F1: Pérez fala sobre dificuldade de adaptação ao carro da Red Bull

Veterano mexicano comenta o desafio de se acostumar a uma nova máquina

F1: Pérez fala sobre dificuldade de adaptação ao carro da Red Bull

De quase 'chutado' da Fórmula 1 após ser dispensado da Racing Point para abrir espaço para o alemão Sebastian Vettel, Sergio Pérez deu a volta por cima e emplacou uma vaga na Red Bull ao lado do holandês Max Verstappen.

O editor recomenda:

O experiente mexicano assume o carro que era guiado pelo anglo-tailandês Alexander Albon e terá, uma vez mais, a oportunidade de disputar o pelotão da frente da F1, após rápida passagem por uma conturbada McLaren em 2013.

Pérez, porém, terá de se adaptar a uma equipe que costumeiramente constrói máquinas complicadas e supostamente favorece Verstappen. O mexicano, então, falou sobre o desafio que enfrentará.

“É muito diferente, já posso notar as diferenças”, disse Pérez ao Motorsport.com. “”Você sente que o carro tem uma frente forte por exemplo, você percebe isso tanto no carro quanto no simulador.”

“Posso entender que nem todo piloto pode se adaptar a este carro. Posso ver isso já com o tempo que preciso, e como tenho que configurar o carro para tirar os últimos décimos", explicou.

“Você aprende isso ganhando experiência com o carro e aprendendo como tirar o máximo dele. Espero que não demore muito para entender isso”, completou Pérez, de 31 anos de idade.

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

EXCLUSIVO: BAND fecha com COMENTARISTAS da F1 e STOCK; VEJA os nomes

PODCAST: Corridas aos sábados e tetos: revolução imposta pela Liberty pode tirar DNA da F1?

 

.

compartilhar
comentários
Verstappen vê risco: “Corridas sprint não resolvem problemas da F1”

Artigo anterior

Verstappen vê risco: “Corridas sprint não resolvem problemas da F1”

Próximo artigo

F1: Chefe da Ferrari não irá em todos os GPs de 2021 para focar em 2022

F1: Chefe da Ferrari não irá em todos os GPs de 2021 para focar em 2022
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Luke Smith