Fórmula 1 GP de São Paulo

F1: Verstappen admite 'medo' do ritmo da Mercedes

Holandês da Red Bull ainda explicou que pneus estavam sendo "comidos vivos" durante sprint em Interlagos

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, George Russell, Mercedes W13

Max Verstappen está "preocupado" com o ritmo que a Mercedes pode apresentar durante o GP de São Paulo de Fórmula 1. A dupla Lewis Hamilton e George Russell irá largar na primeira fileira após conseguir um ótimo resultado durante a sprint race deste sábado.

Leia também:

Apostando em pneus médios para a corrida de velocidade em Interlagos - e sendo um dos únicos ao lado de Nicholas Latifi da Williams - o bicampeão mundial analisou que, mesmo se estivesse com os compostos vermelhos como a rival das Flechas de Prata, não iria conseguir alcançar o ritmo apresentado por eles. Por isso, o holandês acredita que não será tão simples vencer a dupla mercedista no domingo. 

"Mesmo no macio, acho que não teríamos o ritmo que a Mercedes teve, então isso é um pouco preocupante para amanhã", admitiu. "Definitivamente, analisaremos tudo, mas normalmente não há muito o que você possa fazer para melhorar".

Ainda sobre os compostos, o piloto da Red Bull esclareceu que os pneus estavam sendo "comidos vivos" em relação à degradação. A falta de ritmo começou a ser apresentada pelo holandês a medida que a sprint ia avançando, com Russell abrindo 2.3s de vantagem para o campeão depois de ultrapassa-lo na curva 3 da volta de número 12 e assumindo a liderança.

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, George Russell, Mercedes W13

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, George Russell, Mercedes W13

Photo by: Andy Hone / Motorsport Images

Ao fim, o piloto o holandês fechou a corrida que define o grid de largada para o GP do domingo em quarto lugar - mas vai largar em terceiro devido a penalização de cinco segundos dada a Sainz - vendo Russell abrir um gap de10s.

"Os pneus estavam sendo comidos vivos. Claro que com o contato [com Sainz] minha asa dianteira ficou um pouco danificada, mas mesmo com uma asa dianteira completa eu teria terminado em quarto", disse Verstappen. "Eu não tinha aderência dos pneus. De alguma forma, os médios não duraram nada e não tínhamos ritmo."

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate 'valor real' do GP no Brasil para a F1; ouça já

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 
 
 
 
 
 
 

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 - Climão na Alpine? Alonso "só quer ir para Abu Dhabi e testar Aston Martin" após choque com Ocon em Interlagos
Próximo artigo F1: Alonso é punido por toque com Ocon durante a sprint no Brasil

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil