F1: Pérez diz que foi difícil manter o ritmo com menor pressão aerodinâmica

Terceiro lugar do mexicano no movimentado GP da França aumentou a vantagem da Red Bull na liderança dos construtores

F1: Pérez diz que foi difícil manter o ritmo com menor pressão aerodinâmica

Sergio Pérez foi à Red Bull suprir a ausência de um segundo piloto competitivo nos últimos dois anos e, até o momento, cumpre seu papel com maestria. Após vencer no Azerbaijão, o mexicano arrancou um pódio de Valtteri Bottas nas últimas voltas do GP da França de Fórmula 1 deste domingo (20) e conseguiu pontos preciosos para a equipe.

A diferença entre sua escuderia e a Mercedes agora é de 37 pontos e vantagem sobre o finlandês vai a 25, além de estar acompanhando de perto a disputa pelo título entre o companheiro Max Verstappen e Lewis Hamilton.

Leia também:

A RBR optou por usar menos força aerodinâmica no carro, o que ajudou a conseguir a pole position, mas com o vento desfavorável e a rápida degradação dos pneus, os pilotos tiveram que se esforçar para se manterem na pista.

"Era importante permanecer próximo ao líder, mas nas primeiras cinco a dez voltas estava praticamente impossível de dirigir com o vento", disse Pérez. "Usamos menos downforce hoje, então foi muito difícil manter o ritmo."

"Conforme o vento ficava mais calmo e a pista melhorava, comecei a andar mais forte, conseguimos estender [a primeira parada]. Acho que realmente valeu a pena no final. A dificuldade foi muito mais alta do que o esperado hoje. Fizemos uma ótima corrida e excelente estratégia. Estou feliz por termos vencido hoje e conquistado bons pontos."

F1 AO VIVO: Verstappen SUPERA Hamilton e ABRE na LIDERANÇA; as análises do GP da França | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual é o tamanho do "drama" de Bottas e Mercedes em 2021?

 

compartilhar
comentários
F1: Verstappen comemora triunfo na França após "boa luta no fim" com Hamilton e prevê luta "até o fim"

Artigo anterior

F1: Verstappen comemora triunfo na França após "boa luta no fim" com Hamilton e prevê luta "até o fim"

Próximo artigo

F1: Hamilton diz que estratégia de uma parada era "única chance" de derrotar Verstappen

F1: Hamilton diz que estratégia de uma parada era "única chance" de derrotar Verstappen
Carregar comentários