappen de quem acompanha direto do paddock

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: A mensagem que Jules Bianchi jamais respondeu a seu pai
Artigo anterior

F1: A mensagem que Jules Bianchi jamais respondeu a seu pai

Próximo artigo

F1 pode ter programação flexível em condições adversas; entenda

F1 pode ter programação flexível em condições adversas; entenda
Carregar comentários